nov
22
Postado em 22-11-2009
Arquivado em (Newsletter) por vitor em 22-11-2009 08:56

Ahrmadinejad: política e negócios em Brasilia
SYRIA-IRAN-AHMADINEJAD
======================================================

A imprensa mundial, em especial a européia, começa a voltar as atenções e a dedicar amplos espaços à rápida visita que o presidente do Irã, Mahmud Ahmadinejad fará ao Brasil nesta segunda-feira, 23. O portal português TSE Rádio Notícias destaca o fato em sua principal manchete internacional deste domingo, 22,assinalando que “Lula da Silva, recebe o polêmico presidente iraniano após as recentes visitas do presidente da Autoridade Palestina, Mahmoud Abbas, e do Presidente israelita, Shimon Peres.

Segundo TSE, Lula da Silva tenta, assim, consolidar o papel do Brasil, que aspira a um lugar permanente no Conselho de Segurança das Nações Unidas, como um facilitador no intricado conflito do Médio Oriente.

O destacado portal europeu da web destaca ainda que o governo brasileiro diz não existirem «soluções mágicas» para a paz e defende o diálogo com todas as partes, inclusive com Ahmadinejad, que nega o Holocausto, quer «apagar Israel do mapa» e desenvolve um programa nuclear que o Ocidente suspeita ter por objctivo o desenvolvimento de armas atómicas.

POLÍTICA E NEGÓCIOS

Questionado por jornalistas sobre um alegado pedido de Abbas ao Presidente Lula para que o Governo iraniano pare de financiar os radicais do Hamas, o embaixador do Irã em Brasília, Mohsen Shaterzadeh, limitou-se a dizer que o grupo palestino «pode receber recursos de quem quer que seja». O diplomata informou ainda que o Presidente Ahmadinejad chegará ao Brasil acompanhado por 280 pessoas, sendo 150 empresários de diversos sectores.

Segundo o embaixador iraniano, os empresários de seu país estão interessados em comprar terras no Brasil para cultivar milho e soja para a produção de etanol. Os iranianos consideram também a possibilidade de construir siderúrgicas em território brasileiro e procuram oportunidades que vão desde o campo do petróleo a investimentos financeiros.

TSE revela que o Brasil, por sua vez, tem interesse em aumentar suas exportações para o Irã, que já duplicaram durante os dois Governos de Lula da Silva para 1,148 mil milhões de dólares (770 milhões de euros) em 2008, segundo dados do ministério brasileiro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior.

Na quinta-feira, no Rio de Janeiro, a Comissão de Valores Mobiliários fechou um acordo com a Bolsa de Valores do Irã.Outros 23 acordos em diversas áreas comerciais serão assinados durante a visita de apenas um dia de Ahrmadinejad a Brasília.

Além do encontro com Lula , o Presidente iraniano será recebido pelos presidentes do Senado, José Sarney, e da Câmara dos Deputados, Michel Temer, ambos do Partido do Movimento Democrático Brasileiro(PMDB). À noite, Ahmadinejad faz uma palestra no Instituto de Educação Superior de Brasília (IESB), aberta a perguntas do público.

Esta será a primeira missão oficial de um chefe de Estado iraniano ao Brasil em 50 anos e o terceiro encontro entre Lula da Silva e Ahmadinejad.
Desde 2008, os dois líderes já tiveram oportunidade de se reunir no Equador e nos Estados Unidos, informa TSE.

(Postado por Vitor Hugo Soares, com informações de TSE e agências europeias de notícias )

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos

  • novembro 2009
    S T Q Q S S D
    « out   dez »
     1
    2345678
    9101112131415
    16171819202122
    23242526272829
    30