jun
21
Postado em 21-06-2010
Arquivado em (Newsletter) por vitor em 21-06-2010 16:09

DEU NA UOL

O presidenciável José Serra (PSDB) insistiu durante a sabatina organizada por Folha de S. Paulo e UOL nesta segunda-feira (21) que sua adversária Dilma Rousseff (PT) deveria pedir desculpas a ele e a seu partido por conta do suposto dossiê que teria sido preparado a pedido de integrantes da campanha petista.
A negociação de documentos que poderiam afetar a campanha presidencial do PSDB rendeu troca de ataques entre petistas e tucanos nas últimas semanas. Depois de responsabilizar Dilma pelo assunto, Serra foi processado pelo PT.
“Eu acho que, diante das evidências, caberia uma medida mais dramática de reconhecer, afastar as pessoas publicamente”, disse o presidenciável, referindo-se ao ex-prefeito de Belo Horizonte Fernando Pimentel, acusado de negociar a feitura de um dossiê anti-Serra e que segue na coordenação da campanha de Dilma
“A melhor coisa quando tem um erro que é óbvio é se desculpar e encerrar o assunto. Outra coisa é culpar a vítima. Aquele famoso dossiê dos aloprados parecia que o culpado era a vítima. Não houve um pedido de desculpas, nem nada. Significa que vão continuar fazendo”, criticou o ex-governador de São Paulo.
A respeito de documentos da Receita Federal que vazaram informações sobre outro dirigente tucano, Eduardo Jorge, Serra insinuou a ajuda de petistas no governo para que os dados se tornassem públicos. “Agora é problema da Receita. Por que a Receita vai quebrar o sigilo de alguém? E fazer vazar isso à toa?”, disse.
O presidenciável tucano repetiu os ataques ao governo boliviano, que seria conivente com o narcotráfico. “É impossível que o governo de lá não faça corpo mole. Não tem nada a ver com a Bolívia nem com o povo boliviano. Fui exilado no início na Bolívia. Tenho amor pelo povo boliviano. Mas que o governo lá faz corpo mole, faz”, afirmou.

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos

  • junho 2010
    S T Q Q S S D
    « maio   jul »
     123456
    78910111213
    14151617181920
    21222324252627
    282930