Geddel Vieira Lima, vice-presidente de Pessoa Jurídica da Caixa Econômica Federal, faz mais uma denúncia contra a Prefeitura de Salvador na sua página no twitter. Segundo Geddel, a administração municipal “quer desmoralizar o Aeroclube, shopping localizado na Boca do Rio, para vender o espaço ao Grupo Pestana”. Para o ex-deputado, o negócio está sendo intermediado por um “advogado poderoso”.

“Ah, tão querendo vender o aeroclube ao grupo Pestana, para levantarem ali 6 torres. Pref (Prefeitura) quer desmoralizar o aero para facilitar negócio. O embargo tem q gerar encontro de contas no aeroclube. Tem advogado poderoso intermediando grande negócio na área”, disparou.

maio
08


Wagner antes e depois: que tal?/img Correio da Bahia
==========================================

Fato consumado: a foto do domingo das mães é de um pai e avô, governador da Bahia. Barbudo há mais de 30 anos – como tornou-se marca e tradição entre a maioria de seus companheiros petistas – ele a partir deste 8 de maio de 2011 virou um “cara lisa”, como anuncia a poderosa multinacional de lâminas de barbear que conseguiu a façanha em grande jogada de marketing.

Se tiver ainda alguma dúvida, mesmo vendo a fotografia, pode começar a acreditar:Jaques Wagner permitiu que lhe raspassem a barba , na manhã deste domingo, após 34 anos vivendo e fazendo política como barbudo.

O novo visual do governador, que depois de raspar a barba embarca hoje em mais uma viagem à Europa, é um feito do chamado projeto chamado pelos maqueteiros de “Barba do Bem”, mas já rebatizado pelo povão de “Cara Lisa”, através do qual a multinacional privada Gillette faz uma doação no valor de R$ 500 mil para o Instituto Ayrton Senna, em troca de barbas de celebridade. Na Bahia, o primeiro a embarcar na onda foi o vocalista Bell Marques, da banda Chiclete com Banana.

Segundo anunciam a ONG que recebe a bolada, o governo baiano e a empresa da jogada publicitária de mestre (para ela) ,a renda será investida em projetos pedagógicos, que vão beneficiar escolas da rede municipal localizadas nos bairros do Calabar e Alto das Pombas.

Resumo da ópera, como diz o blogueiro baiano Chico Bruno: O fato é que o governador Jaques Wagnar ficou sem a barba famosa e não pode mais oferecer um fio dela como garantia de suas promessas administrativas e acordos políticos.

O resultado já começa a gerar polêmica, a começar dentro de casa, em Ondina. Ao que se sabe, pela primeira impressão, a primeira dama, Fátima Mendonça não ficou muito satisfeita com o resultado.

A opinião é livre. Para elogios e broncas.

(Vitor Hugo Soares)

maio
08
Posted on 08-05-2011
Filed Under (Newsletter) by vitor on 08-05-2011

=============================================
Do deputado Chico Alencar(PSOL-RJ) , este domingo, 8, em seu Tuitter:

“As 4 grandes empreiteiras – Odebrecht, Andrade, Queiroz e Camargo – são as ‘mães’ mais presenteadas pelo Estado brasileiro”.


==================================================
O jornalista baiano, Claudio Leal, nome de luminosidade própria na redação da revista digital Terra Magazine, amigo e colaborador do Bahia em Pauta em São Paulo, escreve em seu tuitter, acusando saudade e boas recordações e sentimentos no Dia das Mães:

“Guitarras, salas, vento, chão/ Que dor no coração”. Gal canta “Mãe”, de Caetano Veloso .

Bravo Claudio ! Bela lembrança, coisa de quem tem mãe especial, como a sua.BP manda um abraço, também especial, para ela.

(VHS)

maio
08
Posted on 08-05-2011
Filed Under (Newsletter) by vitor on 08-05-2011

O livro de Machado sobre Rio antigo…

…comoveu o impressionou o cineasta americano

===============================================

DEU NO CORREIO DA BAHIA, edição de sábado(7)- (Publicado originalmente no portal IG -Último Segundo
==============================================

O diretor Woody Allen elegeu “Memórias Póstumas de Brás Cubas”, de Machado de Assis, como um dos seus cinco livros favoritos em depoimento ao jornal britânico Guardian. “É um livro maravilhoso, bastante original”, disse o cineasta, que a princípio não acreditou que o escritor brasileiro viveu no final do século 19. “Ele é tão moderno que você pensaria que foi escrito ontem”, comentou.

Allen contou que recebeu o livro pelo correio de um fã brasileiro há pouco tempo e que só se animou a lê-lo devido ao pequeno número de página. “Ele me impactou como ‘O Apanhador no Campo de Centeio’”, disse. “É sobre um assunto que me interessa, escrito com muita sagacidade e nenhum sentimentalismo.”

Além do livro de Machado de Assis, Allen listou entre seus preferidos o já citado “O Apanhador no Campo de Centeio”, de JD Salinger, “Really the Blues”, de Mezz Mezzrow e Bernard Wolfe, a coletânea de textos de comédia “The World of SJ Perelman”, de SJ Perelman, e “Elia Kazan”, biografia do cineasta escrita por Richard Schickel.

Woody Allen exibe seu último filme, “Meia-Noite em Paris”, na abertura do Festival de Cannes, na próxima quarta-feira. Na sequência, o diretor deve começar a trabalhar num longa-metragem, no qual já foram escalados Penélope Cruz, Alec Baldwin, Jesse Eisenberg e Ellen Page.

maio
08
Posted on 08-05-2011
Filed Under (Artigos) by vitor on 08-05-2011

Maravilha para ouvidos e sentimentos hoje em Salvador

BOMDIA!!!

========================================

Para começar o domingo, aí vai uma dica imperdível para festejar o Dia das Mães em Salvador.

Logo mais, a partir das 13h, o Trio Irakitan se apresenta no Pelourinho, centro da capital baiana, na área tombada pela UNESCO como Patrimônio da Humanidade ( para informação de visitantes e alguns “desligados” locais que esqueceram), maravilhoso grupo musical formado na década de 50 e conhecido mundialmente pelas primorosas execuções de boleros, sambas-canção e músicas latinas, realiza na capital baiana uma apresentação especial em homenagem às mães no dia dedicado a elas.

É uma apresentação gratuita para o público de todas as idades, incluída no Programa Pelourinho Cultural, ligado à Secretaria de Cultura do Estado da Bahia através do Instituto de Patrimônio Artístico Cultural (IPAC).

Atualmente formado pelos músicos Edilson Andrade, Tony e Josias, o Trio Irakitan se renova sem perder a clássica qualidade que lhe deu fama como um dos mais harmoniosos conjuntos musicais brasileiros e da América Latina em todos os tempo, comparados a Los Panchos, ambos com repertórios apreciados no mundo inteiro.

Trio Irakitan é garantia de encanto e boas canções

Pode se aprontar e partir para o Pelourinho, que o espetáculo começa daqui a pouco.

Para este Dimingo, o trio promete boleros clássicos que consagraram o grupo, com arranjos e harmonias próprias em homenagem ao Dia das Mães. Além disso, o grupo irá executar os sambas cantados nas antigas comédias da Atlântida, conhecidas como chanchadas, e canções de compositores como Roberto Carlos, Cartola e Gonzaguinha, executadas mais atualmente pelo trio.

Portanto, trate de ir se arrumando para partir para o Pelourinho, pois não dá para perder.

Local: Largo Quincas Berro D’Água – Pelourinho

Horário: 13h

Entrada gratuita

(Vitor Hugo Soares, com informações do Programa Pelourinho Cultural)

Cd- Tiernamente amigos. Victor Heredia (2005) 05- Mi madre y María.

A canção foi composta pelo grande artista argentino Victor Heredia em louvor à sua querida irmã Maria, desaparecida no período da “guerra suja” instalada na ditadura militar que vitimou milhares de argentinos. Herédia construiu a letra ao acompanhar o sofrimento da mãe com a ausência da filha e a fé inabalável de que Maria ainda voltaria para casa.

A música foi cantada por Mercedes Sosa em momento inesquecível do Concerto de Natal, no Vaticano.

Para todas as mães do planeta este domingo, incluindo as que já partiram, como a minha – dona Jandira de tanta saudade.

(Vitor Hugo Soares)
==============================================
MI MADRE Y MARÍA

Victor Heredia

Yo sé que estas allí llorando madre
envuelta en la penumbra de la tarde
fingiendo si estás bien pero es diciembre
un mes en que ciertos fantasmas vuelven
deslizan su perfume inolvidable
sus voces aletean en un aire
de nueces y de almendras navideñas
y vuelan a sus ojos y despeñan
en lágrimas su amada letanía
yo sé que estás allí junto a tu fe
y yo no sé que hacer.

De pronto me doy cuenta que tus ojos
reflejan la tristeza de María
la sombra de una cruz toca tus hombros
y en tu pañuelo blanco muere el día.
Las dos están lloran por lo mismo:
la sangre derramada en el martirio
la vida de tu vientre y el de todas
las madres de los hijos de la tierra
la que parió el amor, mató una guerra
yo sé que estas ahí junto a tu fe
y ya no sé que hacer.


Torre de Babel de livros será inaugurada quarta-feira

============================================

Uma Torre de Babel com 25 metros de altura, construída em espiral com 30 mil livros de todas as línguas, foi erigida numa praça do centro de Buenos Aires, eleita a Capital Mundial do Livro 2011.

«A ideia é unir todas as raças através do livro», explicou hoje a artista sobre a sua obra monumental que será inaugurada na quarta-feira e «existirá» na praça San Martin até ao final de Maio.

A artista decidiu criar esta Torre de Babel, porque Buenos Aires é a Capital Mundial do Livro 2011, proclamada pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO).

A partir de quinta-feira, os seus sete andares podem ser subidos gratuitamente por grupos de até 100 pessoas e a visita será acompanhada por uma banda sonora criada por Marta Minujin, que dá a ouvir a palavra livro em todas as línguas do mundo.

Perto de metade dos livros que serviram de “tijolos” para a construção da torre foi oferecida por 50 embaixadas em Buenos Aires, mas a outra metade vem de doações de milhares de pessoas mobilizadas graças a uma campanha pública para esta «obra de participação maciça», nas palavras da artista.

No último dia de exposição da peça, 28 de Maio, os visitantes podem escolher um livro na língua da sua preferência e levá-lo.

  • Arquivos