jun
03
Posted on 03-06-2009
Filed Under (Newsletter) by vitor on 03-06-2009

Maestro Silvio Barbato
maestro

A companhia aérea francesa Air France divulgou, finalmente, na noite desta quarta-feira(3),em São Paulo, a lista com os nomes dos passageiros do Airbus A330-200, voo AF 447, que desapareceu dos radares na noite do último domingo (31) quando fazia a rota Rio de Janeiro – Paris. Foram divulgados os nomes de apenas 53 passageiros brasileiros, cujos parentes autorizaram a divulgação, estão na lista.Na aeronave que caiu no oceano por causa ainda desconhecida viajavam 58 brasileiros entre os 228 ocupantes do avião. O nome de passageiros de outras nacionalidades não foi divulgado.

São os seguintes os nomes da relação distribuída pela companhia aérea francesa:

Adriana Henriques

Adriana Sluijs, 40, jornalista, trabalhava na área de comunicação corporativa da Petrobras.

Ana Carolina Silva

Ana Luisa Curty

Angela Cristina De Oliveira Silva

Antonio Augusto Gueiros, diretor de informática da Michelin Brasil

Bianca Cotta, recém-formada em medicina, viajava em lua-de-mel com o marido Carlos Eduardo Macário de Melo. Ela é de uma família de juristas de Niterói, neta do desembargador Eneas Cotta, e sobrinha da desembargadora Renata Cotta

Bruno Pelajo

Carlos Mateus

Carlos Eduardo de Mello, advogado, viajava em lua-de-mel com a mulher, Bianca Machado Cotta

Deise Possamai, 34, fiscal de tributos da Prefeitura de Criciúma, em Santa Catarina.

Eduardo Moreno

Ferdinand Porcaro

Francisco Vale

Gustavo Mattos

Izabela Kestler, professora de alemão do Departamento de Letras Anglo-Germânicas da Faculdade de Letras, da UFRJ. Ela atua principalmente no ensino de literatura alemã. Seguia para Leipzing, na Alemanha, onde acontece um congresso na Assembleia da Sociedade Goethe-Weimar

Jean Claude Lozouet

João Marques Silva, engenheiro mecânico, trabalha há um ano e meio no Estaleiro Atlântico Sul, em Ipojuca (PE). Faria escala em Paris, de onde seguiria para a Ásia, onde ia negociar equipamentos para plataformas de petróleo. Casado, tem cinco filhos

Jose Souza

Jose Gregorio Marques

Jose Roberto Gomes Da Silva

Julia Chaves De Mirandas Chmi

Juliana De Aquino, 29, cantora, morava na Alemanha, para onde voltava depois de passar férias no Brasil desde 11 de maio

Leonardo Dardengo, 31, oceanógrafo e doutorando da Coppe/UFRJ. Participou de vários programas e projetos de pesquisa da universidade

Leonardo Pereira Leite

Leticia Chem, 36, gerente de roaming internacional da operadora Oi, filha de Roberto e Vera Chem, viajava para a Grécia com os pais

Luciana Seba

Luis Claudio Monlevad, 48, gerente de qualidade da empresa Saint-Gobain Canalização

Luís Roberto Anastácio, 50, presidente da Michelin (multinacional francesa do ramo de pneus) para a América do Sul. Casado e com dois filhos, graduou-se em engenharia mecânica com pós-graduação na área de administração de empresas. Participava dos principais Grupos Executivos da Michelin, o GOS – Grupo de Orientações Estratégicas e o CEG – Conselho Executivo do Grupo (estendido)

Marcela Pellizzon, 29, funcionária da petrolíferea norueguesa StatoilHydro

Marcelo Oliveira

Marcia Mosconde Faria

Marco Mendonca, diretor de manganês da mineradora Vale

Maria Vale

Maria Teresa Marques

Mateus Antunes

Nelson Marinho, 40, mecânico de engrenagens

Octávio Antunes, professor do Instituto de Química da Universidade Federal do Rio de Janeiro

Patricia Antunes

Paulo Vale

Pedro Luiz De Orleans e Braganca, 26, descendente de dom Pedro 2º, herdeiro da família real brasileira, quarto na linha sucessória do trono da família Orleans e Bragança, filho do príncipe dom Antônio

Roberto Chem, 65, diretor do Banco de Peles e do Serviço de Cirurgia Plástica da Santa Casa de Porto Alegre. Considerado referência em micro-cirurgia na América Latina, foi o criador do único Banco de Peles do Brasil. Viajava com a mulher, Vera, e a filha, Letícia, para a Grécia

Silvio Barbato,ex-diretor musical da Orquestra Sinfônica do Teatro Municipal do Rio de Janeiro e da orquestra do Teatro Nacional Claudio Santoro, de Brasília. Foi condecorado com a Medalha do Mérito Cultural da Presidência da República e com a Ordem do Rio Branco do Ministério das Relações Exteriores

