jul
02
Postado em 02-07-2009
Arquivado em (Newsletter) por vitor em 02-07-2009 18:19

Protógenes no desfile/Xando Pereira Ag. A TARDE
DESFILE DO 2 DOIS DE JULHO 2009
=====================================================
Depois de participar pela primeira vez do desfile cívico do Dois de Julho em Salvador, a cidade onde nasceu, o delegado da Polícia Federal, Protógenes Queiroz, confessou ao site-blog Bahia em Pauta:”Até onde me recordo, este foi o dia mais feliz de minha vida”. O responsável pela emblemática Operação Satiagraha tem motivos de sobra para manifestar este sentimento pessoal. No balanço geral, foi ele, disparadamente, a maior atração e a figura pública mais celebrado de todos os participantes nos atos cívicos e políticos na data magna da Bahia.

Aclamado por todas as ruas por onde passou no defile, saudado do alto das sacadas dos casarões do Centro Histórico, abraçado efusivamente ao caminhar pela popular Baixa dos Sapateiros, recebido com gestos de afeto nos cafés e no restaurante do bairro da Saúde, onde almoçou, Protógenes foi um,a espécie de contraste ambulante com administradores públicos e políticos locais. Estes, recebidos com apupos, desconfianças e até hostilidade, como no caso do prefeito João Henrique.

“É um motivo especial de satisfação para mim, pelo simbolismo dessas manifestações todas de apoio e de acolhimento que recebi em minha terra.Tem significado singular neste momento em que a população parece não acreditar mais nos homens públicos. Época em que o Brasil virou um caso de Polícia” , assinalou o delegado da PF na rápida conversa com editor do Bahia em Pauta, ao falar sobre os atuais escândalos no Senado, envolvendo o presidente da Casa, José Sarney e outros envolvidos no caso.

Para Protógenes Queiroz, este é um caso sem jeito. “Se ficar o bicho pega e se correr o bicho come”, disse o homem que prendeu o banqueiro Daniel Dantas, ao destacar a inexistência de diferenças substanciais em termos éticos, entre José Sarney e praticamente todos os integrantes dos grupos que o apoiam, e aqueles que querem o afastamento ou renúncia do presidente do Senado, a começar pelos tucanos do PSDB.

No fundo, segundo o delegado Protógenes, o que está em jogo e o que esta briga de foice esconde, é o confronto entre os que defendem de verdade o País, e os que o querem entregar as suas riquezas. O conflito, segundo ele, ameaça desaguar e ter o seu ponto máximo de ebulição na chamada CPI da Petrobrás, ainda não instalada.

“Eu estou do lado lado dos que defendem a preservação da estatal brasileira, e acho que posso ajudar muito nessa luta agora, e no futuro”, concluiu o delegado Protógenes em sua conversa com o Bahia em Pauta.

(Postado por: Vitor Hugo Soares, editor)

Be Sociable, Share!

Comentários

Jose Flávio Coutinho on 2 julho, 2009 at 21:10 #

PROTÓGENES, VOCÊ É O CARA.


Matheus Youssef Chabchoul on 3 julho, 2009 at 0:27 #

Não sou baiano nem saberia de tal dia se não fosse por tais vinculos eficients de informação como os blogs,,,mais gostei muito de tal assunto ser tratado em um momento de descordias da opinião publica com relação aos homens do “poder” que nos representam. É resplanjedor tomar conhecimento da existencia de uma caminhada tão importante e saber que homens de conduta ainda nos respeitam como população-nação. Parabens ao blog e ao delegado Protógenes Queiroz.


Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos