set
22
Postado em 22-09-2010
Arquivado em (Newsletter) por vitor em 22-09-2010 10:06

Neymar derruba Dorival, e joga

========================================================
O Santos contará com o retorno do atacante Neymar para o clássico contra o Corinthians, nesta quarta-feira, às 22h , na Vila Belmiro, pela 24ª rodada do Campeonato Brasileiro. No entanto, os santistas não terão o técnico Dorival Júnior no banco à beira do gramado, já que o treinador foi demitido após barrar o camisa 11 para o duelo contra o arqui-rival – o ex-goleiro Marcelo Martelloti, que comanda divisões de base do clube, estará no banco do Santos.

Já Adilson Batista, além de vetar a presença de Ronaldo, esquentou o jogo ao esquecer de colocar o adversário entre os candidatos ao titulo nacional. Segundo Adilson, Fluminense (42 pontos), Cruzeiro (41) e Internacional (38) serão os concorrentes do líder Corinthians (44).

“Analisando a tabela, existe uma preocupação até o Internacional. São clubes que podem buscar o título. O Santos e o Inter estão com a vida ganha na Libertadores. Acontecem muitas coisas no futebol. Vamos ter os devidos cuidados”, afirmou Adilson Batista.

No Santos, as provocações adversárias não afetam. Isso porque, os problemas estão dentro do clube. Dorival barrou Neymar por indisciplina, que o xingou por tê-lo proibido de cobrar um pênalti nos minutos finais do jogo contra o Atlético-GO, na última quarta-feira. Com o afastamento de Neymar, o treinador foi demitido, pois a diretoria santista ficou irritada com a atitude do técnico, que vetou o jogador para o clássico, antes de avisá-los.

Em relação ao time, Dorival Júnior havia confirmado que Madson seria o substituto de Neymar. No entanto, com a demissão do treinador, o atleta volta ao banco de reservas. Outra novidade na equipe titular será a presença de Alan Patrick na vaga do lateral-esquerdo Alex Sandro. Desta forma, o Santos abandona o esquema com três volantes, que foi utilizado por Dorival nas três últimas rodadas da competição.

O lateral-direito Pará, que não jogou contra o Guarani, pois sofreu um acidente de carro, está de volta à lateral-direita do time. Outra mudança no sistema defensivo será a entrada do zagueiro Bruno Aguiar na vaga de Edu Dracena, que recebeu o terceiro cartão amarelo na última rodada e cumpre suspensão automática.

O Corinthians não encara a partida como uma decisão. De acordo com o zagueiro William, se a cada partida o atual líder do campeonato entrar em campo como se fosse uma final, o time não resistiria até o fim do campeonato. “Ainda temos 16 partidas pela frente, essa contra o Santos é mais uma. Temos que entrar com a mesma concentração de todos os jogos, mas sem pensar que é uma decisão. Se a gente ganhar, não estará nada decidido, e se a gente perder, ainda vamos poder brigar pelo tíitulo”, disse o capitão.

O Corinthians enfrenta, depois do Santos, dois times que ocupam posições de cima da tabela: Internacional e Botafogo. “Vamos pensar no Santos primeiro. Quando acabar o jogo a gente fala dos outros. Não dá pra projetar muita coisa”, completou.

Sem Ronaldo e Dentinho, o Corinthians deve ter a volta de Ralf no meio campo. O técnico Adilson Batista não confirmou sua presença na partida, mas ele está relacionado para o jogo depois de ficar ausente por dois jogos por conta de uma lesão no tornozelo esquerdo. Se não jogar, Boquita será escalado, já que Paulinho, o substituto ideal, está suspenso. Alessandro, que saiu machucado no intervalo da partida contra o Prudente reclamando de problemas no tornozelo direito, também foi relacionado, e deve ser titular contra o Santos.

(Informações do IG-Esportes)

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos

  • setembro 2010
    S T Q Q S S D
    « ago   out »
     12345
    6789101112
    13141516171819
    20212223242526
    27282930