A sugestão e a garimpagem no You Tube é do jornalista Gilson Nogueira.
(VHS)

set
27

Glaucio fecha caixão do Botafogo
glaucio
================================================
O apelo do técnico Estevam Soares para a torcida do Botafogo encher o estádio do Engenhão e começar contra o rubronegro baiano uma reação para sair das últimas colocações do campeonato brasileiro, não deu resultado. É verdade que mais de 12 mil torcedores foram ao estádio, mas o time carioca complicou-se ainda mais: foi goleado por 3 a 1 pelo Vitória e a torcida revoltada invadiu dependências do estádio e provocou quebra-quebra e distúrbios nas ruas próximas, ainda não inteiramente controlados pela polícia apesar das várias prisões já efetuadas.

Para o Vitória é só festa, iniciada com a goleada no Rio de Janeiro e agora espalhada também por bares e restaurantes de Salvador, aumentada ainda mais pela importância do resultado nos planos do time baiano de ficar entre os times que disputarão a Libertadores da América do ano que vem.

Já o Botafogo se complicou mais na Série A do Campeonato Brasileiro ao perder para o Vitória por 3 a 1, gol de Leandro e mais dois golaços de Leandro Domingues e Gláucio. Laio descontou no final. O Vitoria subiu para o 7º lugar. O Botafogo se afoga mais na zona do rebaixamento, em 18º.
Vídeo: confira os gols de Botafogo 1 x 3 Vitória

Mas no começo do jogo , empurrado pela torcida, o Botafogo tomou a iniciativa do jogo no primeiro tempo. Em alguns momento chegou deu a impressão de que iria encurralar o adversário baiano. O Bota perdeu pelo menos três boas oportunidades, mesmo com o time de Estevam Soares jogando com apenas um atacante de ofício. Para complicar mais as coisas para o Vitoria , Viáfora, goleiro e líder em campo, sentiu lesão na coxa e precisou ser substituido por Gléguer.

O primeiro golpe rubronegro veio em um contra-ataque rápido do Vitória, aos 29 minutos, quando saiu o gol que silenciaria a torcida do time carioca. O lateral Leandro cruzou da esquerda e a bola desviou no zagueiro Juninho, enganando o goleiro Jefferson: 1 a 0.

O Bota sentiu o golpe e perdeu ritmo. Para complicar ainda mais, os torcedores começaram a protestar. Na saída para o intervalo, os jogadores do Botafogo foram vaiados pela torcida.
No segundo tempo o Vitoria melhorou muito sua atuação enquanto o Botafogo se desarticulou de vez aos 27 minutos, com a expulsão do zagueiro Emerson, depois de falta feia em Vanderson no meio de campo. O Vitória então passou a ter espaço para organizar os contra-ataques.

Num deles, aos 41, Leandro Domingues arrancou do meio de campo, driblou dois e tocou na saída de Jefferson, um golaço: 2 a 0. Atônito, o Botafogo nem tinha assimilado o golpe e levou outro: aos 43, Gláucio matou no peito, driblou dois e bateu por cobertura, no ângulo esquerdo de Jefferson, em mais um belo gol: 3 a 0.Quando a torcida vaiava, cantava “time sem vergonha” e gritava “olé” no toque de bola refinado do Vitória, Laio subiu na área e, de cabeça, diminuiu o prejuízo para o Botafogo: 3 a 1.

Mas aí era tarde demais e o rupronegro baiano só precisou esperar o apito final do juizpara comemorar. E o Botafogo para começar mais uma noite infernal em sua descida que parece não ter fim.

(Postado por Vitor Hugo Soares)

set
27
Posted on 27-09-2009
Filed Under (Newsletter) by vitor on 27-09-2009

Merkel festeja vitória
ng1197046
===============================================
Deu no Diário de Notícias (de Lisboa)

Os eleitores alemães deram a vitória à conservadora Ângela Mergel nas eleições legislativas de hoje, mas a atual chanceler da Alemanha precisará fazer uma coligação de centro-direita com os liberais para formar Governo, segundo sondagens feitas à boca das urnas.

As estações de televisão ARD e ZDF avançaram que os conservadores de Merkel (CDU/CSU) e os seus aliados liberais do FDP conseguiram uma maioria confortável de mandatos parlamentares: entre 320 e 324 num total de 598.

set
27

Polanski: preso em Zurique
Polanski

O cineasta franco-polaco Roman Polanski, de 76 anos, foi detido no sábado, 26, na Suiça e está á ” espera da extradição” para os Estados Unidos, segundo confirmou ao jornal espanhol El Mundo um portavoz do Ministério de Justiça suiço. O cineasta, fugitivo desde 1977, foi preso no aeroporto de Zurique, onde chegou para receber o Prêmio de Honra pelo conjunto de sua obra no festival de filmes da cidade.

Polanski, que pode apelar da extradição, é um dos diretores mais respeitados mas também o fugitivo mais midiático da justiça estadounidense. Em 1977 so acusaram de drogar e violar uma menor, Samantha Gaimer, de 13 anos, na casa do ator Jack Nicholson enquanto este estava ausente e no ano seguinte, antes de ser julgado, fugiu do país.

A Associação Suiça de Diretores e Realizadores protestou contra a detenção: “É um escândalo jurídico que prejuducará a reputação da Suiça”, assegurou a entidade que considera o fato “uma bofetada na cara de todos os produtores de cultura da Suiça”. Além disso, segundo El Mundo, a entidade pediu ao Escritório Federal de Justiça, “que não se aproveite de de uma homenagem cultural a um cineasta reconhecido mundialmente para uma farsa judicial”.

O cineasta foi preso em Los Angeles (EEUU) em 1977 e se declarou culpado de ter mantido relações sexuais ilegais com a menor. Passou 42 días na prisão estatal de Chino (California) sob avaliação psiquiátrica e foi posto em liberdade sob fiança no fim de 1978. No dia seguinte a uma reuniâo entre seus advogados e um juiz que deixara entender que o enviaria ao cárcere, Polanski foi para a França. Nunca voltou aos EEUU, nem mesmo para receber o Oscar que lhe concederam em 2003 pelo filme “O Pianista”.

El Tribunal Superior de Los Ángeles desestimó el pasado mayo, de manera definitiva, la petición de los abogados de

A vítima, Samantha Geimer, que agora tem três filhos e mais de 40 anos, explicou em uma entrevista em 2008 que seu suposto agressor não é um perigo para a sociedade e “não necessita ser aprisionado para sempre”.

Desde 1989, Polanski vive com a atriz frances Emmanuelle Seigner, junto a seus dois filhos. Em 1969, sua segunda esposa, Sharon Tate, fue assassinada mor membros da seita de Charles Manson quando estava grávida de oito meses. Susan Atkins, condenada pelo assassinato, morreu no cárcere esta semana.

(O texto da reportagem de La Nacion foi traduzido por Vitor Hugo Soares).

set
27
Posted on 27-09-2009
Filed Under (Multimídia) by vitor on 27-09-2009


A música para começar o dia no Bahia em Pauta é “Tocando em Frente”, neste domingo de setembro. O primeiro sem Mayra Landim, a servidora competente, a mãe e esposa presente e a mulher combatente que se foi esta semana, deixando a família inconsolável, os amigos tristes, e a Bahia mais pobre A canção de Almir Satter, que a baiana Maria Bethania interpreta como ninguém, foi entoada baixinho durante o enterro no Jardim da Saudade, em Salvador. Aqui vamos ouvi-la mais alto e prestar atenção na letra, como mais um tributo merecido á memória de Mayra.

(Vitor Hugo Soares)

set
27

Deu na Folha de S. Paulo

Assinada pelo repórter Mateus Magenta , da Agência Folha em Salvador , o jornal Folha de S. Paulo publica em sua edição deste domingo, 27, o seguinte texto de informação e análise sobre a política baiana e seus principais personagens atuais, nos primeiros ensaios para 2010. Confira.
(VHS)

===================================================
Atentados como combustível político
Folha

====================================================
A um ano da disputa pelo governo da Bahia, a oposição aproveita a onda de atentados criminosos em Salvador para tentar desestabilizar a pré-candidatura à reeleição do governador Jaques Wagner (PT), fragilizado politicamente pela recente saída do PMDB da base aliada e pela dificuldade em reduzir os índices de desemprego e de infectados pela dengue.

Quarto colégio eleitoral do país (com 9,2 milhões de eleitores, ou 7% do total), a Bahia é considerada pelo presidente Lula peça-chave na costura da aliança nacional entre o PT e PMDB. É o Estado mais populoso governado por petistas.
Criticada em propagandas políticas e discursos da oposição, a gestão da segurança pública será o alvo prioritário dos principais pré-candidatos de oposição a Jaques Wagner: o ex-governador Paulo Souto (DEM) e o antigo aliado Geddel Vieira Lima (PMDB), ministro da Integração Nacional.

“Esse nível de violência, nunca antes visto na história da Bahia, com certeza será tema central nos debates do ano que vem”, afirma Leur Lomanto Júnior, líder do PMDB na Assembleia Legislativa baiana.

O deputado Paulo Rangel, líder do PT na Assembleia, rebate as críticas da oposição e afirma que o problema da violência não atinge apenas a Bahia.

“O governo Wagner aumentou o orçamento da área, nomeou 40 delegados que tinham sido aprovados em 2000 e comprou 3.600 coletes à prova de bala”, disse, citando também o índice de homicídios do primeiro semestre deste ano no Estado, menor que o registrado no mesmo período de 2008.

Nos últimos três anos, Wagner aumentou o orçamento de diversas pastas, mas isso não impediu dificuldades em áreas duramente criticadas pelo PT na campanha de 2006 – quando derrotou o grupo político que governou o Estado por 16 anos, que era liderado pelo senador Antonio Carlos Magalhães (DEM), morto em 2007.

Na região metropolitana de Salvador, o número de assassinatos cresceu 31% (de 759 no primeiro semestre de 2007 para 997 no mesmo período deste ano), a dengue bateu recorde (matou 62 pessoas em 2009) e o desemprego atingiu 11,4% da população neste mês.

Como forma de reduzir esses números, o governo contratou 3.200 policiais militares e inaugurou mais de 250 postos de saúde e 1.100 leitos em hospitais estaduais. Foi registrado também neste ano um aumento de 88%, em relação a 2008, no número de indústrias que serão instaladas na Bahia, com investimentos de R$ 1,6 bilhão.

A disputa entre o ministro e Wagner preocupa o presidente Lula, que quer garantir um vice do PMDB na pré-candidatura da ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff, à Presidência. Ele quer também evitar a criação no Estado de um palanque alternativo para o governador de São Paulo, José Serra (PSDB).

Com 115 das 417 prefeituras da Bahia (Salvador inclusive) e oito deputados (de um total de 63), o PMDB investe pesado para consolidar Geddel como segundo palanque para Dilma no Estado e conquistar partidos indecisos para 2010.

O PT tem 68 prefeituras no Estado e dez deputados estaduais. Apesar da saída do PMDB, Wagner conseguiu manter a maioria na Assembleia, mas precisou criar duas pastas e ceder outras duas a novos aliados (PDT e PP). Também precisou se aproximar de antigos aliados de ACM, como o ex-vice-governador Otto Alencar, conselheiro do Tribunal de Contas dos Municípios.

Principal adversário do PT, Paulo Souto (DEM) fechou aliança com o PSDB e tenta se aproximar do senador César Borges (PR), ex-aliado de ACM que faz parte da base de Lula e também negocia com Geddel.

set
27
Posted on 27-09-2009
Filed Under (Newsletter) by vitor on 27-09-2009

Longa espera por Micharl/ Img. Danny Moloshok/Reuters
fila
Na cidade de Los Angeles, nos EUA, há desde sexta-feira,25, pessoas acampadas na porta da bilheteira que vende as entradas para o documentário “Michael Jackson´s This is it”. Os bilhetes só começam a ser vendidos neste domingo, 27.

  • Arquivos

  • setembro 2009
    S T Q Q S S D
    « ago   out »
     123456
    78910111213
    14151617181920
    21222324252627
    282930