DEU NO IG

Arlei de Oliveira Rosa (PMDB) não programava, pelo menos por enquanto, disputar uma eleição para prefeito de Teresópolis. Presidente da Câmara de Vereadores da cidade, o cargo “caiu no colo” após o afastamento temporário do prefeito Jorge Mário Sedlacek, enquanto são apuradas denúncias de desvio das verbas para reparar os estragos causados pela chuva no município, e a morte do sucessor interino, Roberto Pinto, que infartou na madrugada deste domingo dois dias após assumir a Prefeitura. Arlei será agora o prefeito interino, a princípio, por 90 dias, prazo estipulado para que as denúncias sejam investigadas. Ele tomou posse neste domingo, em rápida solenidade na Câmara.

Ao iG, Arlei contou que estava em sua casa quando recebeu a notícia. Ele compareceu ao velório de Roberto Pinto, que infartou e faleceu na madrugada deste domingo após ter assumido, também como interino, na última sexta-feira. O primeiro ato de Arlei como prefeito foi decretar luto oficial na cidade por três dias, além de ponto facultativo nos órgãos públicos. Para esta segunda-feira, já convocou uma reunião com os vereadores para nomear os novos secretários, já que o corpo do governo de Sedlacek fora exonerado por Pinto, que chegou a trabalhar na mesa do saguão da Prefeitura.

“Estava em casa e permaneci por lá. Saí apenas para ir ao velório e tomar posse. É uma momento muito complicado. Será um grande sacrifício assumir o cargo, mas foi a vontade de Deus, que colocou isso no meu caminho. Convoquei os vereadores para uma reunião na Câmara nesta segunda-feira, para que possamos nomear os novos secretários”, disse Arlei, afirmando que não sabia se disputaria as próximas eleições para a Prefeitura. “Isso é mais uma questão partidária e nada estava definido neste sentido”, explicou.

ago
07
Posted on 07-08-2011
Filed Under (Newsletter) by vitor on 07-08-2011


Coliseu: “uma brincadeira de mau gosto”
===========================================
Uma caixa suspeita encontrada sob uma arcada do Coliseu de Roma, Itália, e um telefonema anónimo, levaram as autoridades a evacuar o monumento. O objeto foi detonado, tendo-se constatado que não existia nenhuma bomba.

A caixa suspeita foi destruída pelas 17h30, uma hora e meia depois de as autoridades terem retirado todos os visitantes do Coliseu de Roma, um dos principais pontos turísticos da cidade italiana.

De acordo com o presidente da Câmara de Roma, Gianni Alemanno, a caixa tinha terebintina (usada para diluir tinta) e dois filamentos ligados a uma bateria de nove volts. O objeto suspeito foi colocado numa área a que o público não tem acesso, de forma a fazer crer que se tratava de uma bomba. “Foi uma brincadeira de mau gosto ou a obra de um louco”, comentou o presidente da Câmara, referindo-se a um “falso alarme”.


(Informações do jornal Diário de Notícias. de Lisboa)


João Durval: faltou vaga na ponga presidencial

========================================

DEU NO CORREIO BRAZILIENSA (REPRODUZIDO NO BLOG DE CHICO BRUNO)

Overbooking em João Durval

Luiz Carlos Azedo / Correio Braziliense

O senador João Durval (PDT-BA) ficou indignado com o convite desfeito em cima da hora para que o senador acompanhasse a presidente Dilma Rousseff na viagem à Bahia, anteontem.

O parlamentar, que tem 82 anos, chegou a fazer as malas, mas foi avisado pelo Gabinete de Relações Institucionais de que o avião presidencial estava cheio.

O senador, que durante a semana enfrentou ataques da oposição por ter retirado seu nome para assinar a criação da CPI dos Transportes, chegou a ser convidado novamente para a viagem, mas recusou o convite.

ago
07
Posted on 07-08-2011
Filed Under (Artigos) by vitor on 07-08-2011


=============================================

A voz de Gary é apreciada pelos seus colegas de trabalho, o que levou a um colega seu, David Fischer, a colocar o vídeo na Internet.

No vídeo do You Tube vê-se um cartaz onde diz “esqueçam todo o barulho da 2.ª Avenida e apreciem a música”.

No fim da atuação, Gary fez questão de reforçar que é um mero peão de obras. “Trabalho nesta obra na estação de Metro 2.ª Avenida”.

Esta estação fica em Uper East Side e pertence à rede metropolitana de Nova Iorque.

O vídeo é um dos maiores sucessos da Internet nos Estatos Unidos e o operário Gary virou atração em Nova Iorque. Confira no BP.


==============================================

Marlon: Veja esta versão de Motriz. A msgia se completa com a presença de Santo Amaro.Abs (VHS)
=============================================
Feliz aniversário, Caetano, santamarense filho de Zeca e Canô, irmão de Bethânia. Como se não bastasse “Motriz” para ser eterno, você fez muito, muito mais.

Bom domingo leitores e ouvintes do BP.

(VHS)

ago
07
Posted on 07-08-2011
Filed Under (Newsletter) by vitor on 07-08-2011

============================================

DEU NO PRIMEITA EDIÇÃO

Músico, produtor, arranjador e escritor, Caetano Veloso comemora neste domingo 69 anos de idade e o programa Aplauso, da Educativa FM (107,7MHz), presenteia os fãs do artista com um especial inteiramente dedicado ao filho de Dona Canô. O programa vai ao ar das 10h ao meio-dia.

Além do costumeiro passeio musical, o Aplauso fala um pouco sobre a vida e a trajetória deste ilustre baiano de Santo Amaro da Purificação, que com seus fraseados sonoros conquistou não apenas seu país, mas, se tornou sinônimo de Brasil em outras nações.

Considerado uma das figuras mais importantes da música popular brasileira, Caetano Veloso permanece atual, mesmo depois de mais de quatro décadas de carreira. Sua obra tem grande valor intelectual e poético é marcada pela releitura e renovação.

Os ouvintes da 107,7 MHz vão relembrar alguns sucessos que marcaram a carreira de Caetano, como Cajuína; Rapte-me; “Alegria, Alegria”; Tropicália; É Proibido Proibir; Baby – dueto com Gal Costa; Maninha – dueto com Maria Bethânia; Nosso Estranho Amor – dueto com Marina; Só vou Gostar de Quem Gosta de Mim; Sampa – Dueto com Maria Gadú; dentre outras.

Incêndios e pilhagens em Tottenham

============================================
Pelo menos 42 pessoas foram detidas na sequência dos distúrbios registados na noite de sábado em Tottenham, no norte de Londres, onde vários veículos e edifícios foram incendiados e lojas saqueadas.

O comandante da Polícia Metropolitana Adrian Hanstock atualizou hoje o balanço dos confrontos entre populares e polícias, dando conta de 26 polícias feridos, dois dos quais continuam no hospital. Pelo menos três civis tiveram de receber assistência médica, adiantou, e 43 pessoas foram detidas. Este responsável rejeitou críticas feitas à falta de meios policiais, alegando que a “violência desta dimensão não podia ter sido antecipada”. Mas o deputado eleito pela região, David Lammy, questionou hoje se “pequenos distúrbios iniciais podia ter sido parados mais rapidamente”.

O político lamentou que a violência se tenha prolongado “durante muitas horas” até ser visto o policiamento que considerou “ser apropriado”. O governo já condenou o sucedido, que o primeiro-ministro, David Cameron, considerou “absolutamente inaceitável”. “Não há justificação para a agressão que a polícia e a população enfrentaram e os estragos a propriedades”, afirmou num comunicado. No local estão dezenas de elementos de forças de segurança, bem como bombeiros, que continuam a tentar eliminar os incêndios da noite anterior.

Os confrontos aconteceram após uma uma manifestação a propósito da morte de um residente local, Mark Duggan, na quinta-feira durante uma operação policial. Duggan morreu no táxi onde seguia na sequência de uma troca de tiros quando um polícial tentou fazer uma detenção relacionada com crime violento mas não são conhecidos os pormenores do incidente.

A manifestação, inicialmente pacífica, acabou no arremesso de objetos a polícias e à esquadra local, tendo dois veículos policiais sido incendiados. Uma multidão de mais de uma centena de pessoas atacou então lojas, partindo vitrinas, saqueando o interior e incendiando algumas destes estabelecimentos comerciais. Esta manhã era possível ver fumaça saindo de alguns edifícios, dos quais algumas pessoas tiveram de abandonar as habitações para fugir às chamas das lojas no piso térreo.

Distúrbios foram também registados em bairros adjacentes, principalmente pilhagens em Wood Green. A zona dos confrontos foi entretanto fechada pela polícia, que está a investigar os acontecimentos.

Tottenham, no norte de Londres, é um bairro pobre com muitas comunidades étnicas, sendo frequentemente identificado com criminalidade e tensões sociais. Em 1985, um polícia morreu durante motins resultantes da indignação popular após a morte de uma mulher durante umas buscas policiais.

(Informações do jornal português Diário de Notícias)

ago
07
Posted on 07-08-2011
Filed Under (Charges) by vitor on 07-08-2011


===========================================
Simanca. hoje, no jornal A Tarde (BA)

=============================================

DEU EM O GLOBO

Dez anos da morte de Jorge Amado – 6 de agosto de 2001 – E, na próxima quarta-feira, 99 de seu nascimento. Entre lamentar a perda de sua risonha companhia e celebrar sua obra, a família do baiano que criou Tieta, Gabriela, Tereza Batista, Quincas Berro d’Água e Pedro Bala preferiu ficar com a segunda opção. No dia 10, a quarta do aniversário, numa “merenda” na Fundação Casa de Jorge Amado, em Salvador, começa oficialmente o ano do centenário do escritor, com a divulgação dos eventos que vão preencher a agenda de comemorações. Antes de 2012 chegar ao fim, Jorge estará por todos os lados: no museu, cinema, teatro e até mesmo em seu amado carnaval.

O ponto alto da celebração será a exposição “Jorge, Amado e universal”. Ela ocupará 400 metros quadrados do Museu da Língua Portuguesa, em São Paulo, entre os meses de março e julho e, em seguida, migrará para o Museu de Arte Moderna de Salvador, onde ficará aberta ao público até outubro de 2012.

– É uma exposição em primeira pessoa – adianta ao GLOBO o curador da mostra e diretor do Instituto Brasil Leitor, William Nacked. – Dividiremos o espaço em quatro áreas: Jorge por Jorge, Jorge por terceiros, Jorge internacional e a produção de Jorge, onde o visitante poderá ver documentos dele. Mantendo o estilo do Museu da Língua Portuguesa, haverá muita interatividade e uma elevada porcentagem de ineditismo – promete.

Nacked, que começa a prospectar o acervo do escritor em setembro, planeja uma exposição modular que possa ser ainda mais itinerante. Em seus planos, “Jorge, Amado e universal” também será exibida no Rio de Janeiro, em Brasília, Porto Alegre e no exterior, mas ainda não há acordos fechados para isso.

– Ele foi tão embaixador do Brasil no exterior quanto Vinicius de Moraes – defende o curador. – O volume de personagens que criou é tão grande, tão representativo do país e tão contemporâneo que assusta. Não há dúvidas de que a exposição será popular. Só em São Paulo, esperamos uns 400 mil visitantes.

O segundo grande evento do ano Jorge recai sobre sua neta Cecília Amado. No dia 14 de outubro, ela estreia em circuito nacional o longa-metragem “Capitães da areia”. O filme é baseado no livro homônimo de 1937 e tem direção e roteiro assinados por ela.

No teatro, Jorge Amado ganhará vida pelas mãos do diretor pernambucano João Falcão. Em 2012, ele transformará “Gabriela, cravo e canela”, romance de 1958, em musical.

– Neste fim de semana vou me reunir com o inglês Kevin Wallace, coprodutor da peça, para afinar os detalhes. A ideia é ser fiel ao livro e estrear no Rio, mas ainda não sabemos onde nem quem será a nossa Gabriela – diz Falcão, no suspense.

Detentora dos direitos sobre a obra completa de Jorge desde 2007, a Companhia das Letras chega ao ano do centenário lançando uma versão ilustrada das memórias “Navegação de cabotagem” (1992), ao menos dois títulos em formato de bolso (hoje só existe “Capitães da areia”) e uma caixa temática ainda não definida.

– Encontrei fotos que a Hildegard Rosenthal (fotógrafa suíça) fez de Jorge Amado – conta Thyago Nogueira, editor da coleção. – Elas e outras preciosidades garimpadas em Salvador, Rio e São Paulo estarão nessa edição especial de “Navegação”.

Para Nogueira, 2012 será o ano da revalorização literária do escritor:

– Por um tempo, talvez por ter ficado associado à novela, ao universo popular, ou por ter uma posição política forte, Jorge Amado sofreu certo preconceito – diz. – Mas ele tem uma importância e uma qualidade indiscutíveis. Trouxe para a literatura personagens que não existiam nos livros, como os meninos de rua de “Capitães da areia”.

Também vai merecer destaque o primeiro volume do “Catálogo fotográfico de Zélia Gattai – A casa do Rio Vermelho”. A obra sai este mês e reúne mais de mil fotos de Jorge com a família, feitas por sua mulher, na propriedade que o casal considerava seu porto seguro, em Salvador. O livro – de onde saíram as imagens desta página – é fruto da digitalização que a Fundação Casa de Jorge Amado realiza do acervo do escritor e de Zélia.

– São 20 mil textos de Jorge e 25 mil fotos de Zélia – conta Myriam Fraga, diretora da fundação. – É uma tarefa árdua, mas bonita.

Leia reportagem completa em O Globo

http://oglobo.globo.com/cultura

  • Arquivos