Simone Elias

Solu Wellington Vieira De Sa

Sonia Ferreira

Sonia Maria Cordeiro Porcaro

Tadeu Moraes

Valnizia Betzler

Vanderleia Carraro

Vera Chem, 63, psicóloga, viajava para a Grécia com o marido, Roberto Chem

Veronica Ivanovitch

Walter Carrilho Junior

Submarino Nautille/AFP(imagem de 2002)
nautille
==================================================
O jornal Diário de Notícias, de Lisboa, informa em sua edição on-line desta quarta-feira(3), que o submarino francês “Nautile”, que filmou os destroços do navio Titanic em águas profundas do Atlantico, deverá participar no resgate da Caixa Preta do avião da Air France que caiu no oceano, na costa brasileira, na madrugada de segunda-feira.

O Nautile, que também ajudou na busca pelo petroleiro Prestige em 2002, segundo o DN já estaria a caminho da área dos destroços, a bordo do navio “Pourquoi Pas”.

O mini-submarino pertence ao Instituto Francês de Pesquisas para a Exploração do Mar e estava em missão nos Açores, na costa portuguesa.

jun
03
Posted on 03-06-2009
Filed Under (Artigos) by vitor on 03-06-2009

Minc na Bahia: torradeira em ação
ministro
==================================================
Começam a furar as paredes e ganhar as ruas (cada vez com maior intensidade) o que até terça-feira (3) não passavam de sussuros restritos aos limites dos gabinetes mais bem situados de Brasília: os ruídos sobre o futuro do ministro do Meio Ambiente, Carlos Minc, no governo do presidente Lula.

O verde do Rio de Janeiro fica cada dia mais avermelhado (quase tostado) pelo “efeito frigideira” a que vem sendo submetido nos últimos dias dentro da própria administração federal. A gota d’ agua que entornou o copo, no entanto, parece ter sido a imagem e as palavras de Minc no palanque do protesto em Brasília, no ato de quatro mil trabalhadores rurais ligados à Contag na Esplanada dos Ministérios.

A parte do discursos em que Minc chama de “vigaristas” os parlamentares da bancada ruralista (que os ambientalistas denominam de “bancada da motosserra” no Congresso – transmitidas nos noticiários das principais redes de televisão do país na noite de terça-feira(2) – furou fundo a carne e ego de muita gente, inclusive dentro do governo.

O boné usado pelo ministro do Meio Ambiente durante a manifestação, que causou calafrios nos ruralistas, também não agradou a poderosos do Planalto, que querem comer assado o fígado de Minc.

O problema, para o governo, é saber: quem, com alguma credibilidade internacional, se disporá a assumir o pepino monumental representado pela fogueira permanente que cerca o Ministério do Meio Ambiente, que já queimou a respeitada e discreta ministra Marina Silva e agora torra, implacavelmente, também, o agressivo e falastrão Minc?

A conferir.

(Vitor Hugo Soares)

jun
03
Posted on 03-06-2009
Filed Under (Entrevistas) by vitor on 03-06-2009

Dirceu: articulações na Bahia
dirceu
Deu na revista:
====================================================
A entrevista da edição desta semana da revista “Isto É” traz o ex-ministro e ex-deputado federal, José Dirceu (PT), que faz revelações sobre suas viagens pelo país no trabalho silencioso de articulação da candidatura da ministra-chefe da casa Civil, Dilma Roussef, à presidência da República.

Leia, a seguir, a parte referente á Bahia:
================================================
ISTO É: E na Bahia, o sr. já conversou com o ministro Geddel Vieira Lima. Ele pode sair para o senado para não ameaçar a reeleição do governador Jaques Wagner?

Dirceu: Eu conversei com o ministro Geddel, mas já faz tempo. Estou inclusive para procura-lo para outra conversa. Onde o PT governa é natural que dispute a reeleição. Acho que o Geddel quer ser candidato a senador. Mas ele alega que há riscos de o PT lançar um candidato que concorra com ele.

Isto É: O PT, então, não terá candidatoa senador na Bahia?

Dirceu: Depende. Temos que fazer pesquisa, analisar, porque lançar um candidato isolado também pode ser errado. Já tivemos experiência de lançar candidato fraco e perder a eleição exatamente por isso.

(Postado por Vitor Hugo Soares)


A música para começar o dia nesta quarta-feira(3) – a exemplo da linda crônica de ontem da jornalista e escritora Aparecida Torneros, que o Bahia em Pauta publica logo a baixo – é um bálsamo para amenizar temores que andam pelos aeroportos e pelo espaço nos útimos dias, principalmente na romântica rota Rio-Paris. É o Samba do Avião, imortal criação de Tom Jobim. A emoção se completa no vídeo do You Tube com cenas deslumbrantes do Rio de Janeiro no sobrevôo de tirar o fôlego sobre a Cidade Maravilhosa.

(Vitor Hugo Soares)

  • Arquivos