maio
15
Postado em 15-05-2010
Arquivado em (Newsletter) por vitor em 15-05-2010 19:47


DEU NO CORREIO BRAZILIENSE

Vinicius Sassine

A pré-candidata do PT à Presidência da República, a ex-ministra Dilma Rousseff, aparece pela primeira vez à frente do pré-candidato do PSDB, o ex-governador de São Paulo, José Serra, em pesquisa de intenção de votos feita pelo Instituto Vox Populi.

O levantamento traz a petista com 37% das intenções de voto, em empate técnico com Serra, que tem 34% na pesquisa estimulada. A margem de erro do levantamento é de 2,2%, para mais ou para menos.

Dois mil eleitores, moradores de 117 cidades (nas cinco regiões brasileiras), foram ouvidos no levantamento. Num eventual segundo turno, Dilma e Serra também estariam tecnicamente empatados, com 40% e 38%, respectivamente, dentro, portanto, da margem de erro de 2,2%.

A pesquisa de intenção de voto espontâneo – quando o eleitor abordado pelos pesquisadores diz em quem vai votar – também aponta a liderança de Dilma Rousseff. Ela aparece com 19% das intenções de voto, enquanto Serra tem 15%. Em janeiro, cada candidato obteve 9% das intenções de votos espontâneos.

A candidata do PV, a ex-ministra Marina Silva, consolidou-se na terceira posição da pesquisa estimulada de intenção de voto, com 7%. O levantamento de votos espontâneos mostra o presidente Lula em terceiro lugar, com 10% das intenções de voto, o que confirma a popularidade do presidente (mesmo sem poder se candidatar a um terceiro mandato, Lula é citado pelos eleitores).

As regiões onde Dilma Rousseff é mais lembrada são o Nordeste (44%) e o Norte (41%). Serra lidera no Sul (44%) e está tecnicamente empatado com a petista no Sudeste.

A pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) em 7 de maio de 2010, sob o número 11.266/2010. As duas mil pessoas foram entrevistadas entre os dias 8 e 13. O Correio publica todos os detalhes do levantamento na edição impressa de amanhã.

O CORREIO BRAZILIENSE PUBLICA DADOS COMPLETOS DA PESQUISA EM SUA EDIÇÃO IMPRESSA DESTE DOMINGO, 16

Be Sociable, Share!

Comentários

Oriana Lopes on 15 Maio, 2010 at 21:42 #

Caro Vitor,
Eu diria não se tratar do efeito TV, mas do efeito Sensus (aquele da pesquisa marmelada), que acabou contaminando o Vox Populi, que, nós e a torcida do Bahia sabemos que trabalha para o PT. Pesquisa séria, hoje no Brasil, onde sua majestade Lula nem os aloprados metem a colher é Datafolha. No mais, nem vale a pena publicar. Aliás o diretor da Vox, Marcos Coimbra, escreve sempre para fazer valer a máxima sobre a Estatística e, com um pouco de boa vontade, colocar Dilma como favorita, ainda que os fatos continuem a mostrar que a ministra não consegue deslanchar.


luiz alfredo motta fontana on 16 Maio, 2010 at 4:29 #

Caro VHS

Enquanto isso…

“Wagnerianos” e “Geddelianos” mostram as garras

Deu na Folha de São paulo, edição deste domingo:

________________________________

PT e PMDB travam guerra judicial na Bahia

Desde a ruptura entre Geddel Vieira Lima e Jaques Wagner, em agosto passado, os partidos já moveram 17 ações entre si

Dilma vai participar hoje do lançamento da candidatura de petista, mas promete que também irá ao evento de seu rival peemedebista

