jun
28
Posted on 28-06-2009
Filed Under (Municípios, Newsletter) by vitor on 28-06-2009

Grazzi Britto

JUAZEIRO (BA)- Na madrugada deste domingo (28), em Juazeiro, região do Vale do São Francisco, morreram quatro jovens que estavam em um Corsa Sedan preto que se chocou de frente com um ônibus que vinha em sentido contrário da pista.

No ônibus de turismo, que viajava de Campinas-SP para Juazeiro do norte-CE, não houve feridos, mas os quatro ocupantes do carro morreram na hora: Victor de Castro e Souza de 21 anos, Paulo Henrique Moreira Calvacante, de 20 anos, Lúcio Alexandre Ferreira de Dias, os três de Juazeiro, e Victor Reis Vilasboas, de 20 anos natural de Salvador. Este último estava de férias em Juazeiro, na casa de um colega,  também envolvido no acidente.

O carro praticamente entrou embaixo do ônibus e ficou totalmente destruído o que dificultou a retirada dos corpos. A Polícia Militar, Corpo de Bombeiros de Juazeiro e Petrolina trabalharam juntos, foi necessário utilizar alicates pneumáticos para facilitar cortes nas ferragens do veículo.

A causa do acidente ainda não foi divulgada. Segundo o motorista do ônibus, Gilson Martins Baltazar, o corsa vinha em alta velocidade e ao perceber que ia bater reduziu, mas não teve como evitar.
Os corpos estão no Instituto Médico Legal (IML) de Juazeiro.

Grazzi Brito, jornalista, mora em Juazeiro(BA)

jun
28
Posted on 28-06-2009
Filed Under (Newsletter) by vitor on 28-06-2009

Alegria de campeões
campeao1

=================================================
De virada heróica e espetacular, que deu sabor especial ao triunfo por 3 a 2 contra os Estados Unidos, a seleção do Brasil conquistou na África do Sul, neste domingo(28), o seu terceiro título de campeão da Copa das confederações. O time de Dunga teve que suar muito para truncar o sonhos dos americanos de levar a taça para casa pela primeira vez, depois de sair do primeiro tempo vencendo por 2 a 0.

O futebol de contraataques do craque Donovan e seus companheiros criou problemas e deu muita dor de cabeça na seleção de Kaká, principalmente no primeiro período, mas o Brasil apelou para todas as suas possibilidades e foi premiado no final com uma vitória arrancada com um gol de cabeça do zagueiro Lúcio, que assegurou ao melhor time a taça merecida.

Os dois gols da etapa inicial marcados pelos Estados Unidos (Dempsey e Donovam),  jogando de maneira muito semelhante ao desempenho tático na vitória contra a Espanha, fizeram os americanos acreditar mais que nunca, por alguns intantes, no slogan de Barack Obama: “Yes, We Can”. Puro engano, pois logo o Brasil recuperou seu melhor nível de jogo e o trofeu ficou mesmo com quem mais mereceu não apenas hoje, em Joanesburg, mas em toda Copa das Confederações. Dois gols de Luis Fabiano, o artilheiro da Copa, um deles depois de jogada espetacular de Kaká (que recebeu o trofeu de melhor jogador do torneio), e um de Lucio, foram suficientes para o triunfo consagrador. O gol de Kaka (a bola entrou quase meio metro além da linha quando foi tirada pelo grande goleiro Haward, e só o juiz e o bandeirinha não viram). Fica de lambuja.

É como escreveu o repórter Jesus Alcayde, em seu texto sobre a final da Copa das Confederações, neste domingo na Africa do Sul: “Gary Lineker (antigo craque inglês) tinha razão apenas em parte. O futebol é um jogo de 11 contra 11 em que sempre vence …o Brasil. Jogue bem como ante os Estados Unidos, ou o faça mal, como no resto do torneio, a “seleçao” leva colada à sua legendária camiseta amarela, o selo dos vencedores, um gene competitivo que convoca os seus jogadores para um combate em que a palavra derrota está proibida.”

Pode festejar, Brasil.

jun
28

Deitados na rua hondurenhos tentam evitar avanço golpista
honduras1

Um velho e sempre temido fantasma da América Latina, que andava sumido nos últimos anos, volta a assombrar o continente: o Presidente de Honduras, Manuel Zelaya, democraticamente eleito, foi deposto por um golpe militar de Estado neste domingo (28), que já foi unanimemente criticado pela União Europeia e motivou uma reunião de emergência da Organização de Estados Americanos.

O presidente eleito de Honduras, segundo as primeira notícias saídas do país envolto em confusão, boatos e contraininformação, foi preso por militares hondurenhos em Tegucigalpa, e posteriormente levado para uma base aérea nos arredores da capital. Segundo o jornal Diário de Notícias, editado em Lisboa, detenção do presidente ocorreu cerca de duas horas antes do início de uma “consulta popular” lançada por Zelaya para fazer uma revisão da Constituição, declarada inconstitucional pelo Parlamento e pelo Supremo Tribunal.

Zelaya, depois de preso, foi imediatamente deportado pelos comandantes do golpe militar para a Costa Rica, segundo confirmou o próprio Governo costa-riquenho.

(Postado por Vitor Hugo Soares, com informações do DN, de Lisboa, e agências europeias de noticias)

jun
28

Pixinguinha: flagrante eterno de Firmo
pixinguinha
======================================================

Corra que ainda dá tempo de alcançar na passagem por Salvador uma programação imperdível para os leitores do Bahia em Pauta e todos que curtem fotojornalismo de primeira linha. Espante a preguiça, saia de casa e aproveite o último dia da exposição que estará em cartaz no Palacete das Artes Rodin, na rua da Graça. Repetimos:é somente hoje (28.6) até as 18 horas.

Trata-se da inspirada coletânea de imagens comemorativas dos 50 anos de carreira do fotógrafo Walter Firmo. Impossível não deleitar-se com os registros antológicos de Pixinguinha, Cartola, Clementina de Jesus, Ismael Silva, Ataulfo Alves, Nelson Cavaquinho e Xangô da Mangueira, além dos célebres flagrantes de Pelé como um saci e de Bob Marley participando de uma “pelada” no Rio. Compõem ainda a galeria retrospectiva do brilhante fotógrafo brasileiro duas imagens de Olga de Alaketu.

Maria Olivia é jornalista.

jun
28
Posted on 28-06-2009
Filed Under (Artigos, Multimídia) by vitor on 28-06-2009


================================================
28 de junho de 2009.

Em data como essa, no ano de 1945, chegava ao planeta Raul Seixas, como um meteorito caído milagrosamente em terras Salvador da Bahia. Era o mesmo ano das bombas de Hiroshima e Nagasaki, no fim da Segunda Guerra Mundial.Anos mais tarde, nos cinzentos 60/70, em apresentações memoráveis, ele iluminava domingos de Rock, no Cine Roma, na Cidade Baixa, onde começaria a despertar a atenção da cidade e do país, iniciando assim a escalada para transformar-se em um dos maiores e mais importantes fenômenos da música no Brasil – do rock brasileiro em especial. Hoje é dia de lembrar Raúl, o maluco beleza que propôs com o parceiro Paulo Coelho, a Sociedade Alternativa. Um domingo para ler seus textos, idéias, poemas e e escutar suas música prestando bem atenção nas letras, sempre especiais. É com a música de Raul, portanto, que Bahia em Pauta começa este domingo do aniversário de uma figura que faz muita falta à Bahia, ao país e ao planeta, mesmo estando sempre presente. Salve Raul, onde ele estiver!

(Vitor Hugo Soares)

maluco

  • Arquivos