jun
08
Postado em 08-06-2009
Arquivado em (Artigos) por vitor em 08-06-2009 19:00

João de novo em campanha
gedjoao
====================================================
Enquanto Salvador se dissolve, abalada pela chuva, pelo vento e pela desenfreada especulação imobiliária dos dias que correm, o prefeito João Henrique (PMDB) parece navegar no mais tranquilo dos mares. Ao que tudo indica, picado irremediavelmente pela mosca azul da eleição de 2010, que o faz sonhar o tempo inteiro com o lugar do governador Jaques Wagner no Palácio de Ondina, JH têm-se dedicado quase em tempo integral a seus esportes favoritos: divagar no óbvio ou, principalmente, repetir frases de efeito que marqueteiros de plantão produzem aos montes para deleite do prefeito e desgraça da cidade.

Sem gabinete para despachar,com sua equipe, ultimamente (parte do Palácio Tomé de Sousa foi tomada pelas águas dos temporais), nem apetite para administrar o dia-a- dia das dificuldades que se multiplicam na terceira capital do País, o prefeito navega em nuvens de sonhos. Se reune em salas de empresas de propaganda -onde só escuta o que soa bem aos seus ouvidos – ou viaja para encontros-comícios de seu partido no interior do Estado, espaços ideais para testar cada nova frase que os marqueteiros lhe sugerem.

No último domingo, João Henrique nem parecia o mesmo e andava solto como o diabo gosta. Na cidade de Santa Luz, região do sisal, onde sob o comando do ministro da Integração, Geddel Vieira Lima, o PMDB promoveu mais um de seus encontros “para discutir 2010”, o prefeito de Salvador transpirava entusiasmo e otimismo: “Mais uma vez o coração vai vencer a estrela na Bahia”, proclamou JH para a feliz plateia de correligionários.

Palmas. Ninguém para avisar a JH que ainda falta mais de um ano para a eleição de 2010, e isto em política é muito tempo. Nem para dizer que futucar o diabo tão cedo talvez não seja bom negócio. Ele precisa antes, se não “dar um jeito”, como pede o compositor, pelo menos dar uma olhada na petição de miséria e abandono em que está uma das mais louvadas cidades do Atlântico Sul, até passado recente.

Ou mesmo que, se o PMDB o indicar para disputar o governo do Estado, é bem possível que ele não encontre pela frente a mesma ”mangaba” que foi derrotar o ex-deputado Walter Pinheiro, bastando o dedo em riste na cara do atemorizado parlamentar petista, alguns serviços de última hora com nomes de programas pomposos e as frases e jingles dos marqueteiros para esconder a realidade até passar a eleição e a chuva chegar.

Com o temporal que volta a açoitar Salvador, e o cáos outra vez instalado na cidade, em uma segunda-feira, eis mais uma oportunidade para JH descobrir que, para chegar a Ondina, frases de efeito só não bastam!

( Vitor Hugo Soares)

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos