jul
26
Posted on 26-07-2010
Filed Under (Newsletter) by vitor on 26-07-2010

Geddel: na sala VIP, não!

====================================

Deu salseiro (dos brabos) no Aeroporto Internacional de Salvador. Acostumado a usar a sala VIP do governo do Estado, o ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMDB), oponente do governador Jaques Wagner na sucessão estadual, encontrou um aviso de que não poderia mais usar o ambiente, a partir desta segunda-feira. Ele até estrilou. Queria reunir-se no espaço. Mas a ordem era de barrá-lo no baile. E foi cumprida. Geddel saiu soltando brasas contra Wagner. E o mundo.


=========================================

DEU NO BLOG DO TOM (do músico Tom Tavares)

O filme em 35 m/m mais antigo do mundo; rodado em San Francisco USA a partir de uma câmera montada na frente de um bonde em 1906, pouco meses antes do grande terremoto que destruiu virtualmente toda a cidade! O fascinante neste vídeo é poder observar a grande avenida e seu trafego de bondes, veículos, carroças, cavalos na mais completa balburdia!

As pessoas são exemplos de perfeita inspiração para um quadro de Toulouse Lautrec, desfilando seus trajes com os indefectíveis chapéus , desprezando as regras de como transitar no meio daquela “babilônia”!

Reparem o detalhe: a linha eletrificada dos bondes é no subsolo entre os dois trilhos ficando desta forma preservada a “beleza da paisagem” e não se vê redes aéreas de energia.

(Postado por Vitor Hugo Soares, com agradecimentos a Tom Tavares, que mandou por e-mail esta maravilha de vídeo garimpado no You Tube)

jul
26

Ganso e Neymar, enfim: elixir para o Santos

=============================================
Muitos nomes novos na lista de convocação do treinador Mano Menezes , apresentada na tarde desta segunda-feira. Preteridos para a Copa do Mundo da África do Sul, a dupla Neymar e Ganso, do Santos,enfim ganhou espaço na seleção brasileira, sem falar em André. Até Pato, do Milan, foi lembrando pelo gaúcho ex-técnico do Corintians, que no entanto conservou uma uma velha prática:nenhum jogador de time do Norte e Nordeste entrou na lista dos novos “canarinhos”

Para a chamada “imprensa esportiva” a dupa de jogadores do Santos é o grande destaque “do renovado time nacional, que foi convocado nesta segunda-feira pela primeira vez por Mano Menezes, substituto de Dunga no comando da equipe”, como assinala o portal IG.

Mas como o IG também destaca, o ex-corintiano convocou apenas um jogador do time que comandou até o último domingo. Mesmo sem ser um titular indiscutível do Corinthians, o meio-campista Jucilei foi lembrado por seu ex-comandante.

As grandes surpresas, no entanto, ficaram por conta dos goleiros Jefferson, do Botafogo, e Renan, do Avaí. Além deles, também foram lembrados pela primeira vez o zagueiro David Luiz, do Benfica, o lateral-direito Rafael, do Manchester United, e o meio-campista Éderson, do Lyon, e o atacante André, do Santos.

A primeira convocação de Mano Menezes ainda serviu para o retorno de alguns atletas ao time nacional, como os laterais Marcelo (Real Madrid) e André Santos (Fenerbahce), os volantes Lucas (Liverpool) e Sandro (Internacional), e os atacantes Diego Tardelli (Atlético-MG) e Alexandre Pato (Milan).

O novo treinador da seleção brasileira convocou 24 atletas, um a mais do que o normal, por conta das participações de São Paulo e Internacional na Copa Libertadores. A equipe que avançar à decisão terá o seu representante (Hernanes e Sandro) cortado do jogo contra os norte-americanos.

Havia expectativa da convocação de pelo menos um jogador do time do Vitória, o time baiano que começa a disputar esta semana a Copa do Brasil com o Santos. A convocação de Mano pode servir de elixir revitalizador para o time paulista, que andava mal das pernas mas foi premiado com tres jogadores convocado por Mano. O Vitória, em ascensão tambem no reinício do campeonato brasileiro, deve cuidar para que a convocação de Mano não funcione como um balde água fria no ânimo do time baiano. Ainda bem que Mano não esqueceu também do baiano Daniel Alves, o juazeirense do Barcelona.

Vida que segue, como dizia o frande João Saldanha.

(Vitor Hugo Soares, com informações do IG)


Afeganistão: quase nove anos de conflito/ ReutersPúblico
====================================================

Mais de 91 mil documentos secretos sobre a guerra no Afeganistão foram revelados ontem e causam forte impacto. O jornal norte-americano “The New York Times”, o inglês “The Guardian” e a revista alemã “Der Spiegel” tiveram acesso há semanas, através do site Wikileaks, a documentos sobre o conflito entre Janeiro de 2004 e Dezembro de 2009.

Os documentos sugerem que a situação no terreno é mais delicada do que o Governo norte-americano anuncia. Há um número de mortes não confirmado publicamente, as forças dos taliban têm mísseis capazes de seguir o calor e há fortes indícios do apoio dos serviços secretos paquistaneses aos taliban.

Os documentos também mostram que existe uma unidade de forças especiais concentrada em encontrar líderes dos taliban para os “matar ou capturar” sem um julgamento. O número de vítimas feitas pelos rebeldes afegãos também é superior aos dados oficiais – segundo os documentos os ataques destas forças já fizeram duas mil mortes.

A administração norte-americana já reagiu à publicação destes documentos. Os Estados Unidos “condenam fortemente a publicação de informação secreta por indivíduos e organizações que põem em risco as vidas dos americanos e dos nos nossos parceiros, e ameaçam a segurança nacional”, disse o general James L. Lone, conselheiro de defesa da Casa Branca.

“O Wikileaks não fez nenhum esforço para nos contactar sobre estes documentos – a Administração dos Estados Unidos foi informada por órgãos de informação que estes documentos iriam ser publicados”, explicou o general.

O Wikileaks é um site dedicado a publicar documentos secretos para denunciar a corrupção dos estados.

Apenas estes três jornais receberam os documentos da Wikileaks que são de uma fonte desconhecida. O Wikileaks disse que decidiu atrasar a publicação de 15 mil relatórios dos arquivos como “um processo para minimizar o dano feito, a pedido da nossa fonte”. Segundo o “Der Spiegel” os editores dos três jornais foram “unânimes no interesse público deste material que justifica a sua publicação”.

A publicação do material já começa a ter impacto na forma como a opinião pública avalia a política militar de Obama para o Afeganistão. “Mesmo que estes documentos sejam ilegais, eles levantam perguntas sérias sobre a realidade da política americana para o Afeganistão e o Paquistão”, disse o senador democrata John Kerry, citado pela BBC News.

Mas o general James L. Jones insiste que as revelações prejudicam em particular a anterior Administração. “A 1 de Dezembro de 2009 o Presidente Obama anunciou uma nova estratégia com uma substancial aumento em recursos para o Afeganistão, e aumentou o foco nas regiões protegidas da Al Qaeda e dos Talibã no Paquistão, precisamente devido à situação grave que se foi desenvolvendo ao longo dos anos”, explicou.

A guerra no Afeganistão teve início em 2001 depois dos ataques do 11 de Setembro.

(Com informações do jornal PÚBLICO, de Portugal e Reuters )

jul
26
Posted on 26-07-2010
Filed Under (Charges) by vitor on 26-07-2010


======================================================
DEU NO EL PAÍS (ESPANHA). ENVIADA AO BAHIA EM PAUTA POR LUIZ FONTANA, DO BLOGBAR, A PEDIDA CERTA PARA GENTE INTELIGENTE E DE BOM GOSTO A QUALQUER HORA E A QUALQUER DIA.
http://fontanablog.blogspot.com/

(VHS)

jul
26


===================================
Comentário de uma ouvinte uruguaia deste clio no
You Tube:
Hermosa cancion realmente… me encanta exaltasamba! amo la musica brasilera, y la dulzura que tienen estos chicos es divina!.
Saludos grandes desde Uruguay para todos.

Nada mais a acrescentar, a não ser a separação do dia.

(VHS)

jul
26
Posted on 26-07-2010
Filed Under (Newsletter) by vitor on 26-07-2010

Casal separado depois de 17 anos/DN

=========================================

DEU NO DIÁRIO DE NOTÍCIAS (DE LISBOA)

Claudia Raia e Edson Celulari vão separar-se. A notícia foi adiantada pelo jornal brasileiro ‘Globo’, na coluna de Ancelmo Gois, onde o casal já faz algumas considerações sobre o assunto. Ainda hoje o casal vai divulgar a decisão através de um comunicado enviado à imprensa, diz em uma das manchete do dia em sua edição online o DN, um dos diários mais tradicionais e de maior circulação em Portugal.

O jornal europeu assinala que o popular casal estava junto há 17 anos e chegou a contracenar em algumas novelas brasileiras. Na coluna do ‘Globo’, aliás, o casal já confirma a notícia. ‘Foram quase duas décadas de uma união feliz, com os altos e baixos de qualquer relação entre marido e mulher que termina agora deixando como fruto a amizade, o respeito e a admiração mútua, além de um casal de filhos lindos (Enzo e Sophia) e amorosos que nos ligará para sempre através de um amor profundo’, pode ler-se no ‘Globo’

O casal apelou ainda ao respeito pela sua privacidade neste momento. ‘Ao longo das nossas carreiras sempre contamos com o carinho e respeito da imprensa na observação dos limites que separam a nossa vida pública da privada. Esperamos continuar a merecê-los neste momento de recolhimento’.

(Postado por Vitor Hugo Soares, com informações do Diário de Notícias e Globo )

jul
26

Pesquisas: além dos aviões

========================================================
O conflito de resultados nas pesquisas eleitorais dos principais institutos do País, flagrantemente verificado nos mais recentes levantamentos divulgados por VOX POPULI e DATAFOLHA, é o tema do artigo desta segunda-feira do colunista político Ivan de Carvalho na Tribuna da Bahia, que Bahia em Pauta reproduz.As discrepâncias nos números recolhidos pelos dois destacados institutos especializados são tão gritantes e estranhas que dá para desconfiar de que, neste quesito crucial das campanhas eleitorais, existe algo no ar além dos aviões de carreira.

(VHS)

====================================================

OPINIÃO POLÍTICA

Números federais e estaduais

Ivan de Carvalho

1. A pesquisa Datafolha divulgada no fim de semana entra em conflito total com a sondagem de opinião eleitoral realizada pelo Instituto Vox Populi. Este acabara de atribuir, na sexta-feira, 41 por cento das intenções de voto a Dilma Rousseff, do PT e a candidata governista, 33 por cento a José Serra, do PSDB e oposicionista e oito por cento a Marina Silva, do PV e também oposicionista. Dilma teria oito pontos percentuais de vantagem sobre Serra nas intenções de voto.

Então vem o Datafolha e estabelece o conflito dos números: confere a José Serra 37 por cento das intenções de voto e a Dilma Rousseff, 36. Um ponto a favor de Serra, ou, para quem preferir, o chamado “empate técnico”. Na pesquisa anterior do Datafolha, no mês passado, Serra e Dilma também empataram, na ocasião, ambos com 37 por cento das intenções de voto, enquanto o Vox Populi, também em sua pesquisa anterior, divulgada no dia 29 de junho, dava 40 por cento a Dilma Rousseff e 35 por cento a José Serra.
Em relação a Marina Silva, a última pesquisa Vox Populi atribui oito por cento, exatamente como na pesquisa anterior do mesmo instituto, coisa bastante diferente dos 12 por cento de intenções de voto que o último Datafolha atribui a Marina.

2. O Datafolha (do grupo Folha de S. Paulo e em parceria com a TV Globo) pesquisou a Bahia e atribuiu 44 por cento das intenções de voto ao governador Jaques Wagner, do PT, 23 por cento ao ex-governador democrata Paulo Souto e 12 por cento ao ex-ministro Geddel Vieira Lima, do PMDB. Luiz Bassuma, do PV e Professor Carlos, do PSTU, apareceram com um por cento, cada. Cinco por cento dos eleitores disseram que votarão nulo ou em branco e 14 por cento não quiseram responder.

Por esses números, o governador Jaques Wagner tem a possibilidade de vencer sem necessidade de disputar um segundo turno. Os candidatos de oposição podem alegar, no entanto, que tais números tendem a sofrer grande mudança e que as posições atuais se devem a um período de muitos meses em que as oposições estiveram quase sem voz, com exposição modesta na mídia, enquanto o governador, sob este aspecto, foi beneficiário de intensa propaganda de seu governo.

Este fenômeno estaria encerrado por força da lei eleitoral, que não permite a propaganda oficial no período eleitoral, mas somente a propaganda eleitoral, regulada por lei, e na qual o governador e os dois principais candidatos da oposição têm condições similares de comunicação com o público pelo rádio e televisão, bem como por outros meios de propaganda. Quanto a Luiz Bassuma, pode conquistar pontos junto ao eleitorado à medida que a campanha de Marina Silva cresça, apesar do pouco tempo que ambos terão nos programas gratuitos de rádio e televisão. Um crescimento apreciável de Bassuma é considerado por alguns políticos como importante para assegurar a realização de segundo turno na Bahia.

  • Arquivos

  • julho 2010
    S T Q Q S S D
    « jun   ago »
     1234
    567891011
    12131415161718
    19202122232425
    262728293031