jul
29
Postado em 29-07-2010
Arquivado em (Newsletter) por vitor em 29-07-2010 22:24

O governo venezuelano ocupou, nesta quinta-feira, fazendo uso de força militar, uma fazenda propriedade do presidente de Globovisión, estação de televisão crítica de Hugo Chávez. A informação é uma das manchetes da noite do portal europeu TSF.

Com o apoio de militares, os funcionários do Instituto Nacional de Terras da Venezuela ocuparam, esta quinta-feira, uma fazenda, propriedade de Guillermo Zuloaga, presidente de Globovisión, estação de televisão crítica de Hugo Chávez.

«Não é uma fazenda abandonada, é uma fazenda que é propriedade privada, que tem alguns bens e temos um documento emanado de um organismo do Estado que credita esse bem à família Zuloaga», disse Perla Jaime, advogada que representa o empresário.

Segundo a advogada, a fazenda ocupada está situada em San Fernando de Apure, no Sul da Venezuela, e as autoridades dizem «que estão retomando umas terras».

No seu entender, a acção é «mais uma outra contra o presidente da Globovisión», atualmente exilado nos Estados Unidos, depois de ter sido acusado, conjuntamente com um dos filhos, pelas autoridades venezuelanas, de «usura genérica continuada» e armazenamento irregular de 24 viaturas de um stand do qual são proprietários.

Guillermo Zuloaga acusou o presidente venezuelano, Hugo Chávez, de «perseguição» e anunciou que não regressará ao país por não acreditar que teria um julgamento justo.

(Informações do portal TSF, de Lisboa)

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos

  • julho 2010
    S T Q Q S S D
    « jun   ago »
     1234
    567891011
    12131415161718
    19202122232425
    262728293031