jan
15
Postado em 15-01-2010
Arquivado em (Newsletter) por vitor em 15-01-2010 10:39

Menina haitiana em desespero/imgAFP

===================================================

O ministro da Defesa do Brasil, Nelson Jobim, disse em Porto Príncipe ao repórter Rodrigo Alvarez, da TV Globo, que o número de militares brasileiros mortos no Haiti subiu de 14 para 18. O corpo da médica Zilda Arns, morta no terremoto, já teve o corpo trasladado para o Pais, e o velorio começou às 11.20h desta sexta-feira em Curitiba, onde o presidente Lula está sendo esperado

O país mais pobre das Américas foi atingido na terça (12) por um terremoto de magnitude 7, que provocou devastação, deixou dezenas de milhares de mortos e devastou 10% dos imóveis da capital. “Essa devastação e os hatianos todos nas ruas é o que mais impressiona”, disse há pouco o ministro Jobim, ao desembarcar em brasília de volta de porto Principe.

As estimativas sobre mortes ainda são desencontradas, mas a Cruz Vermelha teme que pelo menos 45 mil pessoas tenham morrido. Na quinta-feira, o presidente René Préval disse que 7 mil pessoas já foram enterradas em uma vala comum.

O tremor destruiu também boa parte da infraestrutura do país .Porto Príncipe tem muita destruição e corpos empilhados no principal hospital. A ONU relatou pelo menos um saque a um armazém de alimentos. A comunidade internacional, inclusive o Brasil, já se mobilizou para mandar ajuda, mas a situação ainda é precária.

Oficialmente, o Exército brasileiro diz que 14 militares morreram no Haiti. Jobim disse que é um eufemismo (uma maneira de suavizar a expressão) falar em sobreviventes neste momento. Portanto, o número de mortos chegaria a 18.

O corpo da fundadora da pastoral da Criança, Zilda Arns desembarcou hoje cedo em Curitiba onde será velado até amanhã, sábado.

(Postado por Vitor Hugo Soares, com informações do Correio da Bahia e portal G!)

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos

  • Janeiro 2010
    S T Q Q S S D
    « dez   fev »
     123
    45678910
    11121314151617
    18192021222324
    25262728293031