dez
23
Postado em 23-12-2009
Arquivado em (Newsletter) por vitor em 23-12-2009 13:32

malhfinaa
=======================================================
Uma má nótícia para muita gente nas vésperas do Natal, festa que pede peru, queijo do reino e presentes. Cerca de 1 milhão de contribuintes caíram na malha fina do Imposto de Renda Pessoa Física 2009 (ano-base 2008), conforme informou a Receita Federal nesta quarta-feira (23). A notícia acaba de ser postada no portal web MSN.

Em síntese o Leão quer dizer que a declaração será revisada para a apuração de inconsistências e, por isso, não estava em nenhum dos sete lotes de restituição que foram liberados no decorrer deste ano.

MSN assinala em sua notícia, que de acordo com os dados da Receita Federal , do total de contribuintes que caíram em malha fina neste ano, 12% tiveram irregularidades nas informações sobre despesas com serviços de saúde, que são integralmente dedutíveis do Imposto de Renda.

PASSO A PASSO

O passo inicial, ao perceber que caiu na malha fina, é saber o motivo. Para isso, recomenda MSN, acesse o site da Receita Federal (www.receita.fazenda.gov.br) e consulte o Extrato Simplificado de Processamento.

A consulta ao extrato, por sua vez, deve ser feita com a utilização do código de acesso. Para gerá-lo, é preciso informar número de CPF, data de nascimento e os números dos recibos das declarações do IR 2008 e IR 2009 (apenas os dez dígitos iniciais).

Se isso fore feito com sucesso, será possível acessar a página do e-CAC, na opção Declaração IRPF, e escolher o período para verificar possíveis pendências. Motivos mais comuns:Qualquer inconsistência de dados é suficiente para chamar a atenção do Fisco, como por exemplo o fato da renda de um aluguel ter sido declarada pela imobiliária e não ter sido citada na declaração do proprietário.

Diante de toda a circunstância, a principal dúvida é: quanto tempo tudo isto leva para ser analisado pela Receita Federal? A resposta: até cinco anos, que é o prazo limite para a liberação das restituições presas em malha fina.
LOTES RESIDUAIS

A boa notícia é que a Receita Federal libera os lotes residuais (que se referem às declarações analisadas e liberadas) com uma frequência praticamente mensal. O primeiro, normalmente, sai logo em janeiro.

(Postado por Vitor Hugo Soares, com informações do portal MSN e site da Receita Federal )

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos

  • dezembro 2009
    S T Q Q S S D
    « nov   jan »
     123456
    78910111213
    14151617181920
    21222324252627
    28293031