MATHEUS MAGENTA
DA AGÊNCIA FOLHA, EM SALVADOR

Aliados no âmbito nacional em torno da pré-candidatura da petista Dilma Rousseff à Presidência, PT e PMDB transformaram o TRE (Tribunal Regional Eleitoral) da Bahia, Estado onde são adversários, num palco de guerra jurídica por denúncias de suposta propaganda eleitoral antecipada.
Um levantamento feito pela reportagem mostra que, desde a saída do PMDB da base do governador da Bahia, Jaques Wagner (PT), em agosto do ano passado, os partidos já moveram 17 ações entre si.
Das 12 representações do PMDB, 9 tiveram como alvo a propaganda institucional do governo e três, o PT. A maioria das ações ocorreu neste ano. “O governo do Estado está gastando mais neste ano com propaganda para promover Jaques Wagner como candidato à reeleição. Isso é um absurdo”, disse o pré-candidato do PMDB, Geddel Vieira Lima.
Segundo Robinson Almeida, secretário estadual da Comunicação, se o governo baiano gastar neste ano em publicidade o mesmo que no ano passado (R$ 111 milhões), a média dos quatro anos de gestão (R$ 80 milhões) será menor que a do antecessor, o ex-governador democrata Paulo Souto (R$ 97,8 milhões, corrigida a inflação).
“As ações do PMDB se caracterizam muito mais como uma luta político-eleitoral do que uma argumentação jurídica. É por isso que nenhuma ação do PMDB contra o governo foi acolhida pelo TRE”, disse.
Em meio a esse clima, Dilma desembarca hoje em Salvador para prestigiar o encontro do PT que lançará oficialmente Wagner à reeleição. Sem saber ainda como administrar os dois palanques, aliados da pré-candidata se apressaram em dizer que ela também irá ao evento de Geddel, caso ele a convide.
Dilma já havia sugerido reuni-los no mesmo palanque, como Lula fez em 2006 com PT e PSB (na época, aliados nacionais e adversários estaduais) em Pernambuco, mas a hipótese foi rechaçada pelos partidos.
As representações de PT e PMDB baianos envolvem, inclusive, a imagem do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que apoia as duas candidaturas. Nesta semana, o PT foi proibido, em caráter liminar, de veicular um comercial partidário de TV no qual Jaques Wagner aparecia ao lado de Lula.
Em fevereiro, Geddel sofreu derrota por vídeo semelhante com Lula e foi condenado pelo TRE a pagar multa de R$ 15 mil por propaganda eleitoral antecipada. O partido recorreu.
Até o momento, o PMDB já foi obrigado a suspender edições do jornal partidário, distribuição de adesivos, comerciais de TV e outdoors.
A Bahia é o Estado com maior número de representações da Procuradoria Regional Eleitoral -47, até agora. Segundo o TSE, a média no país é de sete processos por Estado.
“Todas as propagandas partidárias de TV deste ano configuram antecipação de campanha”, disse o procurador regional eleitoral Sidney Madruga.
Colaborou RANIER BRAGON, da Sucursal de Brasília


danilo on 16 Maio, 2010 at 12:36 #

atenção macacada, abram o olho:

mais três rodadas de pesquisas da Vox Populi e da Sensus mantendo Dilma Sargentão na frente, e todo sabe q se trata de mentira, mas poucos tem coragem de dizer que o Vox Populi e o Sensus manipulam descaradamente. escrevam aí: com base no Vox Populi e no Sensus o governo vai operar um FRAUDE monstro nas eleições e Dilma vai ganhar. e aí babau. lembram do Proconsult em 1982? pois, bem, o mesmo fenômeno periga se repetir agora em 2010. e se não levantarem essa lebre………


Humberto Guanais on 17 Maio, 2010 at 10:03 #

Ô Danilo, estás com saudades das tramóias da Turma de ACM, que fazia fraudes, e roubava descaradamente? Esqueceu-se de FRAUDECK Ornelas, quando Waldir foi roubado, porque sua turma e a de ACM, fraudaram e roubaram a eleição. Com as urnas eletronicas e vigilância, não dá para existir mais estas fraudes, que você deve ter se vangloriado de participar!


Oriana Lopes on 17 Maio, 2010 at 13:52 #

Oh, meu caro, não estou dizendo que vão praticar fraude. Mas essa possibilidade é factível e já houve alerta nesse sentido de gente do ramo. Afinal, num mundo em que piratas entram nos segredos da Nasa e da Coroa Britânica, em que adolescentes conseguem copiar os segredos dos mais sofisticados computadores no mesmo dia em que são lançados, por que haveria de estar imune o sistema de voto digital no Brasil? Bem, com um governo ditatorial como o de Lula, que pensa que pode tudo, bem, não é de duvidar que, vendo escapar a galinha dos ovos de ouro, essa gente contrate uns aloprados para atacar. Mas, como os alaprados têm se mostrado altamente incompetentes para esse tipo de tarefa…Ah, mas o presidente não saberá de nada.


Oriana Lopes on 17 Maio, 2010 at 13:54 #

Ora Guanais, come down. ACM é peixe pequeno na Era de DIRCEU, GILBERTO, CARVALHO, GENOÍNO, PALOCCI & CIA.


Oriana Lopes on 17 Maio, 2010 at 13:55 #

CORRIGINDO: GILBERTO CARVALHO


danilo on 17 Maio, 2010 at 14:57 #

Guanais, Guanais. santa inocência ou má fé disfarçada de inocência, esta sua argumentação. afinal basta ohar em volta pra ver com quem o PT [acho até q vc incluído] está aliado ou buscando apoio. queriam Cesar Borges, já estão com João Leão, Negromonte. tudo carlista de carteirinha. sem falar de Otto Alencar, o homem da Bahia na época dos grampos…


Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos