jan
28
Postado em 28-01-2010
Arquivado em (Newsletter) por vitor em 28-01-2010 18:59

Salinger: um marco

==================================================

O escritor norte-americano J.D. Salinger, autor do clássico “O Apanhador no Campo de Centeio” (“Catcher in the Rye” no título original), morreu hoje, no estado do New Hampshire, aos 91 anos, aparentemente de causas naturais.Jerome David Salinger tinha celebrado os 91 anos de idade a 1 de Janeiro, em Manhattan, Nova Iorque.

Filho de pai judeu de origem polaca e de mãe com ascendência escocesa e irlandesa, escreveu os primeiros contos na década de 1940, publicados em revistas como a “Esquire” ou a “New Yorker”.

“O Apanhador no Campo de Centeio” foi publicado originalmente em 1951 e conta um fim-de-semana na vida do anti-heroi Holden Caulfield, jovem de 16 anos vindo de uma família abastada de Nova York. Mau aluno e expulso do colégio interno onde estudava, Holden decide aventurar-se na cidade antes de voltar para casa e contar aos pais a novidade.

O livro é tido como o marco principal da criação da literatura juvenil. Até o momento, a sociedade tratava a adolescência como algo relativamente sem importância, tida apenas como uma passagem entre a juventude e a vida adulta.

O culto ao livro sofreu fortes abalos quando Mark David Chapman acertou um tiro na cabeça do ex-Beatle John Lennon dizendo-se inspirado por “O Apanhador no Campo de Centeio”, afirmando ainda que “esse extraordinário livro tem muitas respostas”.

Salinger sempre fugiu da fama. Atualmente, vivia isolado em sua casa na pequena cidade de Cornish, New Hampshire, EUA.

Jerome David Salinger tinha celebrado os 91 anos de idade a 1 de Janeiro, em Manhattan, Nova Iorque. Filho de pai judeu de origem polaca e de mãe com ascendência escocesa e irlandesa, escreveu os primeiros contos na década de 1940, publicados em revistas como a “Esquire” ou a “New Yorker”.

A relação entre o adolescente, com um esgotamento nervoso, e Chapman, foi abundantemente explorada, mas sem que uma relação de influência sobre a morte de Lennon tivesse sido comprovada.

( Com informações do jornal PÚBLICO (Portugal) e site da Abril)

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos

  • Janeiro 2010
    S T Q Q S S D
    « dez   fev »
     123
    45678910
    11121314151617
    18192021222324
    25262728293031