jan
26
Postado em 26-01-2010
Arquivado em (Newsletter) por vitor em 26-01-2010 10:11

Hugo Chavez: quem é ele?

===================================================

DEU NA COLUNA

Tudo que semeares, certamente colherás, dizem a Bíblia e muitas outras fontes, numa certeira constatação de lei universal.O ensinamento bíblico é citado pelo jornalista Ivan de Carvalho em sua coluna política na Tribuna da Bahia desta terça-feira e tem como referência a situção na Venezuela, onde Hugo Chavez, que hoje desembarca no Rio Grande do Sul, vai fundando (ou afundando?) sua revolução bolivariana.Bahia em Pauta reproduz o texto de Ivan.

(VHS)

=======================================================

A segunda opção

Ivan de Carvalho
.

Presidente ou ditador? Revolucionário bolivariano ou caudilho? Democrata criativo ou militar golpista, daquela estirpe dos “gorilas” de antigamente? Essas três questões seguramente estão no passado. E nos três casos, que dizem respeito à mesma pessoa, marque a segunda opção como a correta.

Todo mundo que estiver lendo estas linhas sabe muito bem que estou me referindo ao coronel Hugo Chávez, o manda-chuva da Venezuela, que apareceu espetacularmente na política de seu país no comando de um grupo de militares, tentando derrubar um governo democraticamente eleito.

Tudo que semeares, certamente colherás, dizem a Bíblia e muitas outras fontes, numa certeira constatação de lei universal. É a lei e dela ninguém pode fugir. As únicas coisas incertas aí são quando e sob que forma virá a colheita. Bem, anos depois da sua frustrada tentativa de golpe estava o coronel Chávez na presidência da República da Venezuela, regularmente eleito, quando uma coalizão de forças militares e civis – estas, políticas, empresariais e das classes médias – o retirou do cargo.

Talvez porque sua ação, anos atrás, haja sido apenas uma tentativa frustrada, sua deposição haja durado apenas cerca de 48 horas, durante as quais esteve preso, sendo-lhe em seguida devolvida a presidência, sob pressão das camadas pobres (e não por coincidência) e menos educadas da população.

Como os coronéis do Nordeste brasileiro tinham os fundamentos do seu poder na pobreza ignorante de grande parte da população da região e como hoje o presidente Lula tem, de longe, sua maior popularidade exatamente nesse mesmo Nordeste de população majoritariamente pobre, que não teve a chance de acesso à educação, mas ganhou Bolsa Família, Luz para Todos, Projeto Minha Casa (ainda que esqueçam de fazer o esgotamento sanitário) e se encanta com o igual-herói cujo “único diploma é o de presidente da República”, Chávez encontrou nos pobres da Venezuela seu fã-clube. De Getúlio Vargas dizia-se que era o “pai dos pobres” e a mãe dos ricos. De Lula pode-se (quase) dizer a mesma coisa.

Mas de Chávez, por enquanto, pode-se dizer apenas que tem sido padrasto para os pobres e madrasta para os ricos, além de golpista, caudilho e ditador. Acaba de censurar (interromper as transmissões) de seis redes de televisão. Motivo: não respeitaram um decreto governamental que as declara emissoras “nacionais” e assim cria-lhes a obrigação (?!) de transmitir os discursos de… Chávez. E Chávez não se cala nunca, apesar da chapuletada do rei da Espanha.

O que não deu para entender foi a razão de haver sido atingida uma TV chilena, que também não transmitiu o discurso, mas não podia ser “nacional” na Venezuela. Os chilenos estão cobrando uma retaliação da presidente Michele Bachelet.

Be Sociable, Share!

Comentários

Gaça Azeedo on 26 Janeiro, 2010 at 18:42 #

Conheço e bem a Venezuela. Morei lá até 2002 e volto sempre, por ter aí laços afetivos. Por isso tenho toda a autoridade para concordar com Ivan.
Nunca vi sobrar tanta corrupção em contrapartida à falta de comida, luz, água e esperança.
Resta-nos, lembrando de nós mesmos quando estudantes nos anos negros da nossa ditadura, acreditar nos meninos venezuelanos que estão agora apanhando nas ruas, brigando por democracia.


Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos

  • Janeiro 2010
    S T Q Q S S D
    « dez   fev »
     123
    45678910
    11121314151617
    18192021222324
    25262728293031