mar
07
Postado em 07-03-2010
Arquivado em (Multimídia) por vitor em 07-03-2010 23:09


======================================================
O jornalista Gilson Nogueira garimpou um vídeo com sensacional interpretração da clássica canção francesa “Qui rest-é-til de nous amour” em ritmo de bossa nova por João Gilberto.Mandou como sugestão de música para terminar o domingo e um bilhete: “Presente BP, ou seja, Bossa Pura. Um abraço, amigos!”.

Gilson, certamente embriagado pela canção, esqueceu de verificar o aviso no link:”A incorporação foi desativada mediante solicitação”. Uma pena!

Para não frustrar de vez o programador e os ouvintes da Radio BB, o editor deste site blog foi buscar a bela canção na voz e interpretação (também ínimitáveis) de seu autor: o imortal chansonier Charles Trenet. O fim do dia está salvo!

BOA NOITE PARA TODOS E VAMOS AO OSCAR!!!

(Vitor Hugo Soares)

Be Sociable, Share!

Comentários

Cida Torneros on 8 Março, 2010 at 0:28 #

Esta música é maravilhosa, universal, resume a vida dos amores que ficam, pra sempre, dentro da gente. Gosto muito da interpretação, em dueto, da saudosa Dalida com o Jonhy Mathys. Confiram : http://www.youtube.com/watch?v=iwy0YsUFN9Q
um beijo amigo,
Cida Torneros


claudio on 8 Março, 2010 at 1:15 #

Bom lembrar que ela é a trilha musical do inesquecível “Beijos proibidos”, de Truffaut. Está na abertura do filme, enquanto a câmera vai até a entrada da Cinemateca, numa homenagem a Henri Langlois, o herói do cinema francês. Era 1968. O título foi retirado de um dos versos de Trenet: “Baisers volés, rêves mouvants”. Relembrar Trenet e Truffaut, juntos, vale esta noite.


Gilson Nogueira on 8 Março, 2010 at 9:56 #

Caro Vítor, realmente, o amor embriaga, seja por uma canção, um poema, uma caixinha de fósforos que ela deixou de lembrança, um pedaço qualquer de qualquer coisa que, por conta dele, tem a dimensão da Eternidade…
No interesse de fechar o dia de domingo, com o criador da batida da Bossa Nova, interpretando essa trilha de beijos proibidos e de beijos livres, esqueci, realmente, de conferir o aviso, no link, o que não resultou em perda alguma, considerando sua bela escolha. Por isso, companheiro velho, muito obrigado. João Gilberto, na suavidade de seu brilho, cantando, em francês, daria ao domingo o fechamento que a Bossa, diante da perda daquele que iluminou seus astros, entre eles o maestro soberano, merecia. Ficaria no ar, imagino, na voz dele, no toque magistral dele, nos silêncios intercalados de doce mistério dele, um hino ao amor, aos que partiram e aos que ficam. ” Seja como for, há de vencer o grande amor, que há de ser no coração como um perdão pra quem chorou”, como escreveu Vinícius.
E vamos em frente! O silêncio que encanta faz a vida melhor. Em qualquer idioma. Mil abraços, amigos!


luiz alfredo motta fontana on 9 Março, 2010 at 8:28 #

Caro vitor

Uma dica

Cadastre uma conta do Bahia em Pauta no site do Youtube, assim poderá postar diretamente dele no blog, inclusive as músicas de estiverem sob a restrição ”A incorporação foi desativada mediante solicitação”

Abraços!


luiz alfredo motta fontana on 9 Março, 2010 at 8:32 #

Para demonstrar essa particuliaridade do Youtube, postei a música no blogbar:

http://fontanablog.blogspot.com/2010/03/joao-gilberto-wish-you-love-que-reste-t.html


Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos