Assange: “perseguido por “elite corrupta”

=======================================================
O fundador do polêmico portal Wikileaks, Julian Assange, foi detido pela polícia britânica nesta terça-feira, mas um porta-voz do site já garantiu que esta detenção não vai alterar os planos da publicação de documentos.

Esta detenção é o primeiro passo de uma “batalha judicial” que promete ser longa e complicada, uma vez que, os advogados de Julian Assange garantem estar determinados em evitar a extradição do australiano mais detestado pela Casa Branca.

Isto porque os advogados do fundador da Wikileaks acreditam que uma eventual extradição para a Suécia seria a alavanca necessária para que Julian Assange fosse entregue aos tribunais norte-americanos por causa da divulgação de documentos secretos.

Na noite passada, em declarações à BBC, Mark Stephens, um dos advogados, garantiu que a Justiça pretende apenas questionar Julian Assange, assegurando que ele não é acusado de nada. Mark Stephens anunciou também estar a tratar dos preparativos para uma apresentação voluntária à polícia.

Um comunicado das autoridades britânicas diz que Julian Assange será ouvido esta tarde pelo Tribunal de Westminster. Em causa está um processo na Suécia por alegados crimes sexuais, que deu origem ao mandado de captura., definido por Assange como «um ataque pessoal».

Declarações do fundador da Wikileaks apresentadas num vídeo de Outubro que está hoje na manchete do El País.

Nestas declarações, Julian Assange diz que os meses de Setembro e Outubro foram os mais difíceis para a organização, sublinhando também a morte de duas pessoas que colaboravam com o Wikileaks.
Cristina Santos

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos

  • dezembro 2010
    S T Q Q S S D
    « nov   jan »
     12345
    6789101112
    13141516171819
    20212223242526
    2728293031