jun
10
Posted on 10-06-2011
Filed Under (Crônica, Janio) by vitor on 10-06-2011

Janio: direto de Paulo Afonso
o incrivel diálogo do poder

============================================================
CRÔNICA/CONVERSAS

O papo de Lula com Palocci

Janio Ferreira Soares

– Pôxa, Palocci, de novo!
– Mas presidente, eu achei que as coisas tinham mudado. Genoino é assessor do Ministério da Defesa; Delúbio foi perdoado; Erenice está na dela; João Paulo se elegeu deputado e foi escolhido para presidir logo a CCJ (Comissão de Constituição e Justiça); sem falar em Renan, Jucá, Sarney, então eu pensei que…
– Pensou errado, Palocci, pensou errado. Esses últimos que você citou aí são velhos marinheiros acostumados a driblar tempestades. O diabo são os nossos, que não aprendem nunca. Aí aparecem esses meninos da imprensa, como se diz lá em Garanhuns, feito cães chupando manga, fuçando tudo, doidos para nos pegar na curva da displicência (“ô Marisa, anote essa para a próxima palestra.”) e dá no que dá. Mas também, você foi de uma ingenuidade que vamos respeitar! Precisava comprar um apartamento de 7 milhões? Disfarçava, adquiria um menor lá pras bandas do Itaim, financiava em 48 meses. Aí depois fica com essa cara de pamonha que saiu do fogo antes da hora, se desmilinguindo todo, sem ter como explicar essa reincidência comportamental (ô Marisa, mais uma!).
– Mas presidente, eu achei que depois da entrevista na Globo as coisas iriam melhorar.
– Fala sério, Palocci. A única coisa real ali eram aqueles carros passando ao fundo enquanto você falava. A propósito, eu vi um fusca piscando os faróis e pensei: será que é o Francenildo enviando um sinal codificado?
– O assunto é sério, presidente, e você sabe muito bem que eu não podia dizer a origem do dinheiro, senão aquela sua amnésia da época do mensalão poderia voltar. Aproveitando o embalo, diga aos companheiros que eu quero um tratamento igual ao que Zé Dirceu teve quando saiu.
– Um implante de cabelo?
– Você perde o amigo, mas não a piada, hein?
– Falando nisso, e com todo respeito ao Bernardo, que louraça! Lembra uma espiã russa dos filmes de 007. Só vejo um problema: nós, da turma da língua presa, teremos dificuldades em falar “Rousseff e Hoffmann”. Ou treina, ou diz apenas “Dilma e Gleisi”. Até breve.
– Se Deus quiser.
– Chamou?

Janio Ferreira Soares, cronista, é secretário de Cultura e Turismo de Paulo Afonso, na margem baiana do Rio São Francisco


===========================================
Bossa Nova na hora da Ave Maria. João Gilberto merece.

(VHS)

Ideli Salvatti: de Pesca para as Relações Institucionais
A presidenta Dilma Rousseff escolheu a ex-senadora Ideli Salvatti (PT-SC), atualmente na pasta da Pesca, para ser a nova ministra de Relações Institucionais. Com a decisão, Dilma ignorou os pedidos de PT e PMDB que tinham preferência por Cândido Vaccarezza (PT-SP), atual líder do governo na Câmara. Luiz Sérgio permanecerá na Esplanada dos Ministérios. Ele foi transferido para a vaga de Ideli na Pesca.

O convite a Ideli foi feito na quarta-feira, pouco antes da posse da ministra Gleisi Hoffmann na Casa Civil. Os primeiros sinais de que Dilma optaria pela ex-senadora para o posto começaram a ficar evidentes ontem, após as duas viajarem juntas para Blumenau. Durante a viagem, Dilma e Ideli acertaram todos os detalhes da nomeação.

Em Brasília, Vaccarezza tentou construir sua indicação costurando apoios na dividida bancada do PT da Câmara e pedindo ajuda a José Sarney (PMDB-AP) e Renan Calheiros (PMDB-AP). Embora tenha surgido como um dos principais cotados para o posto, o líder do governo foi prejudicado nas negociações pelas divergências com vários setores da bancada petista na Câmara.

Leia mais sobre o assunto no IG:

www.ig.com.br

jun
10


===============================================

DEU NA REVISTA DIGITAL TERRA MAGAZINE

Claudio Leal

Uma refrega judicial torna incompleta a festa dos 80 anos do maior artista popular brasileiro, João Gilberto. Os álbuns “Chega de Saudade” (1959), “O Amor, o Sorriso e a Flor” (1960) e “João Gilberto” (1961), marcos da Bossa Nova, seguem fora do mercado fonográfico e sem a certeza de que serão relançados com a aprovação técnica do músico.

Em 1992, a gravadora britânica EMI, detentora do catálogo da Odeon, reuniu os três bolachões e o EP “Orfeu da Conceição” num único CD, “O Mito”, à revelia de João Gilberto, que se indignou com o fim da “sequência harmônica” das faixas. Ele questiona os defeitos da remasterização e os estragos na mudança para o formato digital, com a deformação das gravações originais.

O músico abriu um processo contra a EMI, em 1997, e até 2011 não entrou em acordo com a multinacional. João Gilberto busca a “abstenção definitiva” da EMI e da Gramophone de produzir e comercializar sua obra no Brasil e no exterior, a retirada de “O Mito” do mercado, a indenização por danos morais e o pagamento de royalties.

Os arranhões à obra do artista se desdobram na esfera comercial. Outro calo de João também está na Inglaterra. Sem autorização, a gravadora inglesa Cherry Red Records passou a reproduzir os álbuns “Chega de Saudade” (1959) e “O Amor, o Sorriso e a Flor” (1960).

Disponíveis no site da gravadora e na loja virtual Amazon, os discos mimetizam o projeto gráfico original e preenchem uma parte da lacuna fonográfica. A britânica Cherry Red argumenta que está amparada pelos fundamentos jurídicos europeus, pois as leis de direitos autorais na Europa permitem que o repertório caia no domínio público depois de 50 anos.

No primeiro semestre de 2011, para celebrar os 80 anos do músico, Terra Magazine publicou uma série de reportagens sobre a preservação da obra de João Gilberto e as querelas judiciais com as gravadoras.

Confira mais textos sobre João Gilberto em Terra Magazine
http://terramagazine.terra.com.br/


==========================================
OBA-LA-LA (João Gilberto)
from CD “Lucy in the sky with bossa diamonds”

A sugestão musical é do jornalista e colaborador do BP, Gilson Nogueira.

Os votos de longa vida e muitas canções mais do aniversariante da data são de todos os que fazem este Bahia em Pauta, que tem em João um de seus ídolos maiores .

Feliz 10 de junho de 2011.

(Vitor Hugo Soares)

jun
10
Posted on 10-06-2011
Filed Under (Charges) by vitor on 10-06-2011


===============================================
Bello, hoje na Tribuna de Minas (MG)

Deputado Protógenes(PC do B): um dos impetrantes
do habeas corpos para soltar bombeiros do Rio

===============================================


DEU NO PORTAL IG (ÚLTIMO SEGUNDO)

O Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJ-RJ) determinou na madrugada desta sexta-feira (10) que os 439 bombeiros presos no Rio sejam soltos. A decisão é do desembargador Cláudio Brandão, plantonista judiciário da madrugada.

O habeas corpus foi impetrado pelos deputados federais Alessandro Molon (PT-RJ), Protógenes Queiroz (PC do B-SP) e Doutor Aluízio (PV-RJ). Os parlamentares seguem na manhã desta sexta-feira para o quartel onde os bombeiros estão detidos, no município de Niterói, na Região Metropolitana do Rio, para lhes comunicar a decisão.

Um oficial de Justiça já está no quartel com a decisão. Os bombeiros presos vão passar por exames médicos antes de serem liberados e depois seguirão para a Assembleia Legislativa do Rio (Alerj), onde a categoria realiza um protesto na escadaria da casa desde o último final de semana.

Histórico

Os 439 militares foram presos na última sexta-feira (3) após invadirem o Quartel-General do Corpo de Bombeiros, no centro da capital fluminense. Após o ato, a categoria intensificou os protestos e iniciou um acampamento na escadaria da Assembleia Legislativa do Rio.

De acordo com o blog “S.O.S. Guarda Vidas”, criado por representantes da categoria, os soldados do Estado do Rio recebem o pior soldo do País: R$ 1.031,38 (sem vale-transporte), ocupando o 27º lugar no ranking nacional. Os bombeiros pedem o aumento do piso atual para R$ 2 mil, com direito ao vale-transporte.

Reajuste

Na tarde de quinta-feira (9), o comandante-geral do Corpo de Bombeiros, Sérgio Simões, anunciou a antecipação do reajuste de 5,58% de dezembro para julho aos bombeiros, policiais militares e civis e agentes penitenciários. Com a medida, o reajuste da categoria em 2011 terá sido de 11,5%. Na prática, porém, um soldado iniciante, sem filhos, terá aumento real de apenas R$ 78,55 mensais, passando de R$ 1.187 para 1.265,55.

“Há uma possibilidade (de negociar novo reajuste), tenho que continuar conversando – o governo continua aberto – para ver se há outra possibilidade (de reajuste). É uma demonstração clara de que o governo está aberto a negociar. Vamos ver a partir de agora o que pode ser feito”, disse o comandante-geral, em entrevista.

Outra medida anunciada foi a recriação da Secretaria de Defesa Civil, comandada pelo próprio Simões. Em sua opinião, isso seria uma “demonstração clara” de fortalecimento e prestígio da corporação.
No governo Cabral, o Corpo de Bombeiros estava subordinado à Secretaria de Saúde. “O status de secretário dá uma facilidade maior de interlocução com o governo para defender os interesses da corporação”, afirmou.

  • Arquivos

  • junho 2011
    S T Q Q S S D
    « maio   jul »
     12345
    6789101112
    13141516171819
    20212223242526
    27282930