nov
07
Postado em 07-11-2010
Arquivado em (Newsletter) por vitor em 07-11-2010 22:13


=====================================================================
Na coluna RADAR, assinada pelo jornalista Lauro Jardim, a revista VEJA desta semana publica:

=====================================================================
LIVROS

Histórias do João

Vaudeville, o livro de memórias que Ricardo Amaral lança dentro de duas semanas, vai acrescentar uma história ao já vasto conjunto de casos protagonizados pelo gênio (um tanto difícil) da bossa-nova, João Gilberto. Amaral relata que em 1970 contratou o cantor para uma temporada de shows pelo Brasil. Dias antes do início da turnê, João disse que precisava visitar a mãe, na Bahia. Pediu a Amaral que comprasse um carro para ele, pois queria ir a Juazeiro dirigindo. Assim foi feito. Só que João não voltou da Bahia. O motivo, Amaral soube depois: “O João tinha descoberto um furinho numa toalha de mesa da mãe. Colocou o dedo no furinho e isso desencadeou um processo psicológico que o impedia de fazer com que sua mão acompanhasse o comando de sua mente. Enfim, não conseguia tocar violão”.

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos

  • novembro 2010
    S T Q Q S S D
    « out   dez »
    1234567
    891011121314
    15161718192021
    22232425262728
    2930