O prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab (DEM), disse esta terça-feira que o excesso de chuvas provocou o caos na cidade. Segundo ele, a prefeitura está trabalhando ‘ao máximo’ para evitar os transtornos, mas chove ‘cada vez mais’ em São Paulo. ‘Os piscinões corresponderam à expectativa’, destacou o prefeito. De acordo com ele, se não fosse por estas obras, as consequências seriam maiores.

O Estado contabiliza 14 mortes por conta das chuvas desde a noite desta segunda-feira. Na capital paulista, quatro pessoas morreram. Os rios Pinheiros e Tietê transbordaram.

De acordo com o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE), entre a noite de segunda-feira e as 7 horas de hoje foram registrados 68,8mm de chuva, o equivalente a 29% para o mês de janeiro.

Desde o início do ano até as 7 horas de hoje, o total de chuvas acumulado na cidade é de 221,2mm, o que equivale a praticamente 93% ao esperado para o mês (239mm). O temporal causou 125 pontos de alagamento 76 registrados na madrugada e 49 pela manhã.

==========================================
Bahia em Pauta comenta a notícia da Agência Estado, publicada no portal MSN: :
São números e dados previsíveis, na medda certa para oferecer desculpas esfarrapadas para gestores sem competência e imprevidentes.

(VHS)

Be Sociable, Share!

Comentários

Marco Lino on 12 Janeiro, 2011 at 10:05 #

O que o ex-maquinista tem a dizer?! Deixou entrar água na locomotiva…

Serra “cortou” verba do desassoreamento do Tietê…

Não estamos em época junina, mas pulamos uma fogueira danada.

Obrigado São João! Mas fala aí com São Pedro…


Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos

  • Janeiro 2011
    S T Q Q S S D
    « dez   fev »
     12
    3456789
    10111213141516
    17181920212223
    24252627282930
    31