abr
26
Postado em 26-04-2009
Arquivado em (Artigos) por bahiaempauta em 26-04-2009 21:47

 

Segundo gol de Ronaldo (terceiro do Corinthians) no jogo de hoje contra o Santos, placar 3X1.

O pessoal da Batavo que investiu R$ 18 milhões no Timão, para estampar as camisas dos uniformes dos jogadores na frente e nas costas e marcar presença nas placas de campo nos locais de treino até dezembro, deve estar dando pulos de alegria. 

O mundo está cheio de gente que acha que sabe muito, cheio de gente que promete e não cumpre, cheio de gente sem talento na mídia, no esporte, e em outros espaços de grande audiência pública, cheio de gente que fala… fala e na hora do vamos ver: NADA.

Não tem jeito à mediocridade está em toda parte e, às vezes, parece ser a única coisa para todo lado que se olhe. Porque a mediocridade é tão grande e onipresente nos dias atuais, a genialidade impressiona. Impressiona ainda mais quando vem de alguém que já provou tudo que tinha para provar e que poderia simplesmente se dar ao luxo de descansar na fama construída. Ronaldo é um fenômeno e as razões são muitas:

• Apesar de não ter estudado, ele sempre administrou bem a sua carreira e seu dinheiro;
• Tornou-se ídolo muito novo, mas não precisou se alienar em nenhuma religião para manter seu equilíbrio;
• Nunca voltou para favela e achou que ali era o seu lugar acuado com as próprias conquistas;
• Ele não é perfeito (nem finge que é), engorda, faz as suas farras, cai e se machuca, mas sempre VOLTA, não desiste e não deixa ninguém decidir quando ele acabou, antes que ele mesmo decida por isto.
• Ele é simples e simpático, nunca ninguém assistiu uma entrevista ou um comentário arrogante dele, apesar de toda exposição.
• Ele não conversa muito, ele faz;

Como diria Joaquim, primo querido, “não é só talento é preciso muito Q.I. para fazer o que este cara faz”.

Por Laura Tonhá

Be Sociable, Share!

Comentários

Mel de Campos on 26 Abril, 2009 at 22:46 #

“Quem sabe faz a hora…” e o Fenômeno mostrou isto mais uma vez. Bom demais!


Lena on 27 Abril, 2009 at 0:31 #

Olhe que eu já não esperava tanto dele e me surpreendi. Fiquei feliz prá caramba,afinal, fica o exemplo de superação, de que nada é impossível. Agora, olhe só o novo corpinho desse rapaz! Tá nos trinks e é o que faltava também,não é?


Graça Tonhá on 27 Abril, 2009 at 12:12 #

Laura:
Neste texto você, como sempre observadora e torcedora de Ronaldo, traduziu toda emoção e alegria pela atuação desde jogador genial. Bjs.


Laura Tonhá on 28 Abril, 2009 at 10:22 #

Eh verdade Lena, ele readquiriu a boa forma, persistência, empenho, vontade.

Graça, como vc disse eu sempre GOSTEI muito do Ronaldo (sempre foi meu jogador favorito), ele não faz o gênero “malandro” como Maradonna, Romário, Garrincha etc; nem pousa de bom moço como Pelé, Caca, Leonardo, Raí. como vc diria ele é simplesmente ele – real, talentoso, persistente; caindo muitas vezes, mas, principalmente, mostrando a todos que o RETORNO é possivel. Hasta la vista!


Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos