Parentes buscam informações diante da escola pública de Realengo
AP/Terra Magazine
===============================================
Deu na revista digital TERRA MAGAZINE

Claudio Leal

A cobertura midiática da tragédia na escola Tasso da Silveira, na Zona Oeste do Rio de Janeiro, se apressou em elaborar, com a contribuição de fontes policiais, justificativas para o ato de Wellington Menezes de Oliveira, que matou 12 crianças na manhã desta quinta-feira, 7. O número de mortos foi anunciado esta noite pela Polícia Civil.

O comandante do 14º Batalhão, Djalma Beltrame, ao referir-se à carta deixada pelo atirador, caracterizou-a como fundamentalista e com fraseado islâmico. Nos trechos divulgados à imprensa, porém, há menções a Deus e a Jesus.

-…Preciso da visita de um fiel seguidor de Deus em minha sepultura pelo menos uma vez, preciso que ele ore diante de minha sepultura pedindo o perdão de Deus pelo o que eu fiz rogando para que na sua vinda Jesus me desperte do sono da morte para a vida eterna – escreveu Wellington.

Doutor em Antropologia pela Universidade de Paris VII e professor aposentado da Universidade Federal da Bahia, o professor Roberto Albergaria avalia que a mídia e a sociedade desejam explicações para um desvario sem significado.

– A mídia busca uma explicação para o que é uma singularidade do ser humano. O homem é um animal incerto – afirma Albergaria, ecoando o ensaísta francês Montaigne.

O antropólogo desconstroi o uso do islamismo nas narrativas televisivas sobre a tragédia na escola carioca. A religiosidade do atirador, a julgar pelo conteúdo da carta, seria um subproduto do evangelhismo televisivo.

– Se ele fez alguma referência ao islamismo, como chegaram a dizer, certamente não foi ao religioso, mas ao da mídia, que o alimentou com a ideia da destruição. A mídia associa a imagem do islamismo à imagem do mal. A linguagem do delírio dele se refere ao mundo da mídia e ao mundo das religiões, os dois mundos paralelos. A mídia vai dar a ele o exemplo de um grande ato de destruição, de grande impacto, como foi o de Columbine, um modelo americano.

Na crítica à busca afoita por sentido, Albergaria recorre a estudos franceses sobre a “violência pós-moderna”, caracterizada por uma ruptura irracional, sem explicação.

– Esse tipo de ato é bem característico do que os franceses chamam de “a violência pós-moderna”. Ela é caracterizada por duas coisas: a confusão entre o real e o imaginário (cada vez mais é o imaginário que vem da televisão) e a ausência de sentido. São atos completamente arbitrários. Antigamente, era matar pra ter dinheiro, matar para ser herói, etc. Nos livros sobre a violência pós-moderna, fala-se na destruição pela destruição. Não adianta buscar sentido. O que eu estou sentindo na mídia o tempo todo é as pessoas buscarem um sentido. Claro, a sociedade precisa de um sentido, precisa encaixá-lo como psicótico, como vítima do preconceito contra os doentes mentais…

Wellington, ex-aluno da escola Tasso da Silveira, protagonizou uma “explosão comportamental” que não atende aos padrões “normais”, acrescenta o antropólogo.

– O máximo da violência moderna é o terrorismo, que ainda tem um sentido político. Mas a pós-moderna não tem sentido nem político nem psicológico. É um ato de ruptura, de um nonsense absoluto, uma explosão cega. É um “sair de si”, na linguagem da psicanálise.

Leia mais Terra Magazine: http://terramagazine.terra.com.br/interna

===========================================
APESAR DE TUDO , BOA NOITE!!!

(VHS)

abr
07


Dilma em Brasília: minuto de silêncio/imgAgencia Brasil
==============================================
A presidente da República, Dilma Rousseff, chorou ao falar sobre o massacre cometido por um homem que invadiu uma escola na zona oeste do Rio na manhã desta quinta-feira e abriu fogo contra crianças e jovens, cometendo suicídio em seguida. Em breve discurso de pouco mais de três minutos, a presidenta mostrou-se muito emocionada . “Quero prestar minha homenagem a esses brasileirinhos que foram retirados tão cedo na vida.”

Dilma participava de uma cerimônia em comemoração à marca de 1 milhão de empreendedores inscritos no Programa Microempreendedor Individual. Segundo o porta-voz da Presidência, Rodrigo Baena, Dilma já conversou com o prefeito do Rio Eduardo Paes e o governador Sérgio Cabral sobre o ocorrido e determinou que o ministro da Justiça José Eduardo Cardozo tomasse as devidas providências.


Wellingtom em 3×4: atirador
====================================

O comandante do 14º Batalhão (Bangu), coronel Djalma Beltrame, afirmou que o atirador responsável por um ataque à Escola Municipal Tasso da Silveira, em Realengo, no Rio de Janeiro, deixou uma carta de teor fundamentalista.

De acordo com Beltrame, a carta continha frases desconexas e incompreensíveis. Wellington Menezes de Oliveira, 24 anos, também menciona o islamismo e práticas terroristas. Wellington teria se apresentado como palestrante para invadir a escola e cometer os crimes, matando dezenas de crianças e se suicidando sem seguida. Outros alunos estão em estado grave e já estão sendo transferidos para hospitais da região.

De acordo com testemunhas, Wellington disparou pelo menos 50 tiros e tinha duas armas. Todo de preto, ele vestia luvas e colete à prova de balas.

abr
07
Posted on 07-04-2011
Filed Under (Charges) by vitor on 07-04-2011


========================================
Sinfrônio, hoje no Diário do Nordeste (CE)


Wagner quer cortar poder do CEPRAM
===========================================
OPINIÃO POLÍTICA

A proposta de reforma

Ivan de Carvalho

O governador Jaques Wagner anunciou ontem, durante café da manhã, à sua base parlamentar estadual o projeto de reforma administrativa que será submetido à Assembléia Legislativa, revelando seu conteúdo.
A mudança mais importante, numa primeira avaliação, está na área do Meio Ambiente. Haverá a fusão do Instituto do Meio Ambiente (IMA) com o Instituto de Gestão das Águas e Clima (Ingá). Nada mais natural, digamos assim, já que é a natureza que está em foco. A fusão nem seria necessária se, lá atrás, já houvesse a compreensão, hoje existente, de que a separação não fazia sentido.

Ainda sobre o meio ambiente, a outra mudança diz respeito ao Cepram – Conselho Estadual de Meio Ambiente. Não terá palavra decisiva sobre a concessão de licenças ambientais no Estado da Bahia, passando a ser um conselho apenas consultivo.

Estas mudanças na área do meio ambiente são para melhor. Não tenho a menor dúvida quanto a isto. Claro que o ambiente em que vivemos é coisa muito séria e dependemos dele e de sua preservação, mas as coisas estavam ficando exageradas.

Há alguns anos, uma pessoa humilde pediu-me ajuda para conseguir que a então Secretaria de Meio Ambiente da prefeitura de Salvador autorizasse a execução, pelo órgão municipal adequado, de uma árvore. As raízes da árvore já haviam produzido feias rachaduras no muro que protegia a casa e avançavam, resolutas, para a parede da frente da casa, que ficava a 1,5 metro do muro.

A pessoa, uma velha senhora moradora da Boca do Rio, já havia requerido formalmente, por intermédio do documento próprio e com as justificativas exigidas, a extirpação da árvore. Meses se passavam, uns após outros. A Secretaria de Meio Ambiente, lá, impassível. O vegetal, fincado bem no meio do passeio e subrepticiamente subvertendo a arquitetura circunvizinha, impávido e intocado. Cortá-lo por contra própria, nem pensar, um crime.

Falei com a Secretaria. Expliquei a via crucis burocrática da velha e humilde senhora. Afirmei que era a árvore ou a casa. Uma árvore que não dava gosto ver, era comum, de espécie não ameaçada de extinção, raquítica, uns 2,5 metros de altura, nenhum tesouro botânico, de um verde quase cinza. E ainda por cima, uma árvore do mal. Precisei cobrar umas duas vezes ainda para que o processo fosse decidido. Até porque se a decisão fosse contrária à execução da árvore, logo seria ajuizada uma ação.

Uns três meses depois que passei a cobrar uma solução, a árvore foi retirada e a casa foi salva. A casa, afinal – e não a árvore – era o meio ambiente da velha senhora e de sua família. Carecia de preservação.
A reforma que o governador propõe para a área de meio ambiente pretende, claramente, não eliminar os cuidados, mas desentupir os canais burocráticos. Desemperrar a administração no setor.

No mais, a reforma prevê a criação da Secretaria de Comunicação (existe no Município de Salvador e já existiu antes no Estado, no governo Roberto Santos, sendo depois extinta); a constituição oficial da Chefia de Gabinete, a ser ocupada pelo ex-deputado e ex-secretário de Integração Regional, Edmon Lucas, uma pessoa hábil e adequada para a função; também a constituição formal da Secretaria de Relações Institucionais, para a qual irá Fernando Schmidt, antes chefe do Gabinete do Governador. Schmidt é uma escolha perfeita para a missão. A reforma prevê ainda a transformação da secretaria extraordinária da Copa em pasta ordinária até 2014.


Seu Cardoso: missa na igreja N. S. da Luz (Pituba)
=====================================================

MISSA DE TRIGÊSIMO DIA – CONVITE

Os filhos, Douglas, Margarida, Gracinha e Márcia, genros, nora e netos convidam para a missa do trigésimo dia da morte de FLORÊNCIO CARDOSO DA SILVA, que será realizada hoje, dia 07/04/2011, às 18:30h, na Igreja de Nossa Senhora da Luz, Pituba. Na oportunidade, agradecem a todos as manifestações de pesar e solidariedade recebidas pelo falecimento do querido Seu Cardoso

————————————————————————————————————————————-

MEMÓRIA

Florêncio Cardoso da Silva, Seu Cardoso como era chamado, foi um pioneiro da exploração de petróleo no Brasil que começou com o Conselho Nacional de Petróleo (hoje Petrobras). Ao longo de décadas, ela atuou em campos de produção de óleo combustivel na Bahia e em Alagoas.

Baiano de Encruzilhada ( Vitória da Conquista), Seu Cardoso nasceu em 8 de novembro do ano histórico de 1912. Depois de deixar o CNP, ele chefiou o Serviço de Perfurações de Poços da Comissão do Vale do São Francisco, atual Suvale. Descobriu e tirou água do subsolo para o abastecimento de dezenas de municípios do sertão baiano, de populações pobres residentes nas áreas mais duramente atingidas pela seca no Nordeste.

Seu Cardoso, que morreu aos 98 anos, era um dos amigos mais queridos e admirados do site blog Bahia em Pauta.
Saudades!

(Vitor Hugo Soares)

A tragédia se confirma no Rio de Janeiro: Nove crianças e um adulto (o invasor) morreram na invasão de uma escola pública em Realengo, zona Oeste, na manhã desta quinta-feira. Um atirador, identificado como Wellington Menezes de Oliveira, que teria se passado por um palestrante, entrou na escola municipal, em Realengo, e fez muitos disparos dentro de uma sala de aula.

Segundo as informações iniciais, ele seria ex- aluno da escola e invadiu uma sala atirando nas crianças que assistiam à aula. 22 crianças teriam ficado feridas, mas ainda não se sabe o numero exato. Houve troca de tiros com a polícia e 10 mortos, 9 crianças e o invasor, segundo acaba de confirmar a TV Globo.

As mortes já foram confirmadas pela Secretaria de Educação do Rio. O atirador pode ter sido morto durante o confronto com a policia, que ainda não sabe o que motivou a atitude dele. A escola está cercada pela policia e uma multidão se concentra na frente do prédio.

(Postado por Vitor Hugo Soares, com informações da TV Globo e Radio Metropole)

“Foi uma coisa horrível”, disse há pouco uma funcionária da Escola Municipal Tasso da Silveira, na zona oeste do Rio de Janeiro, invadida na manhã desta quinta-feira por um homem armado que fez muitos disparos dentro de uma sala de aula e depois trocou tiros com a polícia.

A funcionária ainda dentro da escola falou há pouco com uma reporter da TV Globo por telefone celular , disse que cerca de 15 crianças foram feridas, mas não soube precisar se há mortos e quantos. Cerca de 10 feridos foram transferido para um hospital próximo da escola.

Segundo as primeiras informações do portal IG, Cerca de 15 pessoas ficaram feridas na manhã desta quinta-feira (7) na Escola Municipal Tasso da Silveira, no bairro de Realengo, zona oeste do Rio de Janeiro. De acordo com a Polícia Militar, um homem, que seria pai de um estudante, teria invadido a instituição de ensino por volta das 8h e disparado contra alunos e funcionários.

Por conta do ocorrido, a movimentação é intensa em frente à escola, onde há uma grande concentração de pais de alunos. Policiais militares do 14º BPM (Bangu) tentam controlar a situação. Ainda não há informações sobre o que teria motivado o crime.

Bombeiros do quartel de Realengo prestam socorro no local com ambulâncias do Samu e encaminham as vítimas para o Hospital Estadual Albert Schweitzer, localizado no mesmo bairro.

(Postado por Vitor Hugo Soares, com informações da TV Globo e do portal IG)

abr
07


Blumberg: Enfarte na Califórnia
========================================================
O Prémio Nobel da Medicina Baruch Blumberg, que descobriu o vírus da hepatite B, morreu na terça-feira aos 85 anos, anunciou a NASA, citada pelas agências de notícias internacionais.

O cientista morreu, aparentemente devido a um enfarte, numa conferência da agência espacial norte-americana, na Califórnia.

Baruch Blumberg ganhou em 1976 o Nobel da Medicina por sua contribuição para a identificação do vírus da hepatite B e posterior descoberta da vacina da doença.

Foi o primeiro dirigente do Instituto de Astrobiologia da NASA, cargo que ocupou durante três anos, entre 1999 e 2002.

(Informações do jornal Diário de Notícias, de Portugal)

  • Arquivos

  • Abril 2011
    S T Q Q S S D
    « mar   maio »
     123
    45678910
    11121314151617
    18192021222324
    252627282930