mar
30
Postado em 30-03-2009
Arquivado em (Artigos) por bahiaempauta em 30-03-2009 14:08

Despedida de um gênio/EFE

Maurice Jarre, o notável compositor de origem francesa nacionalizado americano, autor de algumas das mais notáveis trilhas musicais do cinema – “Doutor Jivago” (1965), “Lawrence da Arábia”(1962) e “Passagem para a Índia” (1984)-, morreu na madrugada deste domingo (29), aos 84 anos, em Los Angeles, vitimado por um câncer.

Jarre, além de detentor de uma produção musical invejável, passará para a história por ter conquistado três estatuetas do “Oscar”, prêmio máximo da Academia de Artes de Hollyood , como autor das trilhas sonoras destas três películas, sucessos mundiais de critica e de público, todas elas dirigidas pelo cineasta David Lean. A morte do maestro e compositor foi confirma na manhã desta segunda-feira(30) , pelo agente de seu filho, Jean Michel Jarre, pioneiro da música eletrônica.

Na história do cinema nenhum outro compositor recebeu três estatuetas de Hollywood, láureas às quais Jarre soma, entre outros, quatro Globos de Ouro, além do Urso de Ouro que ele recebeu em fevereiro passado no Festival de Berlim, onde aconteceu a sua última aparição pública antes do câncer acabar com a vida do músico genial. Nunca antes Berlim havia outorgado este galardão a um compositor.

Requisitado por grandes diretores de Hollywood, Jarre recebeu nove nominações para o Oscar e 11 para o Globo de Ouro, prêmio maior da crítica. O adeus de um mestre de obra imortal.
(Vitor Hugo Soares)

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos

  • Março 2009
    S T Q Q S S D
    « fev   abr »
     1
    2345678
    9101112131415
    16171819202122
    23242526272829
    3031