ago
27
Postado em 27-08-2009
Arquivado em (Newsletter) por vitor em 27-08-2009 23:01

Saramago e Pilar
pilar
============================================
O novo romance de José Saramago chama-se “Caim” e tem como personagens principais aquela figura bíblica, Deus e a Humanidade “nas suas diferentes expressões”, segundo a descrição revelador de Pilar del Río, mulher do escritor português, no blogue do Nobel da Literatura. A notícia foi publicada também no Jornal de Notícias, de Lisboa.

“Saramago escreveu outro livro”, anuncia Pilar, também presidente da Fundação José Saramago num texto colocado no blogue “O Caderno de Saramago”. Ela recorda que o livro surge um ano depois do lançamento do anterior, “A Viagem do Elefante”.

Segundo Pilar del Rio, a nova obra literária “não é um tratado de teologia, nem um ensaio, nem um ajuste de contas: é uma ficção em que Saramago põe à prova a sua capacidade narrativa ao contar, no seu peculiar estilo, uma história de que todos conhecemos a música e alguns fragmentos da letra”, descreve Pilar del Río.

Adianta ainda que em “Caim”, tal como nos anteriores livros – e dá o exemplo de “O Evangelho segundo Jesus Cristo” – “o autor não recua diante de nada nem procura subterfúgios no momento de abordar o que, durante milénios, em todas as culturas e civilizações foi considerado intocável e não nomeável”.

Esse objecto de análise no romance é “a divindade e o conjunto de normas e preceitos que os homens estabelecem em torno a essa figura para exigir a si mesmos – ou talvez seria melhor dizer para exigir a outros – uma fé inquebrantável e absoluta, em que tudo se justifica, desde negar-se a si mesmo até à extenuação, ou morrer oferecido em sacrifício, ou matar em nome de Deus”, aponta.

O jornal Diário Notícia, em sua matéria, acrescenta que Em 1991, “O Evangelho Segundo Jesus Cristo” causou acesa polémica em Portugal, e viria a ser vetado pelo governo à época para concorrer ao Prémio Europeu de Literatura, iniciativa que pesou na decisão do escritor para abandonar o país e passar a residir em Lanzarote, Espanha.

Sobre “Caim”, o novo livro, Pilar del Río sublinha ainda no blogue: “com a cabeça alta, que é como há que enfrentar o poder, sem medos nem respeitos excessivos, José Saramago escreveu um livro que não nos vai deixar indiferentes, que provocará nos leitores desconcerto e talvez alguma angústia, porém, amigos, a grande literatura está aí para cravar-se em nós como um punhal na barriga, não para nos adormecer como se estivéssemos num opiário e o mundo fosse pura fantasia”.

Filho primogénito de Adão e Eva segundo o Antigo Testamento da Bíblia, Caim sentiu ciúmes por Deus ter preferido as ofertas feitas pelo irmão mais novo, Abel, e matou-o, cometendo o primeiro homicídio na história da Humanidade. “Caim” vai ser lançado em Outubro pela Editorial Caminho na Feira do Livro de Frankfurt e no final do mês estará à venda nas livrarias em Portugal, Espanha e América Latina, informa o DN de Portugal.

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos