jun
27

Stalin sai do pedestal na Georgia(ex-URSS)

==========================================
Na madrugada deste domingo as autoridades da Georgia, na antiga União Soviética, continuavam a retirar estátuas de Stalin das cidades do país e prometem para breve «rebatizar» nomes de praças e ruas com o nome do ditador comunista que governou a União Soviética entre 1924 e 1953.

Uma estátua de Stalin, com cerca de três metros de altura, foi desmontada durante a madrugada de domingo em Tkibuli, cidade do ocidente da Geórgia.

«A decisão de remoção do monumento foi tomada pelas autoridades municipais devido à reconstrução do centro de Tkibuli», declarou um porta-voz do poder local.

O monumento, que foi erigido durante a vida de Stalin, já fora removido nos anos 80 do séc. XX, quando a Geórgia era dirigida pelo Presidente nacionalista Zviad Gamsakhurdia, mas regressou ao mesmo lugar dez anos depois, na época em que a presidência do país era ocupada por Eduard Chevarnadzé, antigo ministro dos Negócios Estrangeiros da URSS.

A operação de desmontagem não foi previamente anunciada e decorreu com forte presença policial.

Dois dias antes, operação semelhante foi feita na cidade georgiana de Gori, cidade natal do ditador.

Nika Rurua, ministro da Cultura da Geórgia, anunciou que todas as ruas e praças do país com o nome de Stalin serão brevemente «rebatizadas».

Mikhail Saakachvili, atual Presidente georgiano, apoiou esta operação: «Há museus e aí devem estar as exposições. No país não devem existir paralelamente um museu da ocupação (soviética) e monumentos àqueles que deram ordens às tropas para ocupar a Geórgia.»

O seu antecessor, Eduard Chevarnadzé, condena a operação, considerando uma «guerra contra a história».
( Informações do portal português TSF)

Be Sociable, Share!

Comentários

danilo on 27 junho, 2010 at 13:54 #

pô, Marco Lino, veja [ops, sorry] que coisa desagradável. antes foram as estátuas do cumpanhêro Lenin que os soviéticos jogaram ao chão. e agora eles partem pra cima de Stalin. assim não pode, assim não dá. vamos pedir ao camarada Zé Mensalão Dirceu pra escrever uma matéria defendendo nossa causa, e vamos despachar o Celso Amrim e o Top Top Garcia pra Moscou pra protestar contra essa arbitrariedade.


Marco Lino on 27 junho, 2010 at 16:57 #

Olá meu caro (como gostas de falar comigo, hein?),

sou contrário a todo imperialismo, não somente ao ianque.

Defendo um mundo sem senhor e sem servo, e outubro de 1917 é uma data sagrada para os que sonham com este mundo.

Entretanto, Stalin foi um erro histórico. Lenin havia alertado sobre o perigo que Stalin representava, mas o partido foi fraco. Lamentável.

Mas vc que diz ser antifascista e antinazista deve louvá-lo (ao menos às escondidas) por deter Hitler, não? Talvez, não fosse o povo russo, hoje vc estivesse cerrando fileiras em torno da ideologia do homem superior de Nietzsche e dele, o cara de lá…

Saudações


Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos

  • junho 2010
    S T Q Q S S D
    « maio   jul »
     123456
    78910111213
    14151617181920
    21222324252627
    282930