====================================================================

O jornalista político Ivan de Carvalho comenta em seu artigo desta segunda-feira, na Tribuna da Bahia , um fenômeno eleitoral e de opinião pública que está em curso e tende a ganhar corpo nesta última semana de campanha antes da votação em 3 de outubro: a ascensão no gosto popular em praticamente todas as regiões do País da candidata do PV à presidência da República, Marina Silva. Detectado na mais recente pesquisa do Datafolha , o fato ainda está distante de representar a “onda verde” desejada pelos eleitores e entusiastas da campanha da brava acreana, mas seguramente já deixou de ser simples marola e virou o acontecimento mais interessante nesta arrancada final antes do primeiro turno. O fenomeno, com epicentro no Rio de Janeiro e fortes rajadas no Distrito Federal (dupla de unidades federadas mais politizada do país), é quase certamente incapaz de mudar o rumo da votação de 3 de outubro para presidente da República e empurrar a decisão final para o segundo turno, reconhece o autor do texto que Bahia em Pauta reproduz. Mas…
(Vitor Hugo Soares)

====================================================================
OPINIÃO POLÍTICA
A onda verde
Ivan de Carvalho

Um fenômeno eleitoral e de opinião pública está em curso, quase certamente incapaz de mudar o rumo da votação de 3 de outubro para presidente da República e empurrar a decisão final para o segundo turno. Mas depois que a mais recente pesquisa Datafolha flagrou uma ascensão, no país, nos índices de intenção de voto da candidata verde Marina Silva, fatos isolados começaram a aparecer, como a confirmar a pesquisa, que, por sinal, não fora referendada pelos resultados encontrados por outros institutos importantes de sondagem de opinião pública. Se não mudar a eleição, não significará que tenha efeito político nulo no pós-eleição.
Assim é que no Rio de Janeiro, como assinalou ontem o Blog do Noblat, o Cine Leblon estava com lotação esgotada para a sessão das 21 horas de sábado para exibição do filme Wall Street 2. Em um noticioso, exibido antes do filme, aparece Dilma Rousseff, a candidata do PT a presidente da República. “Ouve-se então uma vaia estrondosa. O Rio está marinando”, conclui o relato o jornalista Ricardo Noblat.
Ora, o Rio frequentemente destoa do restante do Brasil em matéria eleitoral. Neste caso, no entanto, não está destoando, mas sim assimilando com bem mais ênfase do que o país em geral a “onda verde”. Na maioria do Brasil ainda se trata apenas de uma marola, mas no Rio já é uma onda.
Isto se deve a dois fatores principais: uma parcela maior de eleitores melhor informados e mais exigentes, até um tanto sofisticados nas escolhas, além de com mentes de tendência independente (no óbvio sentido contrário a dependente); e ao fato em que o segundo candidato a governador com melhor índice nas pesquisas eleitorais, ainda que sem chance de ser eleito, é o deputado Fernando Gabeira, do PV, o partido de Marina. Gabeira apóia Marina e recebe apoio de Marina e José Serra, indo aos palanques dos dois, no Rio de Janeiro.
O outro ponto forte da candidatura de Marina é o Distrito Federal, que forma com o Rio de Janeiro a dupla de unidades federadas mais politizadas do país (Vale ressalvar que a politização elevada no Rio diz mais respeito à capital). E no Distrito Federal, segundo pesquisa realizada pelo instituto Soma, Opinião e Mercado, divulgada ontem no site do jornalista Cláudio Humberto, Marina Silva confirma a posição de segunda colocada nas intenções de voto, com 27 por cento, já à frente de José Serra, que tem 20 e aproximando-se de Dilma Rousseff, que tem 37 por cento.
Ricardo Pena, diretor do instituto Soma, Opinião e Mercado, destaca que no Distrito Federal Marina já supera também Dilma Rousseff nas classes A e B (eleitores de mais escolaridade e renda mais elevada) e poderá avançar e superar a candidata do PT no total do eleitorado do DF. Isto seria muito interessante para o PV, que deve sair destas eleições com um peso político bem maior do que entrou e que lhe caberá preservar e desenvolver, com independência e longe da tentação do adesismo, que pode fazê-lo desaparecer ou tornar-se mero apêndice do PT, como é hoje o PC do B.
Mas, voltando à “onda verde”, mesmo na modalidade de marola ela já chega a muitos outros lugares do país, inclusive já havendo dado o ar (ou mar?) de sua graça na Bahia, onde os institutos de pesquisa de opinião pública insistiam em manter o deputado e candidato a governador pelo PV, o bravo Luiz Bassuma – da luta contra a liberação do massacre dos inocentes, o aborto – “sem pontuação” nas pesquisas. Mas o último Datafolha lhe atribuiu dois por cento das intenções de voto.

Be Sociable, Share!

Comentários

Marco Lino on 27 setembro, 2010 at 10:23 #

Oxalá Marina chegue ao segundo turno. Seria um bom prêmio aos “vendilhões do templo”.

Mas, cá entre nós, desconfiar do Ibope há alguns dias e agora dar destaque ao Soma…. (somou, subtraiu ou dividiu?!)

O Rio de Janeiro politizado deve ser o da zona sul… o que detestava Brizola e fazia coro às campanhas difamatórias da Globo. Naturalmente.

Já Brasília… deve ser aquela descrita outro dia por Mariana.

Claro que classe média há em todo lugar e Marina tem forte apelo em setores dessa classe.

Estranho é desbancar o Sul e Sudeste do posto de mais politizados. São as outras pesquisas?


luiz alfredo motta fontana on 27 setembro, 2010 at 11:32 #

Caro Marco Lino

Poucas lições restam desta campanha

Uma, ao menos, sobressai…

Entre os derrotados ponteiam os articulistas

E, entre eles, Ivan é destaque

Procurou por meses um texto

Deixou apenas o cambalear de seu percorrer, trôpego pensar

Até é compreensível

“Articular” sob a luz do sol baiano é tarefa para poucos

Filosofar em pesquisas, só mesmo em boa mesa de bar, com direito “a de sempre” servida acompanhada com “o de costume”

Só a amnésia alcoólica nos redime


Jader Martins on 27 setembro, 2010 at 14:56 #

Gostei Fontana.
Os derrotados são os articulista como o Ivan e outros/as que apesar da torcida e da aparente neutralidade , torcem para o Serra. A esperança deles é ainda a Marina ajudar o candidato Serra.


Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos

  • setembro 2010
    S T Q Q S S D
    « ago   out »
     12345
    6789101112
    13141516171819
    20212223242526
    27282930