maio
04
Postado em 04-05-2010
Arquivado em (Newsletter) por vitor em 04-05-2010 11:45

Suspeito detido no JFK/ IG/AP

=========================================
DEU NO PORTAL IG ( www.ig.com.br )

Um homem paquistanês-americano foi preso por dirigir o carro-bomba encontrado no último sábado na Times Square, em Nova York, enquanto investigadores continuam a buscar pistas sobre o incidente, disseram autoridades dos Estados Unidos nesta terça-feira.

Faisal Shahzad, um cidadão norte-americano naturalizado que nasceu no Paquistão, foi preso por volta de 23h45 da segunda-feira (0h35 da terça-feira em Brasília) no aeroporto John F. Kennedy, em Nova York, quando tentava embarcar em um voo para Dubai, disseram autoridades locais e federais. “A intenção por trás desse ato terrorista foi de matar americanos”, disse o procurador-geral dos EUA, Eric Holder, em uma entrevista coletiva no início da manhã.

Segundo uma autoridade ligada à investigação, o suspeito teria confessado aos investigadores que agiu sozinho e que não mantém relações com grupos radicais no Paquistão.

Faisal comparecerá perante um tribunal federal em Manhattan ainda nesta terça-feira para enfrentar acusações de “supostamente dirigir um carro-bomba para a Times Square na noite de 1º de maio”, segundo comunicado assinado pelo procurador Preet Bharara, pelo agente do FBI George Venizelos e pelo comissário de polícia de Nova York, Raymond Kelly.

O suspeito teria retornado de uma viagem ao Paquistão recentemente e comprado, em dinheiro vivo, a caminhonete Nissan Pathfinder usada na tentativa de ataque. Segundo a polícia, o carro foi adquirido há cerca de três semanas de um dono em Connecticut sem que fosse feita a atualização do nome do proprietário.

Acredita-se que Shahzad, de 30 anos, levou o utilitário esportivo da Nissan usado para carregar a bomba feita de combustível e fogos de artifício para a Times Square num momento em que a região, conhecida por suas lojas e teatros, estava lotada de pessoas numa noite quente de sábado. Se a bomba tivesse sido detonada, muitas pessoas poderiam ter morrido, disseram autoridades.

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos