dez
29

DN: um jornal com história

======================================================
Uma das fontes informativas européias mais confiáveis e referênciais, ao lado de PÚBLICO, para o site blog Bahia em Pauta em seu noticiário gerral desde o início, o jornal lisboeta Diário de Notícias completa 145 anos de existência, nesta terça-feira, 29.Isso o torna um dos jornais mais antigos de Portugal.

Fundado no dia 29 de Dezembro de 1864 por Eduardo Coelho e Tomás Quintino Antunes, o Diário de Notícias nasceu na Rua dos Calafates (que hoje se chama Rua do Diário de Notícias), no Bairro Alto, e já teve ao longo da sua história vários colaboradores que marcaram diferença na escrita, entre os quais Eça de Queirós e José Saramago. Este último foi diretor-adjunto do jornal em 1975.

Quando começou a circula e DN custava dez réis (um preço baixo para a época, em que os jornais custavam 30/60 réis), e propunha-se publicar notícias diárias, de todos os países e de todas as especialidades.

Foi o primeiro jornal de venda ambulante nas ruas e ao fim de seis meses de publicação tinha um volume de receitas em publicidade considerável, já que oferecia espaço para os anunciantes a um valor muito abaixo da média cobrada pelas publicações da época.

Situado no n.º 266 da Avenida da Liberdade, em Lisboa, o edifício do Diário de Notícias, projectado por Pardal Monteiro e com a colaboração famosa de Almada Negreiros, autor dos afrescos do espaço que hoje abriga a galeria do Diário de Notícias, foi considerado “imóvel de interesse público” e distinguido com o prémio Valmor em 1940.

Na primeira página do DN do dia da inauguração do edifício, 25 de Abril de 1940, diz-se que este foi “um acontecimento marcante na vida nacional”, onde estiveram presentes o Chefe de Estado, General Óscar Carmona, “cinco membros do Governo” e “muitas das individualidades mais representativas do nosso meio”. Até Amália Rodrigues cantou na galeria do Diário de Notícias.

A sede histórica do Diário de Notícias (na foto, actual) foi o primeiro edifício construído em Portugal de propósito para albergar um jornal, com espaços pensados para a redacção e para o sistema de impressão do jornal. Duas rotativas, uma Hoe & Cabtree (1940-1981) e uma Koenig (1957-1990) imprimiram o Diário de Notícias até a tecnologia ditar novos rumos.

No dia do seu 131.º aniversário, em 1995, e sob alçada de Mário Bettencourt Resendes, antigo director do jornal e atual provedor dos leitores, o DN lançou a sua primeira página na Internet, que funcionava na morada http://www.dn.pt:8080.

Com uma tiragem média de mais de 43 mil exemplares, números referentes a Novembro, o Diário de Notícias teve também vários proprietários. Atualmente pertence à Global Notícias,

Parabens DN e muitos anos mais de vida e de notícias!

(Postado por Vitor Hugo Soares, com informações do DN)

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos

  • dezembro 2009
    S T Q Q S S D
    « nov   jan »
     123456
    78910111213
    14151617181920
    21222324252627
    28293031