dez
23
Postado em 23-12-2009
Arquivado em (Newsletter) por vitor em 23-12-2009 20:06

Delegado Protógenes: cerco
deprotogenes
==================================================
Além de ter sido afastado de suas funções na Polícia Federal por decisão do alto comando da PF, com aprovação tácita do ministro da Justiça, Tarso Genro, o terreno de atuação no âmbito administrativo parece fechar-se cada vez mais para o delegado Protógenes Queiroz. O ministro do Esporte, o baiano Orlando Silva, preticamente retirou ontem o convite feito recentemente a Prtotógenes para ocupar um cargo no ME.

Resta aberto apenas o caminho político para o condutor da emblemática Operação Satiagraha, de combate a desvios financeiros e ataque à corrupção no País.

O novo golpe contra o delegado, com toques evidentes de traição, partiu na quarta-feira do ministro do Esporte, Orlando Silva, do PC do B, partido a que também se filiou recentemente seu conterrâneo Protógenes para concorrer a um mandato por São Paulo na Câmara dos Deputados ou ao Senado.

O ministro do Esporte, Orlando Silva, como remendo de explicação, disse nesta quarta-feira (23) , segundo noticia o portal G1, que o delegado da Polícia Federal, Protógenes Queiroz, não deve mais fazer parte dos quadros do ministério, apesar da confirmação do convite feita há poucos dias pelo próprio ministro.

O ministro Silva explicou que fez o pedido de cessão do policial ao Ministério da Justiça no dia 1º de setembro do ano passado e que depois Protógenes se filiou a um partido político (o PC do B do próprio ministro) e anunciou a decisão de concorrer às eleições em 2010.

“Solicitei em 1º de setembro a cessão do delegado ao Ministério da Justiça. De lá pra cá ele se filiou a um partido político e talvez tenha ficado velho o pedido de cessão. Quem for candidato tem que se desencompatibilizar em abril. Imagino que talvez ele não faça mais parte do ministério por falta de tempo de fazer o trabalho que ele iria fazer aqui”, disse como explicação para o descarte o ministro do Esporte, que convidou Protógenes para o cargo relacionado com a segurança da Copa do Mundo de 2014 no Brasil.

O delegado Protógenes havia sido convidado para integrar a futura Secretaria do Futebol, que aguarda aprovação no Congresso Nacional para ser criada. O delegado se filiou recentemente ao PCdoB, mesmo partido do ministro do Esporte, Orlando Silva.
CONHECIMENTO
Segundo G1, o ministro salientou que conhece o delegado “há muitos anos” e que ele tem “muita capacidade de planejamento”. Segundo ele, não estava nem definida a área que Protógenes atuaria no ministério. “O prazo [considerando o prazo de desincompatibilização, em 3 de abril] está muito curto para cumprir a missão que pretendíamos”, disse Silva.

Mas em entrevista ao G1 na semana em que o convite foi divulgado, Protógenes disse que o cargo não atrapalharia a sua candidatura. “O cargo na secretaria não atrapalha a candidatura. Quando chegar a época das eleições pedirei afastamento temporário. Ainda não sou candidato, sou filiado ao PCdoB e o cargo será determinado por pesquisas. Algumas pesquisas me dão como favorito para o Senado. Uma bem recente, encomendada pelo PSB, me mostra como favorito”, disse Protógenes.

(Postado por Vitor Hugo Soares, com informações do portal G1)

Be Sociable, Share!

Comentários

Olivia on 24 dezembro, 2009 at 8:34 #

Para quem ainda acredita em Papai Noel, boa desculpa esta do ministro. Vero é que o partido (SIC) não quer comprar briga com a PF, muito menos com o governo. PQ é que se “danou” nesta. Mas, como ele é um homem de muita fé e de um coração imenso, vai continuar lutando e resistindo, acho eu.


Luciano on 24 dezembro, 2009 at 19:02 #

Eu quero é novidade. Será que o caro internauta acreditou que a PF ia liberar o ínclito delegado? Ela está tentando ferrar o Protógenes. Boa sorte delegado.


Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos

  • dezembro 2009
    S T Q Q S S D
    « nov   jan »
     123456
    78910111213
    14151617181920
    21222324252627
    28293031