jun
13
Postado em 13-06-2009
Arquivado em (Artigos) por vitor em 13-06-2009 00:09

Antonio, o santo do dia
antonio1
==================================================

ARTIGO DA SEMANA

FOGUEIRAS JUNINAS E O BLOG DA PETROBRAS

Vitor Hugo Soares

Empacada pela briga de foice das manobras manjadas e vulgares, de tropas parlamentares do governo e da oposição , a CPI da Petrobras teve adiado o seu início pela terceira vez. Enquanto isso, através de seu presidente, José Sergio Gabrielli, entrevistado pelo programa de TV, Roda Viva, e pela revista eletrônica Terra Magazine, a Petrobras comunica que está “pronta” para o embate, que se prevê dos mais renhidos e ferozes em campos brasileiros desde a Guerra de Canudos, travada nos primórdios da República no sertão da Bahia.

Enquanto o jogo pelo comando da comissão não se decide no Congresso, a estatal já pode computar a primeira vitória política de vulto na estratégia montada internamente para enfrentar os repuxos atuais e os esperados a partir da instalação da comissão investigativa, que trará uma nova rotina para empresa, como deixou claro Gabrielli, principalmente na entrevista publicada no Blog do jornalista Bob Fernandes.
Aqui se fala, evidentemente, do “Fatos e Dados”, o blog criado dentro do espírito sintetizado na apresentação da matéria jornalística da TM: responder a todas as acusações – de parlamentares e da imprensa – envolvendo as decisões e obras da Petrobras. “O que tiver de equívoco será avaliado. O que tiver de melhorar, vai melhorar. As acusações infundadas serão tratadas assim, como acusações infundadas”, adianta o dirigente da estatal.

A parte retórica é coisa para se tirar a limpo no futuro, se e quando a CPI for instalada. Não falta quem duvide desde já, que a comissão será cozinhada em fogo brando nas fogueiras ardentes deste mês de festejos juninos até virar cinza que será lançada no mar profundo do esquecimento, e o caso substituído por outro escândalo. Pelo menos o glorioso Santo Antonio, louvado no mundo cristão neste sábado, 13 de Junho, até por incrédulos empedernidos como o autor destas linhas, deve estar vendo tudo isto.

O fato é que o Blog da Petrobras bombou a semana inteira. Ocupou os espaços mais amplos, interessantes e instigantes do debate nacional sobre imprensa, censura e ética, tão raro no País. Funcionou como uma espécie de divisor de águas e de opiniões, principalmente no âmbito dos veículos de comunicação – grandes jornais, redes de TV, emissoras de rádio e principalmente blogs, como este de Noblat. Mobilizou corporações. Da ANJ à ABI quase todo mundo entrou na briga, a favor ou contra. Até a imprensa internacional caiu no forró.

A designação, neste caso, tem significado vinculado à expressão americana “for all” (para todos), que tantos atribuem à palavra consagrada pelo mago pernambucano da sanfona, Luis Gonzaga. Além, é claro, da influência deste período do ano sempre propício a fogueiras, ladainhas e fogos de artifícios de todo tipo, das perigosas bombas e “espadas” às inofensivas “chuvas de prata”, que encantam, distraem os olhos, sem fazer mal a ninguém. Assim como os chistes políticos do senador tucano Arthur Virgílio.

Perigosos mesmos são os balões em um país cada vez mais povoado de campos de petróleo e gás, plataformas de exploração, refinarias em operação ou sendo construídas. É fato que os balões de verdade praticamente desapareceram. Mas permanecem cruzando os céus em várias regiões da País -Brasília principalmente – os chamados “balões de ensaio”, que embora virtuais, são tão ou mais inflamáveis e destrutivos que aqueles produzidos com coloridos pedaços de papel de seda e pavio embebido em querosene.

Leio, por exemplo, o texto publicado no diário espanhol “El País”, assinado pelo correspondente no Rio de Janeiro, Juan Arias. Informa: servindo-se das novas possibilidades brindadas pela Internet, a multinacional brasileira, uma das seis maiores empresas petroleiras do mundo, acaba de lançar um polêmico blog intitulado “Hechos y Datos” (Fatos e Dados). “Enquanto eles (da Petrobras) o qualificam de “novidade democrática”, os meios de comunicação o denominam de “chantagem informativa”. Para uns o blog é genial, para outros é diabólico”, diz o diário de Madri.

A matéria, ilustrada com uma foto sorridente do presidente Luis Inácio Lula da Silva, traz como peça de resistência opinativa sobre imprensa e ética, palavras do jornalista e professor Carlos Alberto Di Franco, diretor do Instituto Internacional de Ciências Sociais. Di Franco, pensador de vínculos notórios com a Opus Dei – seita religiosa ultraconservadora que fincou bases sólidas na Espanha do tempo da ditadura franquista e segue influente lá como aqui – assinala: “não é ilegal, mas desde o ponto de vista ético e de colaboração com os meios de comunicação, atropela o processo informativo de forma inédita”.

Inédita? Só pode ser lapso de memória ou “balão” lançado às vésperas do São João e da CPI pelo insigne mestre de Navarra. Mas esta é outra história e o espaço “estourou”. Por enquanto, Viva Santo Antonio!

Vitor Hugo Soares é jornalista. E-mail:vitor_soares@terra.com.br

Be Sociable, Share!

Comentários

Emerson on 13 junho, 2009 at 19:57 #

Eu gostaria de entender essa briga de cachorro grande.
Ter ou não ter a CPI da Petrobras?
Minha avô já me dizia: “Quem não deve não teme.”


Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos