Escuta ilegal leva ao fim maior tabloide inglês

===============================================
O presidente para a Europa e para a Ásia da News Corporation, James Murdoch, filho do magnata Rupert Murdoch, anunciou o encerramento do tablóide britânico News of the World, envolvido num escândalo de escutas ilegais. A informação é uma das manchetes do portal português TSF.

«Tendo discutido o assunto com colegas em cargos de direção, decidi que devemos tomar medidas adicionais relativamente ao jornal. A edição deste domingo será a última do News of the World», afirmou James Murdoch numa mensagem à equipe do jornal, divulgada pela NewsCorp.

O News of the World, fundado em 1843 e adquirido por Rupert Murdoch em 1969, era o semanário mais vendido no Reino Unido, com uma tiragem de 2,6 milhões de exemplares.

O encerramento deve-se a uma investigação criminal sobre a interceptação de mensagens telefônicas por pessoas associadas ao News of the World.

Em 2007, um dos repórteres do jornal foi condenado em tribunal por aceder sem autorização ao “voice mail” de políticos e celebridades. No início deste ano, artigos na imprensa norte-americana e britânica revelaram outros elementos sobre as práticas de interceptação de mensagens telefônicas pelo News of the World.

Esta semana, os jornais The Guardian e The Daily Telegraph trouxeram novas revelações de escutas – a familiares de vítimas de ataques terroristas, de vítimas de crimes e de soldados mortos no Afeganistão e no Iraque.

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos