mar
10
Postado em 10-03-2010
Arquivado em (Newsletter) por vitor em 10-03-2010 18:11

Bob Geldof: “BBC mente”

===================================================
Escândalo chega aos umbrais do Big Bem e envolve uma das instituições de maior credibilidade no Reino Unido no campo da jornalismo e da comunicação:

O portal potuguês TMS informa que o músico Bob Geldof, que liderou a campanha “Band Aid” nos anos 80, destinada a angariar fundos para combater a fome na Etiópia, pediu demissão do cargo de diretor do Serviço Mundial da BBC devido a uma reportagem da rádio que afirmou que os fundos obtidos teriam sido usados na compra de armas por grupos rebeldes.

Segundo a BBC Brasil, em artigo publicado nesta quarta-feira no “The Guardian”, Bob Geldof afirmou que a reportagem da BBC não tem credibilidade e pede uma investigação aos factos relatados pela emissora. Nesse artigo, Geldof pede ainda a demissão do director do Serviço Mundial da BBC, Peter Horrocks, do produtor da reportagem, Martin Plaut e do seu chefe, Andrew Whitehead.

Na peça, emitida a semana passada no programa “Assignment”, o editor Martin Plaut afirmara que boa parte dos mais de 100 milhões de dólares, angariados pelo “Band Aid” para ajudar as vítimas da fome na Etiópia, teriam sido desviados para a compra de armas por grupos rebeldes da província do Tigré.

Bob Geldof acusa a reportagem de ter caluniado o “Band Aid” e diz que vai denunciar o Serviço Mundial da BBC ao orgão regulador da imprensa no Reino Unido, Ofcom, e aos directores da BBC, exigindo a transcrição de todas as entrevistas do programa em questão, adianta a BBC Brasil.

O músico argumenta que se não tivesse chegado ajuda à Etiópia teriam morrido milhares de pessoas de fome, o que não se verificou porque, segundo Geldof, a ajuda tem chegado ao seu destino.

“É difícil acreditar que alguém tenha levado a reportagem a sério. Então onde estão os mortos? Se não receberam alimentos, porque não morreu ninguém de fome? Essa seria uma das primeiras coisas que eu teria perguntado, mas eles não morreram porque estiveram a receber ajuda”, disse.

Bob Geldof estuda agora a hipótese de a Fundação Ban Aid poder vir a mover um processo judicial contra Martin Plaut e o Serviço Mundial da BBC, informa ainda o mesmo site.

A BBC, segundo TSF, mantém as afirmações feitas pelos seus jornalistas.

(Com informações da TSF, de Portugal e BBC Brasil)

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos