————————————————————
Fantástico Moraes Moreira!!! Fantásticos Novos Baianos de sempre!!! MÚSICOS E INTÉRPRETES PRA NINGUÉM BOTAR DEFEITO!
BOA NOITE!!!

Dutra: beligerância baiana

=======================================
O martelo está batido e, salvo em caso de tempestade de granizo, a postulante do PT à presidência da República, ex-ministra Dilma Rousseff desembarca em Salvador na semana do São João para participar, dia 21, do foguetório no lançamento do ex-ministro da Integração Nacional, Geddel Vieira Lima como candidato ao governo da Bahia pelo PMDB, em guerra aberta com o ex-aliado petista, Jaques Wagne. Este, já no embalo da campanha de reeleição.

Nesta quarta-feira, em Brasília, Luis Eduardo Dutra, presidente nacional do PT e um dos arautos da campanha da candidata de seu partido , confirmou a viagem de Dilma ao campo conflagrado. “Lá (na Bahia) está complicado, a beligerância é muito grande, mas ela vai”, confirma o dirigente petista.

Na festa de Geddel a pré-candidata Dilma inicia um “roteiro de forrós juninos” pelo Nordeste. Mas, segundo Dutra, em Salvador ela evitará arrasta-pé e sanfona . A candidata do PT só vai dançar forró mesmo pra valer em Caruaru (PE), Campina Grande (PB) e Aracaju (SE), “este último o melhor de todos”, diz o sergipano presidente do PT, puxando a brasa para sua sardinha.
(Claudio Leal, de Brasília)

jun
09

O Conselho de Segurança da ONU aprovou nesta quarta-feira novas sanções contra o Irã, numa tentativa de convencer Teerã a suspender as suas controversas atividades nucleares.

A resolução foi aprovada por 12 votos a favor, dois contra e uma abstenção. O Brasil e a Turquia votaram contra e o Líbano absteve-se.

Esta é a quarta vez que a ONU adota sanções contra o Irã, desde 2006. O texto da resolução foi redigido pelos EUA e co-patrocinado pela Alemanha, França e Grã-Bretanha.

A China e a Rússia, países com direito a veto no Conselho de Segurança e habitualmente renitentes em relação à imposição de sanções ao Irã, tinham garantido já o apoio a esta resolução.

Numa entrevista divulgada esta quarta-feira, o primeiro-ministro russo, Vladimir Putin, afirmou, no entanto, que estas sanções são «ineficazes» para a resolução de crises nucleares.

(Informações do portal europeu TSF)

jun
09

Wagner com Lídice:conversa de aliados

=======================================
Candidata ao Senado pelo PSB, a deputada federal Lídice da Matta vai se reunir com o governador Jaques Wagner, na tarde desta quarta-feira, em Salvador. A conversa não deve driblar um incômodo nascido desde a escolha do petista cristão-velho Walter Pinheiro (PT) como seu companheiro de chapa na sucessão estadual. Com o corte de Waldir Pires, um nome suprapartidário, teme-se que o engajamento dos petistas na campanha de Lídice não passe da superficialidade.

Nas últimas semanas, Pinheiro deu sinais de sua gula na condução dos petistas no Estado, o que disparou a sineta dos partidos aliados, do PCdoB ao PSB, que querem isonomia. O prato principal do encontro Lídice-Wagner deve incluir outro ingrediente: a aliança nas eleições proporcionais, ponto fundamental para sedimentar o bloco governista antes das convenções.

(Claudio Leal, de Brasília)

jun
09

Lula e Serra: olhos na Bahia

=====================================
Em seu artigo desta quarta-feira, na Tribuna da Bahia, o jornalista político prevê para esta semana dias de grande movimentação política na Bahia, principalmente por conta da convenção nacional do PSDB, marcada para o dia 12, em Salvador, quando José Serra terá sua candidatura a presidente da República formalizada.
=======================================

OPINIÃO POLÍTICA

A BAHIA EM FOCO

Ivan de Carvalho

Teremos esta semana grande movimentação política na Bahia, principalmente por conta da convenção nacional do PSDB, marcada para o dia 12, em Salvador, quando José Serra terá sua candidatura a presidente da República formalizada.

No mesmo dia, mas em horário anterior, a seção estadual do partido Democratas fará sua convenção, oficializando a candidatura do ex-governador Paulo Souto à sucessão do governador Jaques Wagner, bem como as candidaturas a vice-governador (o nome é o do ex-governador Nilo Coelho) e a senador.

Neste particular, o DEM até ontem tinha somente a definição de um nome, o do ex-prefeito de Feira de Santana, José Ronaldo. Parecia ainda esperar uma palavra final do senador Antonio Carlos Magalhães Junior para saber se a chapa será completada com ele ou se outro nome (o do ex-governador e ex-prefeito Antonio Imbassahy, presidente estadual do PSDB, tem sido citado) será convidado.

A decisão de Serra de fazer na Bahia a convenção tucana que formalizará sua candidatura é um gesto para o nosso estado, quarto maior colégio eleitoral do país, superado apenas por São Paulo, Minas Gerais e Rio de Janeiro. A localização do evento na capital baiana é, sem nenhuma dúvida, benéfica também para o candidato democrata a governador, Paulo Souto.

Mas o mais importante aí é considerar que a escolha da Bahia para sediar a convenção nacional do PSDB é, mais do que um gesto para o eleitorado baiano, uma sinalização para todo o eleitorado do Nordeste de que Serra tem planos para estimular o desenvolvimento da região. Aliás, Serra acaba de anunciar que, se for eleito presidente, ressuscitará a Sudene, dando-lhe importância maior do que teve no passado. Falou até que acumularia a presidência da República com a presidência (ou superintendência) da Sudene. O Nordeste e o Norte são as regiões em que Dilma leva grande vantagem sobre Serra nas pesquisas eleitorais.

Não passou despercebido ao Palácio do Planalto, atualmente em reforma (e certamente também ao Palácio de Ondina), o movimento de Serra e adotou-se um tanto às pressas uma espécie de contra-medida – a presença do presidente Lula no dia 10 (apenas dois dias antes da convenção nacional do PSDB) em Salvador, para participar da inauguração de uma reforma no Palácio Rio Branco.

A semana política já começara movimentada, com o anúncio, pelo ex-ministro Geddel Vieira Lima, de sua chapa agora completa. Além do senador César Borges, presidente estadual do PR, concorrerá também ao Senado o ex-prefeito e atual vice-prefeito de Salvador, Edvaldo Brito, do PTB, e o vice-governador do Estado, Edmundo Pereira, completa a chapa, concorrendo a novo mandato no mesmo cargo que já ocupa.

Em tempo: ontem, Dilma Rousseff disse que quando Lula assumiu o governo, em 2003, “o Brasil estava funhanhado”. Eu podia ir ver no dicionário, mas não vou. Li em algum lugar que o termo seria equivalente a “tremelento”, o que não ajuda muito. Mas o problema não é esse. Dilma não falou a sua linguagem, ela disse a palavra que algum assessor lhe sugeriu. Menos, candidata, menos. Sua candidatura não é a vereadora de Chorrochó.

jun
09
Posted on 09-06-2010
Filed Under (Newsletter) by vitor on 09-06-2010

DEU NO IG – ELEIÇÕES 2010

Geddel Viera Lima enfim driblou Jaques Wagner. Terá a candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff, presente à convenção que oficializará sua candidatura ao governo.

A convenção do PMDB da Bahia estava marcada para dia 18. Geddel convidou Dilma e ela lamentou, sob o argumento de que estaria no exterior. O peemedebista aceitou, então, remarcar a convenção para o dia 21 e, aí, fechou com Dilma.

– Aqui a a situação só tende a melhorar. Acabamos de fechar a chapa com Cesar Borges (PR) e Edivaldo Brito (PTB) para o Senado e Edmundo Pereira (PMDB) como candidato a vice-givernador — festeja Geddel

(Autor: Tales Faria )

  • Arquivos

  • junho 2010
    S T Q Q S S D
    « maio   jul »
     123456
    78910111213
    14151617181920
    21222324252627
    282930