ago
09

BES: porta aberta para gigantes do Brasil

=======================================================
O BES-África -holding do grupo BES (Banco Espírito Santo, de Portugal) para as participações em entidades financeiras na África vai abrir o seu capital à entrada do Banco do Brasil e ao Bradesco. Este é a primeira operação de uma estratégia que visa consolidar os futuros investimentos dos três grupos na África, e que acaba de ser anunciada ao mercado pelo grupo BES

Segundo a informação divulgada nesta segunda-feira, o Banco Espírito Santo, o Banco do Brasil e o Bradesco assinaram hoje um memorando de entendimento, numa parceria que vem consolidar “o acerto e oportunidade da estratégia internacional seguida pelo BES, focada no triângulo Portugal-Brasil-África”.

A holding Bes-Africa “irá coordenar os futuros investimentos dos três grupos bancários no continente africano, envolvendo a aquisição de participações em bancos e/ou o estabelecimento de operações próprias dos acionistas”, lê-se no comunicado enviado á CMVM.

O Banco do Brasil tinha, em dezembro do ano passado, um volume de ativos da ordem de 708,5 mil milhões de reais (302,6 milhões de euros) ; está  em 23 países e possui 43 pontos de atendimento no exterior, incluindo um escritório de representação em Luanda (Angola). O Bradesco é um dos maiores bancos brasileiros, com ativos totais equivalentes a 558,1 mil milhões de reais em 30 de junho de 2010; tem mais de 41 mil postos de atendimento, marcando presença nos 5 564 municípios brasileiros (junho 2010).

(Informações do jornal Público, de Portugal)

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos