maio
24
Postado em 24-05-2010
Arquivado em (Newsletter) por vitor em 24-05-2010 22:50

Juliete Binoche em Cannes: apelo por cineasta

================================================
O Irã acabou de libertar o cineasta Jafar Panahi que estava detido desde 1 de Março na prisão de Evin, em Teerã, segundo a agência noticiosa francesa AFP. Panahi vai, assim, aguardar julgamento em liberdade.

As autoridades iranianas tinham indicado durante o fim-de-semana que estavam a rever o caso do cineasta, mas criticaram a grande campanha internacional de “propaganda” à volta do caso.

Panahi tinha sido escolhido para participar no júri do festival de Cannes, que terminou neste fim-de-semana, e a sua cadeira foi mantida vazia, em sinal de protesto pela detenção. A ausência foi notada, e Juliette Binoche, vencedora como melhor atriz num filme do realizador iraniano Abbas Kiarostami, mentor de Panahi, levantou a placa com o nome do cineasta ausente no momento em que subiu ao palco para receber o prémio.

Adepto do líder da oposição Mir-Hossein Mousavi, Jafar Panahi planeava fazer um filme sobre as eleições que a oposição diz terem sido fraudulentas e na violenta opressão dos protestos que se lhe seguiram. Foi preso em Março e estava agora detido em regime solitário e tinha recentemente começado uma greve de fome em consequência de maus tratos sofridos na prisão.

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos