abr
27
Posted on 27-04-2009
Filed Under (Artigos) by bahiaempauta on 27-04-2009


Correa já festeja no Equador

Considerando-se vitorioso no primeiro turno, o presidente Rafael Correa já agradeceu aos equatorianos pela reeleição, mas a oposição ainda não reconheceu a vitória do adversário e acha que o resultado apurado ainda é reversível. Na capital Quito e em várias cidades equatorianas, porém, a festa da reeleição de Corrêa já tomou as ruas.

“Hasta la victoria siempre!” (Até a vitória, sempre) exclamou Rafael Correa, parafreaseando a célebre insignia do guerrilheiro Che Guevara, diante de centenas de eleitores com bandeiras verdes da Aliança Pais, em Quito. O Presidente do Equador acabara de anunciar a sua vitória nas eleições de domingo. Mas os 50,7% de votos que obtinha, com 70% dos boletins contados, não chegaram para convencer a oposição a aceitar a derrota.

“As minhas primeiras palavras vão para o povo equatoriano e são de agradecimento porque vencemos de forma esmagadora”, sublinhou Correa, segundo noticiou na noite desta segunda-feira o jornal português Diário de Notícias.

Rafael Correa foi eleito pela primeira vez em 2006 e é primeiro indígena a ocupar o cargo. Pouco depois de fechadas as urnas, três pesquisas davam vitória ao presidente por uma diferença de 50 a 54% dos votos.
Com 2,5 milhões de votos ainda por contar (em 10,5 milhões), a vantagem de Correa é reversível, mas improvável.

A vitória de Correa no primeiro turno seria histórica: desde o regresso da democracia ao Equador, em 1979, nenhum chefe do Estado o conseguiu. O nacionalista Lucio Gutierrez ainda não aceitou a derrota.

abr
27
Posted on 27-04-2009
Filed Under (Artigos) by bahiaempauta on 27-04-2009


Carter e Hage em Lima

==============================================
Convidado pelo Carter Center, organização não-governamental dedicada à defesa das liberdades democráticas e dos direitos humanos, o ministro da Controladoria Geral da União (CGU), Jorge Hage Sobrinho, vai participar como palestrante, a partir de amanhã (28), da Conferência Regional das Américas sobre Direito de Acesso à Informação, que se realiza terça e quarta-feiras em Lima, no Peru.

O Carter Center é a ONG dirigida pelo ex-presidente democrata dos Estados Unidos e Prêmio Nobel da Paz de 2002, Jimmy Carter, que será a atração principal do encontro de dois dias. O evento reunirá cerca de cem participantes das Américas, por meio de representantes dos governos, sociedade civil, setor privado, universidades, fundações doadoras e instituições financeiras internacionais, com o propósito de refletir sobre “êxitos e lições aprendidas ao longo da última década nas questões do acesso à informação”.

Na ocasião, os participantes irão partilhar conhecimentos e experiências, bem assim explorar conjuntamente “as difíceis questões colocadas pela política de acesso à informação no continente”. Carter, que recebeu o Nobel por seu trabalho na promoção, defesa e consolidação da democracia e dos direitos humanos, receberá no Peru um prêmio da “Defensoría do Povo”.

Na viagem que faz atualmente por vários países da América Latina, Carter passará também pelo Brasil, no começo de maio, onde se reunirá com autoridades do governo em Brasília e com líderes políticos e económicos em São Paulo, “para discutir o estado da democracia na região, assim como a crise financeira internacional, energia e alimentação”.

(Por: Vitor Hugo Soares)

abr
27
Posted on 27-04-2009
Filed Under (Artigos) by bahiaempauta on 27-04-2009


A ponte em maquete de 1980 da Odebrecht

————————————————————–

Perguntar não ofende:

O governo do Estado deu um tempo para o velório, mas não enterrou a idéia de construção de uma ponte ligando Salvador à Ilha de Itaparica. Aparentemente foram inúteis as críticas severas, como as do imortal itaparicano João Ubaldo Ribeiro, das prioridades mais urgentes, da falta de recursos em tempo de crise e, principalmente, pela distância de tanto mar a vencer para viabilizar a obra.

Agora o novo secratário de Planejamento, Walter Pinheiro, anuncia que vai “abrir debates com prefeitos, câmaras de vereadores e segmentos como as comunidades organizadas do Recôncavo, sobre a necessidade (e viabilidade) da construção da ponte”, para além dos interesses das empreiteras da construção civil. O argumento mais forte agora é que, em razão de suas características geográficas, “Salvador virou beco sem saída do ponto de vista rodoviário”.

A pergunta que não quer calar é quando começa, de fato, o debate prometido pelo secretário Pinheiro: amanhã, durante a polêmica reunião de prefeitos promovida pela UPB”?.

(Por:Vitor Hugo Soares)

abr
27
Posted on 27-04-2009
Filed Under (Artigos) by bahiaempauta on 27-04-2009


Daniel Dantas na saída da PF/Ag. Estado

Em matéria produzida em São Paulo pela repórter Eliana Patrícia Cruz, a Agência Brasil informa que, por orientação de seu advogado, o banqueiro Daniel Dantas, do grupo Opportunity, manteve-se em silêncio durante depoimento na manhã desta segunda-feira (27) na sede da Superintendência da Polícia Federal (PF) . Dantas saiu do prédio às 8h26, indiciado por formação de quadrilha e crimes financeiros, entre eles gestão fraudulenta, evasão de divisas e lavagem de dinheiro.

“Houve indiciamento formal dele (Dantas) e nos colocamos à disposição [da PF]”, disse o advogado do banqueiro, Andrei Schmitt. Ele reclamou da divulgação do indiciamento pela imprensa antes de ocorrer formalmente. “Não há exercício de defesa com indiciamento já pronto”, criticou.

O advogado disse à reporter da AB, que o Supremo Tribunal Federal (STF) assegurou à defesa de Dantas acesso irrestrito às provas coletadas pela Polícia Federal. De acordo com Schmitt, até que elas sejam incorporadas aos autos, a defesa permanecerá em silêncio.

A matéria informa ainda, que além de Daniel Dantas, devem ser ouvidos hoje pela PF mais cinco diretores do Opportunity, entre eles a irmã do banqueiro, Verônica Dantas.

abr
27
Posted on 27-04-2009
Filed Under (Artigos) by bahiaempauta on 27-04-2009


A memória dos 120 anos do nascimento do Mestre Pastinha e a presença permanente da capoeira de Angola na Bahia, da qual ele virou um dos símbolos maiores, cria também o gancho para um grande encontro musical para começar o dia. Dois criadores da Bossa Nova, Vinicius de Moraes e Tom Jobim, tendo ao lado no palco o parceiro dos dois, Toquinho, e a cantora Miucha, interpretam um pout-pourri, que vai de Capoeira, a Consolação, passando por Canto de Ossanha, de Baden Powel, sem sair do tom. Delícia que o Bahia em Pauta oferece aos seus leitores e à memória de Pastinha.
(Vitor Hugo Soares)

abr
27
Posted on 27-04-2009
Filed Under (Artigos) by bahiaempauta on 27-04-2009


Memória do Mestre

Presença permanente/Correio da Bahia

————————————————————

CRÔNICA DA MEMÓRIA

Festa da Capoeira

Ivan de Carvalho

Os 120 anos de nascimento de Vicente Ferreira Pastinha, o famoso Mestre Pastinha, principal personagem do mundo da capoeira em Salvador e certamente na Bahia, foram comemorados no dia 05 deste mês, no Forte da Capoeira (Forte de Santo Antônio Além do Carmo) com um evento promovido pelo Centro Esportivo de Capoeira Angola (Ceca) e pela Academia de João Pequeno de Pastinha.

