================================================
OPINIÃO POLÍTICA

Os blogueiros progressistas

Ivan de Carvalho

Nada contra os blogueiros. Pelo contrário. Tudo a favor. Mas admito que fiquei surpreso com o “II Encontro Nacional dos Blogueiros Progressistas”. O evento contou com cerca de 400 pessoas que apoiaram o governo Lula e a eleição de Dilma Rousseff.

Por uma dessas falhas de atenção que qualquer pessoa normal pode ter, incluindo jornalistas, cuja obrigação é se esforçar para não sofrerem desse mal, eu nunca ouvira falar no “I Encontro Nacional dos Blogueiros Progressistas”. E aí me vem o tal “II Encontro”.

Ser o II Encontro o primeiro sobre o qual ouço e leio não é a verdadeira surpresa a que me refiro. Os Blogueiros Progressistas podem fazer quantos encontros nacionais quiserem e o ex-presidente Lula, ciceroneado pelo ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, podem sempre comparecer.

E Lula pode comportar-se como se comportou, como dono da festa, discursando com um conteúdo e um tom que foram a reiteração de que os “blogueiros progressistas” estão a seu serviço. Isso não é da minha conta, a Internet é, pelo menos por enquanto e na maioria dos países, território livre.

Abrindo um parêntesis. Em alguns países não é. Só a título de exemplo, permito-me citar a Coréia do Norte, um inferninho totalitário governado pelo ditador Kim Jong-il, filho do ditador morto Kim Il-sung e que já nomeou seu filho Kim Jong-un para sucedê-lo. Ou a China comunista. Ou o Irã. Ou a Líbia. Ou a Síria.

Ou, quem sabe, a Rússia, em marcha batida para afastar-se da democracia e da liberdade, e cujo aparelho de segurança interna quer banir o hotmail, o gmail e outras coisas na Internet sob a alegação de que seu controle é quase impraticável (atenção para o quase).
O presidente Medvedev – aparentemente menos autoritário que seu antecessor e atual primeiro-ministro Vladimir Putin, formado na escola da KGB – precisou garantir publicamente que não será feito o que o aparelho de segurança propõe. Não sei é se Medvedev terá força para impedir o retorno da Rússia à sua multisecular tradição autoritária.
Mas o que é que os “blogueiros progressistas” têm a ver com o jeito pelo qual as coisas acontecem nesses países citados? Não sei, quem souber, por favor, me avise, como diria o querido colega Vitor Hugo Soares. E fecha-se o parêntesis.

Voltemos ao II Encontro Nacional de Blogueiros Progressistas. Uma coisa me deixa intrigado neste nome. Que diabo é “progressista”? A favor do progresso. E o que é progresso? Aprendi na escola que é “mudança para melhor”. Então esses blogueiros querem uma mudança para melhor.

Mas o que é melhor? Ah, isso eles disseram, depois de ouvir Lula clarear-lhes a mente com o ensinamento de que eles são fundamentais para enfrentar a “grande mídia”. Aliás, esse recente acesso de furor ex-presidencial contra a “grande mídia” seria porque esta foi responsável, juntamente com um monte de “blogueiros não-progressistas”, pela descoberta e anúncio da nova modalidade do milagre da multiplicação (não dos pães e peixes, mas do patrimônio) praticada pelo ex-ministro Palocci, que exatamente por isto hoje é ex? Ou será por causa da ressurreição inesperada – e promovida também pela grande mídia – do escândalo conhecido como Dossiê dos Aloprados, agora reforçado e que deve atrapalhar mais ainda os planos do PT de chegar ao governo paulista em 2014?

Bem, os “blogueiros progressistas” acham, em carta que faz ataques à mídia, que o progresso está em se fazer um “novo marco regulatório” dos meios de comunicação e deixam claro que o projeto autoritário redigido pelo ex-ministro das Comunicações de Lula, Franklin Martins, sirva de base para a discussão do “novo marco regulatório”.

Be Sociable, Share!

Comentários

Jader Martins on 21 junho, 2011 at 17:12 #

Certamente o autor não seria convidado para participar dos blogueiros progressistas , pois o memo repete o que a mídia dominado por algumas familias faz: oposição permanente ao atual governo. Ou seja , partidarização da noticia. O que seria da bolinha de papel do Serra se não fosse os blogs? O que seria da ficha falsa de Dilma publicada na primeira pagina da Folha? Por que a midia , que chamamos de PIG, não denuncia o aumento patrimonial de Aecio, que sempre ocupou cargos publicos ? Por que o mensalão é só do PT e esquecem que o mesmo começou em Minas com um ex governador do PSDB? E a filha de FHC , o que dizer ? Já pensou se fosse o Lula que houvesse gerado uma filha fora do casamento ?


Jader Martins on 21 junho, 2011 at 17:31 #

Será que uma noticia com esta vai sir em alguma mídia . Talvez (sic) em pé de página!!!Daí o papel dos blogueiros progrssistas.

Os ex-presidentes Luiz Inácio Lula da Silva (Brasil) e John Agyekum Kufuor (Gana) receberam hoje (21) o Prêmio Food World 2011, em cerimônia no Departamento de Estado norte-americano, em Washington, nos Estados Unidos. Ambos foram escolhidos pelos esforços feitos durante seus governos para executar políticas públicas de combate à fome e à pobreza.


Ivan de Carvalho on 21 junho, 2011 at 19:19 #

Jader,
Claro que eu não poderia ser convidado para o II Encontro do ogueiros Progressistas. Primeiro, claro, porque não sou blogueiro, embora não descarte isso mais à frente.
Mais importante, no entanto, é que não sou “progressista”. Nunca foi. Essa palavra – inventada nos laboratórios da propaganda comunista soviética no tempo da Guerra Fria – não me engana.
Não sou tão bobo assim…


danilo on 21 junho, 2011 at 21:51 #

xiiii, Ivan. vamos usar uma metáfora lullista-futebolistica para esta sua sensacional resposta:

o meganha stalinista Jader foi com tanta agrestia pra cima de você e você deu um “banho-de-cuia” e ele passou tão batido que se esborrachou no alambrado.

kkkk. blogueiros progressistas bahh patrocinados com dinheiro público pra ser chapa-branca.


Marco Lino on 22 junho, 2011 at 3:29 #

Não foi à toa que o então candidato José Serra, o limpinho, chamou essa gente de “blogueiros sujos”. São agentes petistas travestidos de jornalistas independentes. Aliás, essa gente critica o partidarismo da “grande mídia”, mas não tem o menor pudor em informar que foram demitidos de lá por imprimirem às suas atividades um caráter ideológico. Bem feito!

Brincadeiras à parte, essa gente fez um contraponto interessante à “velha mídia” na última campanha presidencial. Partiu dela a primeira versão de que o “dossiê petista” sobre Serra e o alto tucanato era na verdade produto da intriga (nada limpa) entre Serra e Aécio (via o Estado de Minas, aecista). Foi ela também quem reverberou as falcatruas da limpinha campanha serrista, quando era pecado falar o nome Paulo Preto (preto não, afrodescendente, segundo Serra) – fazendo justiça, a Folha reverberou também. Dela tb partiu a informação sobre a empresa (nada limpa) da filha do Limpinho com a irmã do baiano e soltíssimo Dantas (ah se fosse nos EUA…). Mas o contraponto mais interessante foi o da “bolinhagate”. Um professor da Federal do RS ou SC (não lembro agora), especialista em imagens, demonstrou e postou num blog sujo que o OVNI visto pelo limpíssimo Molina era na verdade a careca de um passante… Pronto, afundou a última bóia de salvação da campanha serrista… E eu gostei, é claro!

Longe (ainda) de fazer frente aos grandes portais de informação, essa gente faz um contraponto interessante aos noticiadores e interpretadores oficiais. Leio alguns – e gosto!


danilo on 22 junho, 2011 at 10:11 #

vamos imaginar a seguinte cena:

Lullla está fazendo uma carreata no bairro de Higienópolis (pode ser também no Corredor da Vitória, aliás bairros “limpinhos” são moradias preferidas de petistas de alto coturno); e aí alguem joga uma bolinha de papel na cabeça de Lullla.

imagine esta cena filmada e ir para os jornais da televisão e depois analisada por um legista renomado, e ele diz que não foi bolinha de papel.

a partir deste fato o que faria o lulllo-petismo?

faria uma confusão dos diabos, falaria em atentado golpista, e os bolivarianos fariam um reunião de urgência para denunciar ao mundo o ato como terrorismo de direita.

portanto, o fato de ser bolinha de papel ou rolo de papel higiênico não faz diferença nenhuma. aquilo foi coação de milicia mesmo. coisa típica de ditaduras, que querem ganhar o jogo no tapa.

se antes tinha o famigerado CCC-Comando de Caça aos Comunistas agora temos o glorioso PTEZ-Pitbulls Exterminadores da Zelite.

ps: o mais patético deste tipo de argumento de Marco Linov é que antes o PT não fazia maracutaia, e agora argumentam que todos fazem igual.

Marvo Linov, a Bahia inteeeeira já percebeu que você não dá uma dentro. tá ficando feio pra sua cara.


Marco Lino on 23 junho, 2011 at 0:37 #

Educadinho hoje… por acaso está medicado?

Faltou um detalhe importantíssimo no imbróglio bolinhagate: o cidadão que atirou a “bolinha de papel” no Limpinho tinha uma camisa azul (roupa de campanha) e, depois da confusão, entrou na van da comitiva da limpeza. Outro detalhe: como São Cristóvão é um reduto brizolista e lá fica a sede do sindicato dos “mata-mosquitos”, agentes da Funasa que anos antes o ministro Serra, a mando do FHC, demitiu 6.000 de uma única vez. Ora, qualquer sujeito com o mínimo de neurônio na caixola perguntaria que diabos o Limpinho faria num lugar tão adverso desses? A farsa, o golpe! O Limpinho encarnou o que havia de pior na UDN.

É claro que a Globo não mostrou nem mostrará nada disso. Mas ela merece os telespectadores que tem.

Agora, meu caro, vc como um agente parabrisa da Globo, do Molina e do Limpinho bem que poderia processar o professor e os blogs sujos que denunciaram a farsa – até agora nenhum desses contestou a versão apresentada; talvez, claro, por não terem visto.

Sobre o “legista renomado”, procure a ficha corrida do perito Molina. Talvez vc seja surpreendido com o que verá.

Sobre o “argumento” que vc atribui a mim, não tenho lembrança de ter justificado maracutaia alguma do pt em nossas doces conversas. O que falo da momentânea estada do pt no poder parece-me um pouco mais sofisticado. Falo de uma cultura política brasileira que vem desde os tempos da colônia, atravessou o Império, República, ditaduras e chegou até aqui sem que ninguém (instituições, não; pessoas, sim!) iniciasse um processo de transformação que mudasse essa realidade. O pt, por também não querer ou por não ter força suficiente para fazê-lo (julgue), não fez força alguma para mudar a realidade política que encontrou. Jogou o mesmo jogo (o interesse do partido voltou-se para o econômico e social). A pergunta que cabe, porém, é por que cobram somente do pt quando sabem que o psdb também comprou o Congresso – inclusive para mudar a Constituição, quando pagou quinhentos paus por cabeça pela reeleição?! (Novamente julgue!) Veja (cruz credo!), não é justificar erro algum, é cobrar equidade.

Entretanto, meu caro, como dizem que macaco não olha para o rabo, lembro de vc sempre fazendo uso desse artifício argumentativo “patético” quando, por exemplo, questiono o fato de a oposição estar querendo derrubar um governo legalmente eleito. Suas respostas invariavelmente são: “o pt fazia o mesmo!”. Outro dia (não faz muito tempo) questionei a imparcialidade da imprensa ao forjar crises (acho que foi isto), e sua brilhante resposta foi “aconteceu a mesma coisa por ocasião do impeachment de Collor e o pt gostou e tal…”

Acho que está de bom tamanho, não? Bom São João, garoto!


danilo on 23 junho, 2011 at 1:40 #

devolvo a bola com chute de 3 dedos:

o que fazia o PT após a redemocratização e quando era oposição além de tentar derrubar TODOS os governos eleitos democraticamente ?


Marco Lino on 23 junho, 2011 at 9:05 #

Garoto, vc só me ajuda. Observe que vc me acusou de utilizar esse “argumento” e acaba de fazer uso do mesmo.

Ou seja: o fato de o pt ter feito isto outrora justifica o que fazem com ele hoje. Um erro justifica o outro, é o que vc está dizendo – e sempre diz.

Aliás, vc, Palocci e Dirceu são useiros e vezeiros em fazer uso deste expediente. Não à toa são três ex-petistas.

Sinceramente, não sei como um “expert” como vc vacila tanto assim. Talvez o avançar das horas ou o licor, não?! De qualquer forma, não gosto de expor as entranhas das pessoas assim, mas vc fica pedindo…

Vai descansar, garoto – ou então dançar lá no Pelourinho de Wagner.

End game!


danilo on 23 junho, 2011 at 10:12 #

já que vc é um republicano, um constitucionalista, no sentido clássico da palavra, imagino que na época de FHC perante as tentativas golpistas do PT, você criticava o PT com a mesma fúria com que critica os “golpistas” de hoje.

certamente até passaria por um tucano emplumado de Higienópolis..

mas acho que não. você é um petralha mesmo, e da ala vaselina.

e que com argumentos conflitantes escorrega pro outro lado perante sua estreiteza.

tchau, vovô.


Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos

  • junho 2011
    S T Q Q S S D
    « maio   jul »
     12345
    6789101112
    13141516171819
    20212223242526
    27282930