Mestre Pastinha nasceu em 5 de abril de 1889, filho de José Señor Pastinha (descendência espanhola) e de Raimunda dos Santos (negra de Santo Amaro da Purificação). Aos dez anos – há quem diga que aos oito – começa a aprender capoeira com o velho Benedito. Aos 12 anos entra para a Escola de Aprendizes da Marinha e lá já ensina capoeira aos colegas. A partir de 1941, assumiu e levou adiante, até sua morte, em 13 de novembro de 1981, com 92 anos, o Centro Esportivo de Capoeira Angola, hoje comandado por seu ex-discípulo Mestre João Pequeno de Pastinha e que funciona no Forte da Capoeira, antigo Forte de Santo Antônio Além do Carmo, onde já funcionou inclusive a Casa de Detenção de Salvador.

Mestre Pastinha, tanto quanto Mestre Bimba (criador da capoeira Regional Baiana), foram e ainda são os maiores expoentes da capoeira, hoje praticada em mais de 130 países do mundo. Além do grande número de convidados e do público em geral, participaram do evento mestres e alunos de várias academias de capoeira de Salvador e outras cidades baianas, como também de outros Estados. Entre os mestres presentes estiveram João Pequeno de Pastinha, Gildo Alfinete, Vermelho de Pastinha, Bola Sete, Fernando, Boca Rica e Moraes, todos estes ex-discípulos de Mestre Pastinha. Também presentes – e também de Salvador – os mestres Pelé da Bomba, Zoinho, Faísca, Bigodinho, Ciro, Serginho do Pero Vaz e Zé Pretinho. De outras cidades e Estados vieram os mestres Felipe, Lampião e Adol (Santo Amaro), Fernando (Saubara), Joel (São Paulo), entre outros.

O evento reforçou a disposição de todos os mestres e alunos presentes de, com “União, Paz, Fraternidade, Fé e Trabalho”, não medirem esforços na luta pela valorização do legado de Mestre Vicente Ferreira Pastinha e pela consolidação da própria arte da capoeira. Encerrando o evento, houve uma confraternização, quando foram servidos pratos típicos, além de vinhos, sucos e refrigerantes.

O encontro incluiu uma “oficina de confecção de caxixis”, além de palestras e debates sobre Mestre Pastinha, sua árvore genealógica e sua viagem à África em 1966 (por mestre Alfinete), Dia a Dia do Ceca na década de 60 e Mestre Pastinha e o Balão (por mestre Vermelho de Pastinha), Os Ensinamentos de Mestre Pastinha (por mestre Boca Rica), Mestre Pastinha e o Amarelo e Preto (por mestre Moraes), Porque os João – João Pequeno e João Grande – Não Usam Amarelo (por mestre Zoinho), Para quem Mestre Pastinha Deu o Pulo do Gato (por mestre Bola Sete), além da abordagem de outros temas por mestres Ciro, Fernando, Faísca, Brandão, Felipe, Lampião, Joel e Adol.

Um dos pontos altos do evento foi uma roda de capoeira dos sucessores de Mestre Pastinha e convidados, sob o comando de mestre João Pequeno de Pastinha, que, com seus 91 anos, “entrou na roda e vadiou para deleite dos presentes.

Ivan de Carvalho, jornalista político, escreve na Tribuna da Bahia> Crônica especial para Bahia em Pauta.

abr
27
Posted on 27-04-2009
Filed Under (Artigos) by bahiaempauta on 27-04-2009


Jovens de Portugal voltam do México/Público
———————————————————
A Organização Mundial de Saúde (OMS) afirmou neste domingo (26), que ”é possível que o vírus da gripe suína – que fez 21 mortes confirmadas, no México , em 61 mortes suspeitas – ”evolua, tornando-se muito mais perigoso”.

Durante a conferência de imprensa realizada , hoje, por telefone, para vários países, o vice-diretor-geral da OMS, Kenji Fukuda, assinalou que “há uma forte possibilidade de que o vírus evolua. Quando os vírus evoluem, é claro que se podem tornar muito mais perigosos para a população”.

No sábado, a OMS alertava para o “potencial pandémico” do novo tipo de virus H1N1, e classificava o surto como uma “emergência de saúde pública preocupante a nível internacional”.

  • Arquivos